Disponibilidade e perdas de matéria seca em pastagem de capim-elefante (Pennisetum purpureum, Schumack) submetida a diferentes períodos de descanso

Elephantgrass (Pennisetum purpureum, Schumack) dry matter availability and losses under rotational grazing conditions using crossbred cows (Holstein x Zebu) at different resting periods

F.C.F. Lopes F. Deresz N.M. Rodriguez L.J.M. Aroeira I. Borges L.L. Matos A. Vittori Sobre os autores

A disponibilidade de matéria seca e as perdas decorrentes do pastejo com vacas mestiças em lactação foram estimadas em pastagem de capim-elefante (Pennisetum purpureum, Schumack) com períodos de descanso de 30, 36 ou 45 dias, nos meses de fevereiro a setembro. Desconsiderando efeito de mês, os maiores períodos de descanso apresentaram valores médios globais, expressos por unidade de área (kg/ha), semelhantes (P>0,05) entre si para disponibilidade e perdas de matéria seca, mas respectivamente superiores e inferiores (P<0,05) àqueles verificados na pastagem com 30 dias de período de descanso. Com os dados expressos em kg/vaca/dia, e desconsiderando-se efeito de mês, não se observou diferença (P>0,05) entre os períodos de descanso com respeito à disponibilidade e às perdas de matéria seca. Verificou-se comportamento sazonal (P<0,001) para a disponibilidade e perdas de matéria seca. Observou-se gradual declínio da disponibilidade de pasto a partir de março, e de forma mais pronunciada após o mês de maio, atingindo níveis críticos desde junho até setembro, principalmente em função dos baixos índices pluviométricos. As perdas de matéria seca (kg/ha) corresponderam, em média, a 16,4 e 6,5% da matéria seca disponível, respectivamente, nos meses de fevereiro a maio e de junho a setembro.

massa de forragem; pastejo rotativo; vacas em lactação


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br