Efeito da temperatura de descongelação na integridade de espermatozoides criopreservados de cães

The effect of the thawing temperature on the integrity of canine cryopreserved sperm

Avaliou-se a influência da temperatura de descongelação na integridade de espermatozoides criopreservados de cães. Foram utilizados reprodutores das raças Basset Hound (n=3) e Rottweiler (n=3), submetidos a colheitas de sêmen por manipulação peniana. As amostras de sêmen foram descongeladas a 37ºC/1min (G1) ou 70ºC/6s (G2) e avaliadas quanto à motilidade progressiva, vigor e integridade do acrossoma após 0, 30 e 60 minutos de incubação (37ºC), e ultraestrutura espermática imediatamente após a descongelação. Em todos os tempos de incubação, a motilidade progressiva dos espermatozoides descongelados a 70ºC por 6s (74,6%) foi mais alta (P<0,05) que a dos descongelados a 37ºC por 1min (64,6%). O vigor espermático não diferiu (P>0,05) entre os grupos, e o porcentual de gametas com acrossomas íntegros foi maior (P<0,05) nos espermatozoides do G1 do que no G2. Lesões ultraestruturais foram identificadas nos espermatozoides descongelados de ambos os grupos, em maior quantidade nos gametas do G2. Conclui-se que amostras congeladas de sêmen de cães devam ser descongeladas a 37ºC por 1min.

canino; criopreservação; danos espermáticos; ultraestrutura


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br