Cinética de fermentação ruminal das silagens de três híbridos de milho comerciais em diferentes estádios de maturação

Ruminal fermentation kinetics of corn silages from three commercial hybrids at different maturation stages

F.P. Pôssas L.C. Gonçalves L.G.R. Pereira F.S. Machado D.G. Jayme J.A.S. Rodrigues N.M. Rodriguez T.R. Tomich Sobre os autores

Foi avaliada a cinética de fermentação ruminal in vitro de três híbridos comerciais de milho (BRS 1035, BRS 1031 e BRS 1001) colhidos em três estádios de maturidade (pastoso, farináceo e farináceo-duro). Após 96 horas de fermentação, não houve diferença na PCG entre as silagens dos híbridos colhidos nos diferentes estádios de maturidade (P>0,05). O potencial máximo de produção de gases das silagens de todos os híbridos reduziu com o avançar da maturidade da planta, sendo a variação encontrada de 259,3 a 280,0mL/g de matéria seca (MS). Os valores de tempo de colonização variaram de 0h06min a 1h54min. Para as silagens dos híbridos BRS 1035 e BRS 1001, houve aumento no tempo de colonização com o avançar da maturidade da planta. Para as silagens do híbrido BRS 1031, houve aumento dos valores de tempo de colonização quando a planta avançou do estádio pastoso para farináceo, e reduziu quando a maturidade alcançou o estádio farináceo-duro. A taxa fracional de produção de gases "µ" variou entre 0,03mL/h a 0,05mL/h. Com o avançar da maturidade fisiológica, as silagens dos híbridos BRS 1035 e BRS 1001 apresentaram aumento nos valores de µ; já para as silagens do híbrido BRS 1031, os valores de µ aumentaram quando o estádio de maturidade avançou de pastoso para farináceo, e reduziu para farináceo-duro. Os valores das degradabildades efetivas foram superiores para as silagens dos diferentes híbridos colhidas no estádio pastoso. As degradabilidades da MS com o tempo de fermentação de 96 horas variaram de 70,1 a 76,4%. A silagem do híbrido BRS 1035 apresentou melhor valor nutricional quando colhida no estádio pastoso de maturidade. Já a silagem do híbrido BRS 1031 apresentou valor nutricional superior no estádio farináceo, enquanto a silagem do híbrido BRS 1001 apresentou melhor valor nutricional no estádio farináceo-duro.

produção de gases; degradabilidade; estádio de maturidade; silagem de milho


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br