Excisão do limbo esclerocorneano de cães e eventos clínicos decorrentes: estudo de um modelo experimental

A.T.J. Brunelli F.A.M. Vicenti A. Oriá C.F. Campos F.A. Doria Neto J.L. Laus Sobre os autores

As conseqüências da completa remoção do epitélio do limbo esclerocorneano foram avaliadas, bem como o modelo utilizado para tal, em que se empregou o n-heptanol e a ceratectomia superficial. O n-heptanol e a ceratectomia associados possibilitaram a completa excisão das células-tronco. Da destruição dessas células decorrem alterações tectônicas significativas factíveis para estudos dos transplantes de córnea.

cão; células-tronco; córnea


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br