Estudo da capacidade alcalinizante de tampões metabolizáveis em bovinos sadios

The alkalinizing effects of different metabolizable buffers in healthy steers

Seis novilhos mestiços, com cerca de 250kg e um ano de idade, foram infundidos, no decorrer de quatro horas, com cinco litros de diferentes soluções isotônicas de sais sódicos, com 150mM/l de bicarbonato, acetato, propionato, lactato L, lactato racêmico e cloreto (controle), em delineamento em quadrado latino (6x6). Análises hemogasométricas e do pH urinário foram determinadas no decorrer da infusão - zero, primeira e quatro horas - e após o seu término, na oitava hora. O pH do sangue foi maior nos animais infundidos com os tampões que nos infundidos com cloreto; teores mais elevados de bicarbonato e de excesso de ácido-base sanguíneos foram obtidos na quarta e oitava hora nos infundidos com bicarbonato e lactato; o mesmo ocorreu com a pressão de CO2 na oitava hora. Os resultados indicam que os tratamentos com Bicarbonato e lactato proporcionam acúmulo de tampões no sangue e geram discreta alcalose metabólica, compensada organicamente por leve retenção de CO2. a infusão com bicarbonato de sódio causa elevação do pH urinário.

bovino; tampão; tratamento; acidose metabólica; alcalinização


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br