Comportamento de calopsita (Nymphicus hollandicus) sob duas temperaturas em cativeiro

T.S.G. Carvalho M.G. Zangeronimo C.E.P. Saad R.R. Alvarenga V.D.L. Assis V.M. Pereira J.D. Scalon J.P. Silva Sobre os autores

RESUMO

Estudos comportamentais com calopsitas (Nymphicus hollandicus) em cativeiro são escassos. Devido à necessidade de um manejo adequado desses animais, este estudo foi realizado para avaliar o comportamento de calopsitas mantidas em cativeiro em duas temperaturas. Dezesseis calopsitas foram alojadas individualmente em gaiolas (62cm de altura x 43cm de comprimento x 27cm de largura) e alimentadas com ração comercial e mistura de sementes para psitacídeos. A água foi fornecida ad libitum. O período experimental foi de oito dias, dividido em duas fases de quatro dias cada. Na primeira fase, as aves foram mantidas à temperatura ambiente (25°C), com 70% de umidade relativa, durante o dia e a noite. Na etapa seguinte, elas foram mantidas a 35°C de 6-18h e 25°C de 18-6h, também com 70% de umidade relativa. O comportamento das aves foi avaliado através de filmagem de 6-18h. Os comportamentos, deslocando lateralmente no poleiro, andando na tela da gaiola, repousando sobre o ventre, paradas na tela da gaiola, de pé sobre o bebedouro ou comedouro, ingestão de sementes, limpeza das asas e sacudindo a plumagem, não foram influenciados (P>0,08) pelas duas temperaturas testadas. Atividades indesejáveis, tais como roer o poleiro ou a tela da gaiola também não foram influenciadas (P>0,15). Sob a temperatura de 35°C, as aves permaneceram menos frequentemente no chão da gaiola (P<0,02) e mais frequentemente no poleiro. Nessa temperatura, bater as asas e roer o comedouro aumentaram com o aumento do consumo de ração (P<0,01). Concluiu-se que o aumento da temperatura de 25 para 35°C alterou o comportamento das calopsitas, embora esses comportamentos não pudessem ser caracterizados como respostas ao estresse térmico.

aves; Psittaciformes; psitacídeo; conforto térmico; cativeiro; bem-estar animal

Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br