Utilização de sal mineral rico em molibdênio na prevenção da intoxicação cúprica acumulativa em ovinos - microminerais hepáticos

Use of molybdenum rich mineral mix in the prevention of cumulative cooper poisoning in sheep - hepatic microminerals

A.C. Antonelli R.A. Barrêto Júnior C.S. Mori A.H.H. Minervino U.M. Schalch J.C.G. Pacheco E.L. Ortolani Sobre os autores

RESUMO

Este estudo avaliou a capacidade de um sal mineral rico em molibdênio (Mo) em prevenir a intoxicação cúprica acumulativa (ICA), mediante a análise das variáveis clínicas e dos teores de cobre (Cu) e Mo hepático. Foram utilizados 25 ovinos cruzados da raça Ile-de-France, aleatoriamente distribuídos igualmente em cinco grupos, em que o grupo 1 recebia dieta contendo 80% de volumoso e 20% de concentrado, os grupos 2 e 3 recebiam 50% de volumoso e 50% de concentrado, e os grupos 4 e 5 recebiam a mesma dieta dos grupos 2 e 3, com a adição diária de 150mg de sulfato de Cu. Os grupos 1, 3 e 5 recebiam sal mineral contendo 300ppm de Mo. Foram realizadas três biópsias hepáticas para determinação de Cu, Mo e Zn. Três ovinos do grupo 4 e um do grupo 5 manifestaram ICA. Não houve diferença na frequência de mortalidade entre os grupos (P=0,56). Os teores de Cu hepático nos ovinos com ICA (2450ppm) foram superiores aos que não intoxicaram (1518ppm). Quanto maior a ingestão de Mo na dieta, menor foi o acúmulo de Cu hepático ao término do experimento (r = -0,72).

Palavras-chave:
carneiro; cobre; antagonistas; fígado

Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br