Ceratomalácia aguda uma semana após cirurgia de catarata sem complicações em uma paciente com irradiação prévia de uma pálpebra e artrite reumatoide não diagnosticada: relato de caso

Panagiotis Dervenis Panagiotis Vasilakis Theodora Stathi Georgios Giannoulakos Kiriaki Moula Nikolaos Dervenis Anna Praidou Ioannis Rempapis Sobre os autores

RESUMO

É apresentado um caso raro de ceratomalácia paracentral aguda estéril e perfuração da córnea em uma paciente de 86 anos, uma semana após cirurgia para catarata sem intercorrências. Também são discutidos possíveis mecanismos de patogênese e a literatura relevante é revisada. Esses distúrbios da superfície ocular ocorreram devido à irradiação da pálpebra inferior e da bochecha em um tratamento de câncer e a uma artrite reumatoide não diagnosticada anteriormente. A paciente submeteu-se a um tratamento cirúrgico com um flap conjuntival de Gundersen sobre a perfuração existente, devido às suas baixas expectativas visuais e à relutância em submeter-se a uma ceratoplastia da córnea, considerando o risco de rejeição do enxerto corneano. Deve-se sempre considerar o risco de ocorrência de ceratomalácia aguda após cirurgias de catarata sem complicações em olhos apresentando distúrbios da superfície ocular.

Descritores:
Perfuração da córnea; Radiação; Artrite reumatoide; Extracão de catarata

Conselho Brasileiro de Oftalmologia Rua Casa do Ator, 1117 - cj.21, 04546-004 São Paulo SP Brazil, Tel: 55 11 - 3266-4000, Fax: 55 11- 3171-0953 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: abo@cbo.com.br