Cicatrização de feridas sob efeito do cadexômero iodo em ratos

Ester Verônica Brustolin Thelma Larocca Skare Paulo Afonso Nunes Nassif Maria de Lourdes Pessole Biondo-Simões Manoel Alberto Prestes Laila Marim Ozono Camila Ercolin Ramos Sobre os autores

OBJETIVO: Avaliar a ação do cadexômero iodo na cicatrização de feridas cirúrgicas em ratos e se ocorre citotoxicidade com a absorção sistêmica do iodo. MÉTODOS: Utilizou-se 36 ratos Wistar nos quais realizaram-se 53 feridas cirúrgicas com punch de 6 mm de diâmetro. Foram confeccionados duas lesões diametralmente opostas nos animais dos grupos água destilada (GAD) e cloreto de sódio (GCS). Na lesão do lado direito foi utilizado curativo com água destilada e, na do esquerdo, curativo com cloreto de sódio. No grupo cadexômero iodo (GCI), foi feita apenas uma lesão com o punch no lado esquerdo e o curativo foi realizado com cadexômero iodo. Os grupos foram divididos em dois subgrupos conforme o dia da morte (7 e 14). Microscopicamente foi utilizada a coloração H&E, através da qual foi observado o processo inflamatório e a neovascularização. Com a coloração tricômio de Masson foi estudada a fibrose. Para o reconhecimento da absorção do iodo e o seu potencial tóxico foi realizado, antes da morte com o animal anestesiado, dosagem do TSH e do T4 livre. RESULTADOS: Na análise microscópica a intensidade da inflamação apresentou-se mais acentuada no grupo GAD, subgrupo 14 dias. Na análise da neovascularização ela apresentou-se discreta no GCS subgrupo 14 dias. Na avaliação da fibrose foi mais acentuada no grupo GCI. Na comparação nos tipos de tratamento houve significância estatística entre os grupos GCI e GCS (p<0,013). A dosagem do TSH e T4, não apresentou diferença entre o grupo controle e GCI em relação à absorção do iodo. Na avaliação dos grupos GCI e controle, dentro de cada tratamento, houve significância estatística entre eles (p<0,001), quando comparados os dias. CONCLUSÃO: O cadexômero iodo apresentou efeito benéfico em todas as fases do processo cicatricial sem citotoxicidade pela absorção do iodo.

Cicatrização; Iodo; Tireotropina; Tiroxina; Ratos


Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia Al. Rio Claro, 179/141, 01332-010 São Paulo SP Brazil, Tel./Fax: +55 11 3287-8814 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: sgolden@terra.com.br