Efeito teratogênico do ácido retinóico em camundongo swiss

Paulo Roberto Veiga Quemelo Charles Marques Lourenço Luiz Cesar Peres Sobre os autores

OBJETIVO: Identificar os tipos de malformação resultantes da administração do ácido retinóico (AR) a camundongos Swiss em diferentes dias gestacionais. MÉTODOS: Foram utilizados 24 camundongos fêmeas, linhagem Swiss, prenhes, divididos em 4 grupos com 6 animais cada. Os grupos experimentais receberam uma única injeção intraperitoneal de AR (70mg/Kg) nos dias gestacionais 7, 8 e 9 (D7, D8 e D9), enquanto que os animais do grupo controle (C) receberam apenas solução salina. RESULTADOS: Foram encontrados: exencefalia (C:0; D7:16.1%; D8:25.4%; D9:0); mielomeningocele (C:0; D7:25.8%; D8:30.9%; D9:0); Espina Bífida Oculta (C:0; D7:29%; D8:41.8%; D90); gastrosquise (C:0; D7:6.4% D8:5.4%; D9:0); onfalocele (C:0; D7:6.4%; D8:14.5%; D9:0); alterações do membro inferior (C:0; D7:74.1%; D8:80%; D9:0); imperfuração anal (C:0; D7:100%; D8:100%; D9:100%) e agenesia/alteração de cauda (C: D7:100%; D8:100%; D9:100%). CONCLUSÕES: O modelo experimental utilizando camundongo Swiss mostrou-se eficiente na indução dos diferentes tipos de defeitos, sendo o oitavo dia gestacional o mais propicio na indução de DFTN, onfalocele, gastrosquise, defeitos de membro inferior, imperfuração anal e agenesia/alteração de cauda, tornando este um modelo útil para futuras investigações do desenvolvimento neural e no processo de formação do esqueleto apendicular.

Defeitos do Tubo Neural; Tretinoína; Camundongos


Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia Al. Rio Claro, 179/141, 01332-010 São Paulo SP Brazil, Tel./Fax: +55 11 3287-8814 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: sgolden@terra.com.br