Estudo morfométrico do efeito do Tenoxicam e do seu diluente no endotélio venoso, em coelhos

Morphometric study on the effect of tenoxicam and its diluent in the venous endothelium, in rabbits

Com o objetivo de avaliar pela morfometria o efeito do tenoxicam e do seu diluente no endotélio venoso, foram utilizados 48 coelhos (Oryctolagus cuniculus), brancos, da linhagem Nova Zelândia, machos, com idade acima de 10 semanas, com peso variando entre 2.350 e 3.500 gramas, divididos em dois grupos, denominados Experimento e Controle, que foram observados nos tempos de 6, 12 e 24 horas. Administrou-se nas venae auriculares dextra e sinistra, diluente ou tenoxicam/diluente no Grupo Experimento e cloreto de sódio a 0,9% no Grupo Controle. Não se constatou diferença estatisticamente significante entre o peso dos animais do Grupo Experimento e do Grupo Controle, antes da realização do procedimento. Pode-se observar que após a administração do tenoxicam com o seu diluente ou do diluente isolado, os diâmetros dos núcleos das células endoteliais apresentaram significativamente menor dimensão, quando comparados aos do grupo Controle, em que foi injetado cloreto de sódio a 0,9%. Os resultados encontrados permitem concluir que o tenoxicam com o seu diluente comercial ou o diluente isolado reduzem o diâmetro dos núcleos das células endoteliais das venae em que foram injetados os fármacos.

Endotélio; Morfometria; Antiinflamatórios não esteróides; Coelhos


Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia Al. Rio Claro, 179/141, 01332-010 São Paulo SP Brazil, Tel./Fax: +55 11 3287-8814 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: sgolden@terra.com.br