Resumos estruturados: revisão narrativa

OBJETIVO: Sintetizar os principais resultados das pesquisas sobre resumos estruturados.. MÉTODOS: Uma revisão narrativa de todos os estudos, considerados relevantes pelo autor, foi realizada. RESULTADOS: Os autores e os leitores julgaram que os resumos estruturados são mais úteis que os tradicionais. Em 1987, o Ad Hoc Working Group for Critical Appraisal of the Medical Literature propôs diretrizes para a elaboração de resumos informativos com sete seções. Haynes e col., em 1990, reestudaram os resumos estruturados para a pesquisa clínica e para os artigos de revisão e propuseram novas diretrizes. Atualmente, a maioria dos resumos é informativa e a estrutura mais utilizada é aquela do formato IMRAD (Introdução, Métodos, Resultados e Discussão) CONCLUSÃO: Há muita variação nos formatos dos resumos estruturados solicitados pelo vários periódicos. Contudo, mesmo nos anos mais recentes, nem todos os resumos dos artigos originais são estruturados. Necessita-se de mais pesquisas relacionadas à qualidade e à utilidade dos resumos estruturados.

Resumos e indexação; Literatura de revisão; Comissão de avaliação de exercício profissional


Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia Al. Rio Claro, 179/141, 01332-010 São Paulo SP Brazil, Tel./Fax: +55 11 3287-8814 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: sgolden@terra.com.br