Estudos da distribuição e recorrência do Helicobacter spp. na mucosa gástrica de cães após terapia tríplice

OBJETIVO: Avaliar a eficácia da terapia tríplice em cães naturalmente infectados pelo Helicobacter spp. e investigar a recorrência da infecção pelo contato com animais infectados. MÉTODOS: Foram utilizados 20 cães, submetidos à endoscopia digestiva alta seguida de biopsia gástrica usando teste rápido da urease e histopatologia corada pelo Giemsa. Dez animais foram tratados com terapia tríplice preconizada para humanos e divididos em grupo controle e experimental. O grupo controle foi mantido em isolamento enquanto que o grupo experimento foi colocado em contato com os animais positivos durante 60 dias. RESULTADOS: A prevalência da infecção nos animais deste experimento foi de 100%, e mais frequente no fundo e corpo gástrico. A terapia durante 7 dias empregando claritromicina, amoxicilina e lansoprazol foi eficaz em 100% dos animais. Houve recorrência da infecção em 80% dos cães do grupo experimental, enquanto que o grupo controle manteve-se erradicado após 60 dias. CONCLUSÃO: Ambientes aglomerados associado a íntimo contato com cães infectados por helicobactérias é fator determinante para transmissão do Helicobacter spp. entre caninos.

Infecção por Helicobacter; Endoscopia; Mucosa Gástrica; Cães


Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia Al. Rio Claro, 179/141, 01332-010 São Paulo SP Brazil, Tel./Fax: +55 11 3287-8814 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: sgolden@terra.com.br