Hemorróidas: modelo experimental em macacos

OBJETIVO: Hemorróidas são objeto de preocupação devido à evolução dolorosa no pós-operatório. Descrevemos aqui um modelo experimental simples e confiável de indução de hemorróidas em macacos. MÉTODOS: 14 macacos-prego (Cebus apella) foram empregados. Após anestesia geral induziu-se a formação de hemorróidas pela ligadura da veia hemorroidária inferior, que é muito parecida com a de humanos. A veia foi localizada através de uma incisão perianal, dissecada e ligada com fio de vicryl 3-0. A pele foi suturada com fio de categute 4-0. Os animais foram mantidos em jaulas apropriadas e avaliados diariamente. RESULTADOS: Nove dias após o procedimento havia mamilos hemorroidários em cinqüenta por cento (50%) dos animais. Não houve intercorrências no pós-operatório. Não houve sangramento ou sinais de dor ou de sofrimento. CONCLUSÃO: Este é um modelo viável e confiável para induzir hemorróidas para estudos experimentais.

Hemorróidas; Cirurgia Colorretal; Cebus


Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia Al. Rio Claro, 179/141, 01332-010 São Paulo SP Brazil, Tel./Fax: +55 11 3287-8814 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: sgolden@terra.com.br