Acta Cirúrgica Brasileira, Volume: 15, Issue: 3, Published: 2000
  • Wound healing and colon carcinogenesis. Enhancing effects of skin wounding on development of colon tumors induced by 1,2 Dimethylhydrazine in the rat Original Articles

    Sequeira, Júlio Lopes; Kobayasi, Shoiti; Rodrigues, Maria Aparecida Marchesan

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo foi desenvolvido com a finalidade de investigar a possível influência do processo de cicatrização sobre o desenvolvimento neoplásico à distância, em um modelo experimental de carcinogênese do colon induzido pela 1,2 dimetil-hidrazina ( DMH). Ratos Wistar machos receberam injeções semanais de DMH ( 20mg/Kg, via subcutânea) ou solução salina, durante oito semanas. Na nona semana, um grupo tratado com DMH e um controle, foram submetidos à intervenção cirúrgica para retirada de um retalho cutâneo de 4cm no flanco direito, que cicatrizou por segunda intenção. Na 12ª semana, logo após o fechamento da ferida cutânea, os animais foram submetidos à eutanásia. O colon foi dividido em segmentos proximal e distal e examinado a nível macroscópico e histológico. Foram analisadas a incidência, distribuição e morfologia das lesões. O número total de tumores na mucosa do colon e o número de tumores por animal foi significantimente maior no grupo submetido à ferida cutânea do que no grupo tratado somente com DMH. O número de carcinomas pouco diferenciados foi significantimente maior no grupo com ferida cutânea do que em seu respectivo controle. Estes resultados sugerem que o processo de reparação de uma ferida cutânea favorece o desenvolvimento neoplásico em um órgão à distância, tal como o colon e que este efeito parece estar relacionado ao tipo histológico da neoplasia.

    Abstract in English:

    This study demonstrates the tumor promoting effect at a distant site of skin wounding, in a model of colon carcinogenesis induced by 1,2 dimethylhydrazine (DMH) in the rat. Six-week-old male Wistar rats were given subcutaneous injections of DMH, 20mg/kg, or saline, once a week, for eight weeks. One week after the last DMH injection the animals received a full thickness skin wound in their dorsal skin and the wound was left open to heal by second intention. Control and DMH-treated rats, with or without skin wounds were killed at the 12th week, just after healing of the skin wound was complete. The colons were removed and divided into proximal and distal parts. Each segment was rolled as "Swiss roll"and processed for histology. The incidence, distribution and morphology of the colon tumors was recorded. The total number of tumors in the colonic mucosa and the number of tumors per rat was significantly higher in the skin-wounding DMH- treated group than in the unwounded group. In the histopathological analysis of the colon the number of poorly differentiated mucin-secreting carcinomas was 6-fold in the skin-wounding DMH-treated group than in the unwounded group and the majority of tumors were located near to lymphoid aggregates. The present results suggest that wound healing enhances tumor development at a distant site, such as the colon, and this effect seems to be related to tumor histology.
  • Alterações enzimáticas decorrentes de isquemia muscular esquelética em ratos

    Ely, Jorge Fonseca; Ely, Pedro Bins; Webster, Ronaldo Scholze; Pavelecini, Michel; Lucas, Márcio

    Abstract in Portuguese:

    Os autores estudaram as alterações enzimáticas [transaminase oxalo-acética (TGO), creatinofosfoquinase (CPK) e desidrogenase lática (LDH)] decorrentes de isquemia muscular esquelética em ratos submetidos à isquemia de membro inferior por 0, 2, 4 e 6 horas. Vinte e oito ratos Wistar foram divididos em 4 grupos: Grupo I (controle); e Grupos II, III, e IV (isquemia por 2, 4 e 6 horas, respectivamente). Após o período de isquemia, foi coletado sangue do plexo retrocular para análise laboratorial. Os valores obtidos (média±desvio padrão) para TGO nos Grupos I, II, III e IV foram, respectivamente: 20,14±6,76; 59,71±28,91; 88,28±11,17 e 123±52,65 U/l. Para CPK, os valores foram: 67,85±62,76; 203±108,71; 237,71±95,06 e 291,71±173,19 U/l. Para LDH, obteve-se: 334,14±117,13; 414,42±222,47; 526±234,75 e 427,57±273,58 U/l. Para análise estatística, utilizou-se o método de ANOVA, seguido do teste t de Bonferroni (p<0,05). Os níveis de TGO foram significativamente superiores nos grupos III e IV quando comparados ao controle. Para CPK, houve distinção significativa entre os grupos IV e I. Os níveis de LDH não se demonstraram estatisticamente diferentes entre os grupos. Os autores concluem que em períodos de isquemia por 2, 4 e 6 horas, a dosagem de LDH não se mostra um parâmetro útil na avaliação de dano muscular esquético. A TGO e CPK tiveram alterações significativas a partir de 4 e 6 horas, respectivamente, mostrando-se úteis na avaliação de isquemia muscular em ratos.

    Abstract in English:

    The authors studied the enzymatic alterations (CPK, TGO, e LDH) due to skeletal muscle damage in rats submitted to inferior limb ischemia for 0, 2, 4 and 6 hours. Twenty eight rats were divided into four groups: Group I (control), and Groups II, III and IV (ischemia for 2, 4 and 6 hours, respectively). A blood sample was drawn of the retrocular venous plexus after the ischemia period in all animals. The values obtained (mean±standard deviation) for TGO in Groups I, II, III and IV were, respectively: 20,14±6,76; 59,71±28,91; 88,28±11,17 e 123±52,65 U/l. The values for CPK were: 67,85±62,76; 203±108,71; 237,71±95,06 e 291,71±173,19 U/l. For LDH, we obtained: 414,42±222,47; 526±234,75 e 427,57±273,58 U/l. For the statistical analysis, we used the ANOVA method followed by the Bonferroni’s t test (p<0,05). TGO levels obtained were statistically elevated in the Groups III and IV when compared to the control group. For CPK, there were significant difference between the groups IV and I. LDH levels there were not statisticantly different between the groups. The authors conclude which, after 2, 4 and 6 hours of ischemia, the LDH dosage was not an useful parameter in the prediction of muscle damage. TGO and CPK measures were altered significantly after 4 and 6 hours, respectively being useful in the evaluation of muscle ischemia in rats.
  • Estudo biomecânico e morfológico da cicatrização da parede abdominal sob ação de meloxicam

    Tognini, João Ricardo F.; Fagundes, Djalma José; Novo, Neil Ferreira; Juliano, Yara

    Abstract in Portuguese:

    Foi realizado um estudo biomecânico e morfológico da cicatrização da parede abdominal de ratos sob ação do meloxicam. Os 60 ratos do grupo controle receberam meloxicam na dose única diária de 0,5mg.kg-1 ou 0,3 ml de solução salina de cloreto de sódio a 0,9% via intramuscular por 4 dias consecutivos. Os 60 ratos do grupo experimento foram submetidos a laparotomia e posterior síntese por técnica padronizada. Os animais desse grupo também receberam meloxicam ou solução salina da mesma maneira do grupo controle. No 5° ,10° ou 15° dias de observação os animais foram avaliados quanto a curva ponderal e os segmentos contendo cicatrizes de laparotomias foram submetidos a análise de força de rotura por meio de um tensiômetro e análise histológica (quantificação de colágeno e macrófagos com auxílio de um programa informatizado). Os resultados foram submetidos a testes estatísticos (alfa#0,05). A curva ponderal mostrou menor perda de peso nos animais que receberam meloxicam no 5° dia de observação, provavelmente devido a menor dor pós-operatória. O teste de rotura e a análise histológica não mostraram diferenças significantes entre os grupos, demonstrando que o meloxicam não interfere na cicatrização. Conclui-se que o meloxicam não induz a alterações biomecânicas e morfológicas na cicatrização da ferida operatória da parede abdominal de ratos.

    Abstract in English:

    A biomechanical / morphological study in rats’ abdominal wall healing and Meloxicam was performed in 120 male wistar rats. The 60 animals in the control group were injected Meloxicam IM (0,5mg.kg-1) or saline soluction (NaCl 0,9%) in the initial four consecutive days. The 60 animals in the experimental group carried out standart laparotomie and closure. Each animal in the initial four days was injected meloxicam or saline soluction in the same way of the control group. About the 5th, 10th or 15th post-operative day the animals weith-body were measured and segments of the operated abdominal wall was submitted to tensile strength test and hystological analysis (collagenous and macrophages counters with spetial PC-software). Statistical analysis was considered at 5%. The body weight records showed better performance in the animals injected with Meloxicam at five-day observation, probably due to less pain in post-operative period. The tensiometer test showed no statistical differences in all groups, just like the histological counters and qualitative analysis of collagenous tissue and macrophages, showing that Meloxicam had no interference in abdominal wall healing. The findings led us to conclude that Meloxicam doen’t provide biomechanical and morphological healing alterations in rat’s abdominal operative scars.
  • Standardization of an experimental model of parabiotic isolated heart in rabbits Original Articles

    Martins, Antônio Sérgio; Silva, Marcos Augusto de Moraes; Matsubara, Beatriz Bojokian; Aragon, Flávio; Padovani, Carlos Roberto

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo foi a padronização de modelo experimental de coração isolado parabiótico em coelhos, testando sua estabilidade e durabilidade, para fins de pesquisa cardiovascular. Foram utilizados 66 coelhos raça Norfolk-2000 divididos em grupo doador do coração isolado e animais suporte, totalizando 33 preparações. Mediante auxilio de bombas peristálticas estabeleceu-se suporte circulatório para o coração isolado mantendo-se fluxo constante(16ml/min.). Um balão intraventricular foi inserido no ventrículo esquerdo, sendo ajustado para gerar pressão diastólica de ± 10mmHg. A freqüência foi fixada em 120 batimentos por minuto mediante o uso de marcapasso. Foram avaliadas variáveis hemodinâmicas, laboratoriais e anatomopatológicas. Das 33 preparações, 13 foram excluídas mediante critérios pré-estabelecidos. Das 20 restantes, 10 cumpriram o tempo máximo do protocolo(180 minutos). Com relação ao animal suporte houve deterioração hemodinâmica progressiva c/ queda da pressão arterial média(89,30±6,09mmHg->47,50±6,35mmHg). Com relação ao corações isolado, das 10 preparações que cumpriram os 180 minutos de protocolo, houve estabilidade hemodinâmica. As variáveis laboratoriais mostraram queda progressiva do sódio, potássio e hemoglobina, sendo compatível com hemodiluição. O exame anatomopatológico mostrou espaçamento maior entre fibras, compatível com edema. O presente modelo mostrou estabilidade e atividade de 100% das preparações em 60 minutos, havendo perdas progressivas chegando a 50% das preparações em atividade em 180 minutos. O presente modelo, dentro das limitações estabelecidas é viável para pesquisas cardiovasculares.

    Abstract in English:

    The objective was to standardize an experimental model of parabiotic isolated heart in rabbits, testing their stability and durability for use in cardiovascular research. Sixty-six Norfolk-2000 rabbits were used and divided in 2 groups: donors of the isolated heart and support animals, in a total of 33 preparations. Circulatory support for the isolated heart was established with the aid of peristaltic pumps and the flow was kept constant (16ml/min.). An intraventricular balloon was inserted in the left ventriculum, and was adjusted to produce diastolic pressure of ± 10mmHg. Heart rate was established at 120 beats per minute with the use of a pacemaker. Hemodynamic, laboratory and histopathological parameters were evaluated. Of the 33 preparations, 13 were excluded according to preestablished criteria. Of the 20 remaining preparations, 10 completed the maximum protocol time (180 minutes). There was progressive hemodynamic deterioration with decrease of mean blood pressure (89.30±6.09mmHg->47.50±6.35mmHg) in the support animal. There was hemodynamic stability of the isolated heart for the 10 preparations that completed the 180 minutes of the protocol. Laboratory parameters showed progressive decrease of sodium, potassium and hemoglobin, which is compatible with hemodilution. Histopathology showed greater distance among the fibers, compatible with edema. The present model showed 100% stability and activity of the preparations within 60 minutes, and 50% of the active preparations were progressively lost within 180 minutes. The present model is viable for cardiovascular research.
  • Acompanhamento de um modelo de indução de cirrose em ratos mediante vídeolaparoscopia

    Farias, Enelruy Ávila; Fontes, Paulo Roberto Ott; Rhoden, Cláudia Ramos; Lucas, Márcio Luís; Leal, Márcio Luís Migliavacca; Sabedotti, Marcelo; Rhoden, Ernani Luis

    Abstract in Portuguese:

    Os autores apresentam um modelo de vídeolaparoscopia experimental para avaliar a hepatotoxicidade induzida pelo tetracloreto de carbono (CCl4) em ratos. Nódulos sobre a superfície hepática e aumento significativo das provas de função hepatobiliar (alanina aminotransferase, aspartato aminotransferase, fosfatase alcalina e g -glutamiltranspeptidase) foram observados nos ratos tratados com CCl4. Além disso, cirrose hepática foi diagnosticada por estudo histopatológico em todos os ratos submetidos à administração de CC1(4). Desta maneira, a vídeolaparoscopia experimental em ratos parece ser um método diagnóstico excelente que merece mais investigação para explorar as conseqüências fisiológicas da cirurgia laparoscópica.

    Abstract in English:

    The authors present a model of experimental vídeolaparoscopy to evaluate the hepatotoxicity induced by carbon tetrachloride (CCl4) in rats. Nodules in hepatic surface and significative increase of hepatobiliar function tests (alanine aminotransferase, aspartate aminotransferase, alkaline phosphastase, and gammaglutamyltranspeptidase) were observed in rats treated with CCl4. Furthermore, liver cirrhosis was diagnosed by histopathologic study in all rats submitted to administration of CCl4. In this manner, experimental vídeolaparoscopy in rats seems be a excelent diagnostic method that merits further investigation to explore the physiologic consequences of laparoscopic surgery.
  • Método para o estudo in vivo da angiogênese: indução de neovascularização na córnea de coelho

    González, Raimundo P.; Leyva, Albert; Melo, Ramon Andrade Bezerra; Moreira, Rafael Dias Marques; Pessoa, Claudia; Farias, Romulo Feio; Moraes, Manoel Odorico

    Abstract in Portuguese:

    A angiogênese é um processo de múltiplos degraus que conduz a formação de novos vasos sangüíneos a partir de capilares preexistentes e que participa em diversos processos fisiológicos e patológicos incluindo o crescimento tumoral e de metástases. Vários métodos têm sido desenvolvidos para estudar a angiogênese. A técnica de indução de vascularização na córnea do coelho foi uma das primeiras a serem desenvolvidas pelo grupo de Gimbrone e colaboradores. O principal objetivo deste trabalho foi descrever a técnica de indução de angiogênese na córnea do coelho, através do implante cirúrgico de "pellets" de polimetilmetacrilato (PMMA) contendo fator básico de crescimento fibroblástico (FCFb). Um "pellet" contendo 0.1 mig de FCFb foi implantado em uma das córneas e outro, sem FCFb, na córnea contralateral, como controle. A atividade angiogênica foi expressa por um índice, resultado da contagem do número de vasos e da medição de seu comprimento em milímetros. Os resultados mostraram que o FCFb induz crescimento vascular significativo a partir do sexto dia após o implante do "pellet" com atividade máxima no 15º dia. O PMMA sem FCFb não estimulou significativamente a vascularização. Esta técnica fornece uma nova opção de modelo para o estudo da biologia da angiogênese e para avaliação de drogas antiangiogênicas, usando "pellets" de polimetilmetacrilato (PMMA).

    Abstract in English:

    Angiogenesis is a multi-step process that leads to the formation of new blood vessels from preexisting capillaries and is a key event in several physiological and pathophysiological processes including the tumor growth and development of metastases. Several in vitro and in vivo techniques have been developed for studying angiogenesis. The Rabbit Cornea Assay was one of the first, created by Gimbrone and coworkers. The main objective of this work was to describe the method of inducing angiogenesis in the rabbit cornea, by means of surgical polymethylmetacrylate pellet implantation containing a basic fibroblast growth factor (bFGF). Pellets with bFGF 0.1 mug were implanted in one cornea, while in the contralateral cornea pellets without bFGF was implanted as controls. The angiogenic activity was expressed as an angiogenic index resulted from the counting of the vessel number and the measurement of their length in millimeters. The results showed that bFGF induced a significant vascular growth into the corneal stroma at the sixth day after the pellet implantation reaching the maximal activity in the fifteenth day. The pellets with PMMA alone, did not stimulate a significant vascularization. This method can be readily implemented for the study of the pathophysiology in the angiogenic process and for the screening of new anti-angiogenic drugs.
  • Neurofibromatose: relato de caso

    Minossi, José Guilherme; Anefalos, Alexandre; Spadella, César Tadeu; Mendes, Elson Felix; Gonçalves Júnior, Írio

    Abstract in Portuguese:

    Os autores apresentam um caso de neurofibromatose em paciente que apresentava uma tumoração lombossacral volumosa, alertando-se para o diagnóstico, as variantes clínicas da moléstia e a preocupação quanto a degeneração malígna de tal afecção.

    Abstract in English:

    The purpose of this study was to present a case of neurofibromatosis in a patient with a lombosacral giant tumour. The objective of the authors was to show the diagnostic, clinical manifestations and concern about malignant transformation.
  • Técnica para preparo angioarquitetônico hepático de ratos

    Silva, Vitormauro Araújo da; Miranda, Jocielle Santos de; Brito, Marcus Vinicius Henriques

    Abstract in Portuguese:

    Os métodos de injeção-corrosão são os principais métodos utilizados para o estudo da anatomia vascular do fígado. Alguns autores mencionam a técnica para estudo de fígado de cães, porcos, hamsters, coelhos e gatos, entretanto são escassos os trabalhos que mencionam o estudo da anatomia hepática de ratos. Desta forma é importante o conhecimento de novas técnicas de preparo para modelos angioarquitetônico de fígados, possibilitando um melhor conhecimento da anatomia e por conseguinte, aperfeiçoando significativamente a abordagem operatória deste órgão. Em função disso o objetivo do presente estudo é demonstrar a técnica para realização de angioarquitetura venosa do fígado de ratos. Foram utilizados 10 Rattus norvegicus albinus (Wistar), com massa corporal entre 250 e 300g, para verificar a funcionalidade do método. A técnica para preparo de modelo vascular apresenta três tempos fundamentais: cateterização da veia porta, veia cava intra-abdominal e veia cava intra-torácica; preparo e infusão da solução de acrílico; corrosão em ácido clorídrico e maceração da peça. Concluímos que, esta técnica é factível e apresenta como vantagem um baixo custo (30 dólares) e com a utilização de duas cores diferentes de tinta pode-se separar o sistema vascular portal do sistema de drenagem supra-hepático, portanto sendo capaz de moldar a estrutura vascular hepática de ratos.

    Abstract in English:

    The injection-erosion methods are the principal methods used for the study of the vascular anatomy of the liver. Some authors mention the technique for study of liver of dogs, pigs, hamsters, rabbits and cats, however they are scarce the works that mention the study of the hepatic anatomy of rats. This way it is important the knowledge of new preparation techniques for angioarquitetonic livers' models, making possible a better knowledge of the anatomy and consequently, improving the operative approach of this organ significantly. Due above of that the objective of the present study is to demonstrate the technique for accomplishment of veined corrosing casting of the rat's liver. 10 Rattus norvegicus albinus (Wistar) were used, with corporal mass between 250 and 300g, to verify the functionality of the method. The technique for preparation of vascular model presents three fundamental times: catetherization of the portal vein, intra-abdominal vena cava and intra-thoracic vena cava; prepare and infusion of the solution of acrylic; erosion in hydrochloric acid and maceration of the anatomic piece. We concluded that, this technique is feasible and it presents as advantage a low cost (30 dollars) and with the use of two colors different from ink it can separate the portal vascular system of the hepatic veins drainage system, therefore being capable to mold the structure vascular liverwort of rats.
Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia Al. Rio Claro, 179/141, 01332-010 São Paulo SP Brazil, Tel./Fax: +55 11 3287-8814 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: sgolden@terra.com.br