Utilização de abóbora e moranga na produção de doce de leite pastoso com coco

Utilization of pumpkin and squash fruits in the production of sweet condensed caramelized milk "dulce de leche" with coconut

Resumos

Foi estudado a utilização dos frutos abóbora e moranga na produção de doce de leite pastoso. Estudou-se os seguintes tratamentos: 1) polpa de abórora, 2) polpa de moranga, e 3) polpa de abóbora e moranga. Os resultados experimentais mostraram que o melhor fruto a mesclar com o doce de leite é a moranga, vindo em seguida a mistura dos frutos. Tanto o doce de leite com moranga como com mistura de frutos, classifica-se no grau de apreciação entre "gostei" e "gostei muito". Já com a abóbora, no grau de apreciação "indiferente". O atributo mais importante na discriminação das amostras foi o sabor.

doce de leite; abóbora; moranga


Pumpkin and squash were studied in the production of sweet condensed caramelized milk "dulce de leche". The following treatments were studied: 1) pumpkin pulp, 2) squash pulp and 3) pumpkin and squash pulps. Experimental results showed that pumpkin pulp is the preffered one to be mixed with the "dulce de leche"; next is the mixture of the two pulps. The product containing squash pulp as well as the product containing pumpkin and squash pulps was classified in the degree of appreciation between "like" and "like very much". On the other hand the product with pumpkin pulp was classified in the degree of appreciation "indiferent". The most important attribute in the discrimination of the samples was the flavour.

"dulce de leche"; pumpkin; squash


ARTIGOS ARTICLES

TECNOLOGIA DE ALIMENTOS FOOD TECHNOLOGY

Utilização de abóbora e moranga na produção de doce de leite pastoso com coco

Utilization of pumpkin and squash fruits in the production of sweet condensed caramelized milk "dulce de leche" with coconut

G.de SouzaI; A.J.de OliveiraII; I. ShiroseI; J.L.E.do ValleI; C.R.L. CarvalhoI

IInstituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL) - 13.073 - Campinas, SP

IIDepartamento de Tecnologia Rural da E.S.A. "Luiz de Queiroz" da Universidade de São Paulo - 13.400 - Piracicaba, SP

RESUMO

Foi estudado a utilização dos frutos abóbora e moranga na produção de doce de leite pastoso. Estudou-se os seguintes tratamentos: 1) polpa de abórora, 2) polpa de moranga, e 3) polpa de abóbora e moranga. Os resultados experimentais mostraram que o melhor fruto a mesclar com o doce de leite é a moranga, vindo em seguida a mistura dos frutos. Tanto o doce de leite com moranga como com mistura de frutos, classifica-se no grau de apreciação entre "gostei" e "gostei muito". Já com a abóbora, no grau de apreciação "indiferente". O atributo mais importante na discriminação das amostras foi o sabor.

Termos para indexação: doce de leite, abóbora, moranga.

ABSTRACT

Pumpkin and squash were studied in the production of sweet condensed caramelized milk "dulce de leche". The following treatments were studied: 1) pumpkin pulp, 2) squash pulp and 3) pumpkin and squash pulps. Experimental results showed that pumpkin pulp is the preffered one to be mixed with the "dulce de leche"; next is the mixture of the two pulps. The product containing squash pulp as well as the product containing pumpkin and squash pulps was classified in the degree of appreciation between "like" and "like very much". On the other hand the product with pumpkin pulp was classified in the degree of appreciation "indiferent". The most important attribute in the discrimination of the samples was the flavour.

Index terms: "dulce de leche", pumpkin, squash.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

Entregue para publicação em: 15/03/90

Aprovado para publicação em: 24/09/90

  • ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DAS INDÚSTRIAS DE ALIMENTOS. Resolução C.N.N.P.A. n°12/78. In:_________. Compêndio de normas e padrões para alimentos. São Paulo, s.d. v.1, p.251.
  • COELHO, A.L.C.C.; ALMEIDA, M.M.R.C.; LIMA, M.C. C; ARAÚJO, CM. Fabricação do doce de leite. Recife, Fundação Instituto Tecnológico do Estado de Pernambuco, 1985. 26p.
  • DEMETRIO, C.G.B. Análise multidimensional para dados de cana-de-açúcar. Piracicaba, 1985. 144p. (Doutorado - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"/USP).
  • FILGUEIRA, F.A.R. Manual de olericultura. São Paulo, Ed. Agronômica Ceres, 1972. 451p.
  • GOMES, F.P. Curso de estatística experimental. São Paulo, Nobel, 1987. 467p.
  • HOSKEN, F.S. Doce de leite; durabilidade e cristalização. Revista do Instituto de Laticínios Cândido Tostes, Juiz de Fora, 24:10-7, 1969.
  • INSTITUTO ADOLFO LUTZ. Doce de leite. In:_________.Normas de qualidade para alimentos. São Paulo, 1966. PA207, v.6, p.1-5.
  • KRAMER, C.Y. A first course in methods of multivariate analysis. Blacksburg, Virginia Polytechnich Institute and State University, 1972. 351p.
  • LARA, A.B.W.H.; NAZÁRIO, G.; ALMEIDA, M.E.W.; PREGNOLLATO, W. Métodos químicos e físicos para análise de alimentos. In: INSTITUTO ADOLFO LUTZ.Normas analíticas do Instituto Adolfo Lutz. 2.ed. São Paulo, 1976, v.1, p.151-76.
  • MARGAS, M.M.; COELHO, D.T.; CHAVES, J.B.P.; MARTIN, N.E. Influência da gordura, da glicose e do amido na cristalização do doce de leite. Revista do Instituto de Laticínios Cândido Tostes. Juiz de Fora, 37:26-9, 1982.
  • MARTINS, J.F.P. & LOPES, C.N. Doce de leite; aspectos da tecnologia de fabricação. Campinas, Instituto de Tecnologia de Alimentos, 1981. 37p. (Instruções Técnicas, 18)
  • PEREIRA, J.F. Análises bromatológicas Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora, 1975. 79p.
  • SNELL, E.J.A. Scaling procedure for ordered categorical data. Biometrics, Raleigh, 20(3): 592-607, 1964.
  • VALLE, J.L.E. & FIGUEIREDO, I.B. Utilização de β-galactosídase para prevenir a cristalização do doce de leite. Boletim do Instituto de Tecnologia de Alimentos. Campinas, 17(3):309-14, 1980.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    06 Maio 2009
  • Data do Fascículo
    1990

Histórico

  • Aceito
    24 Set 1990
  • Recebido
    15 Mar 1990
Universidade de São Paulo, Escola Superior de Agricultura Av.Páduas Dias, 11, C.P 9 / Piracicaba - São Paulo, Brasil, tel. (019)3429-4486, (019)3429-4401 - Piracicaba - SP - Brazil
E-mail: scientia@esalq.usp.br