Seletividade de avermectin-B1 (MK-936) ao Trichogramma demoraesi Nagaraja, 1983 (Hym. , Trichogrammatidae), em condições de laboratório

Selectivity of avermectin-B1 (MK-936) to Trichogramma demoraesi Nagaraja, 1983 (Hym. Trochogrammatidae), under laboratory conditions

B. de Souza J.C. Matioli L.V.C. Santa-Cecília Sobre os autores

Resumos

Foi conduzido um estudo, em condições de laboratório, para se determinar alguns parâmetros relativos à seletividade de avermectin-B1 (MK-936) ao Trichogramma demoraesi Nagajara, 1983 (Hym., Trichogrammatidae), parasito de ovos de diversas espécies de pragas agrícolas. Observou-se que o produto na formulação 1,8% CE, nas dosagens de 0,1; 0,2; 0,4 e 0,8 ml/l não afetava o desenvolvimento pré-marginal do parasito, quando este ainda se encontrava no interior dos ovos parasitados. O mesmo fato foi observado quando se utilizaram dosagens extremamente elevadas, da ordem de 8,0 ml/l. Não ocorreu, também, mortalidade significativa de adultos do parasito que ovipositaram em ovos de Anagasta kuehniella (Zeller, 1879) (Lep., Pyralidade) previamente tratados com o inseticida. A ação de contacto de avermectin-B1, quando aplicada nas paredes internas dos frascos de criação, não ficou evidenciada, pela dificuldade de se discriminar seus efeitos dos da acetona usada como solvente e que, mesmo aplica da sozinha, acarretou uma mortalidade significativa de adultos. Este fato pode estar associado aos 0,001% de resíduos não voláteis do solvente em questão, embora se tornem necessários estudos mais detalhados para se verificar esta hipótese. Malathion na dosagem de 1,5 ml/l apresentou-se extremamente tóxico para T. demoraesi em todos os estudos realizados. Concluiu-se que avermectin-B1 apresenta características de seletividade para esta espécie, com potencialidade de utilização em programas de controle integrado de pragas, em locais onde sobrevivam populações nativas ou introduzidas deste parasito.

inseticida; controle integrado; manejo de pragas; parasitismo


This study was carried out under laboratory conditions to determine some parameters related to the selectivity of avermectin-B1 (MK-936) to Trichogramma demoraesi, parasite of eggs of several especies of agricultural pests. This compound at 1.8% EC formulation and rates of 0.1; 0.2; 0.4 and 0.8 ml/l have not affected the pre-imaginal development of the parasite before its emergence from the parasited eggs. The same situation have occured when high rates of the insecticides such as 8.0 ml/l was applied. No significant mortality was observed when the adult parasites oviposited in insecticide previously treated eggs of Anagasta kuehniella (Zeller, 1879) (Lep., Pyralidae). Contact action of avermectin-B1 applied inside the rearing vials was not evident due to the difficulty to discriminate the effects of the insecticide from the action of acetone, which was used as solvent. This chemical, even applied alone, caused significant mortality of insects and it could be associated to the 0.001% non-volatile residues presented in the product Therefore, more detailed studies are necessary to confirm this theory. Malathion 50 EC at 1,5 ml/l was highly toxic to T. demoraesi in all tests. It was concluded that avermectin-B1 shows selectivity to this parasite and could be recommended in integrated pest management programs at places where natural or introduced populations of this specie occur.

insecticide; integrated control; pest management; parasitism


Seletividade de avermectin-B1 (MK-936) ao Trichogramma demoraesi Nagaraja, 1983 (Hym. , Trichogrammatidae), em condições de laboratório* * Entregue para publicação em: 30/04/87.

Selectivity of avermectin-B1 (MK-936) to Trichogramma demoraesi Nagaraja, 1983 (Hym. Trochogrammatidae), under laboratory conditions

B. de SouzaI; J.C. MatioliII; L.V.C. Santa-CecíliaIII

IEng° Agr°, CPG Dep. Fitossanidade ESAL, estagiária na EPAMIG, 37200 - Lavras - MG

IIEng° Agr°, M.Sc., Pesquisador na EPAMIG, 37200 - Lavras-MG

IIIEng° Agr°, Pesquisador na EPAMIG, 37200-Lavras-MG

RESUMO

Foi conduzido um estudo, em condições de laboratório, para se determinar alguns parâmetros relativos à seletividade de avermectin-B1 (MK-936) ao Trichogramma demoraesi Nagajara, 1983 (Hym., Trichogrammatidae), parasito de ovos de diversas espécies de pragas agrícolas. Observou-se que o produto na formulação 1,8% CE, nas dosagens de 0,1; 0,2; 0,4 e 0,8 ml/l não afetava o desenvolvimento pré-marginal do parasito, quando este ainda se encontrava no interior dos ovos parasitados. O mesmo fato foi observado quando se utilizaram dosagens extremamente elevadas, da ordem de 8,0 ml/l. Não ocorreu, também, mortalidade significativa de adultos do parasito que ovipositaram em ovos de Anagasta kuehniella (Zeller, 1879) (Lep., Pyralidade) previamente tratados com o inseticida. A ação de contacto de avermectin-B1, quando aplicada nas paredes internas dos frascos de criação, não ficou evidenciada, pela dificuldade de se discriminar seus efeitos dos da acetona usada como solvente e que, mesmo aplica da sozinha, acarretou uma mortalidade significativa de adultos. Este fato pode estar associado aos 0,001% de resíduos não voláteis do solvente em questão, embora se tornem necessários estudos mais detalhados para se verificar esta hipótese. Malathion na dosagem de 1,5 ml/l apresentou-se extremamente tóxico para T. demoraesi em todos os estudos realizados. Concluiu-se que avermectin-B1 apresenta características de seletividade para esta espécie, com potencialidade de utilização em programas de controle integrado de pragas, em locais onde sobrevivam populações nativas ou introduzidas deste parasito.

Termos de Indexação: inseticida, controle integrado, manejo de pragas, parasitismo.

SUMMARY

This study was carried out under laboratory conditions to determine some parameters related to the selectivity of avermectin-B1 (MK-936) to Trichogramma demoraesi, parasite of eggs of several especies of agricultural pests. This compound at 1.8% EC formulation and rates of 0.1; 0.2; 0.4 and 0.8 ml/l have not affected the pre-imaginal development of the parasite before its emergence from the parasited eggs. The same situation have occured when high rates of the insecticides such as 8.0 ml/l was applied. No significant mortality was observed when the adult parasites oviposited in insecticide previously treated eggs of Anagasta kuehniella (Zeller, 1879) (Lep., Pyralidae). Contact action of avermectin-B1 applied inside the rearing vials was not evident due to the difficulty to discriminate the effects of the insecticide from the action of acetone, which was used as solvent. This chemical, even applied alone, caused significant mortality of insects and it could be associated to the 0.001% non-volatile residues presented in the product Therefore, more detailed studies are necessary to confirm this theory. Malathion 50 EC at 1,5 ml/l was highly toxic to T. demoraesi in all tests. It was concluded that avermectin-B1 shows selectivity to this parasite and could be recommended in integrated pest management programs at places where natural or introduced populations of this specie occur.

Index Terms: insecticide, integrated control, pest management, parasitism

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

  • AMAYA, N.M., 1982. Efecto de algunos insecticidas sobre la acción parasitica del Trichogramma pretiosum (Riley) (Hymenoptera: Trichogrammatidae) liberados después de las aplicaciones. In: Institut National de la Recherche Agronomique Les Trichogrammes, ler Symposium International, Antibes, p. 195-9.
  • BERTIPAGLIA, A.C.G.; VIVIANE, C.A.; TEIXEIRA, J.B.A. & NAKAYAMA, K. 1986. Ensaio visando o controle do ácaro rajado - Tetranychus urticae - na cultura do algodoeiro. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-RJ, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 262.
  • CAMARGO, L.M.P.C. de A. & PAULA, F.H. de, 1986. Controle do ácaro rajado, Tetranychus urticae, pelo abamectrin, em laboratório. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-R, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 355.
  • CARVALHO, C.F.; RIGITANO, R.L.; CIOCIOLA, A.I. & PRATISSOLI, D., 1983. Efeito de alguns inseticidas e acaricidas sobre Trichogramma sp., parasitando ovos de Erinnyis ello ello. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 8, Brasília-DF, 1983. Resumos ... Brasília, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 201.
  • CEZINE, A.E.; SALGADO, L.O. & PAULO, A.D., 1986. Eficiência do carbosulfan (Marshal 20 EC) no controle do ácaro da falsa ferrugem dos citros Phyllocoptruta oleivora (Ashmead, 1879) (Acari, Eriophyidae).  In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-RJ, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 325.
  • CHIAVEGATO, L.G.; UNDURRAGA, J.M. & FERRERIA, L., 1986. Efeito do avermectin (MK-936) sobre três procedências do ácaro da leprose Brevipalpus phoenicis G. em citros. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-RJ, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 310.
  • FYE, R.E. & LARSEN, D.J., 1969. Preliminary evaluation of Trichogramma minutum as a release regulator of lepidopterous pests of cotton. J. Econ. Entomol 62 (6): 1291-6.
  • GAVIOLI, L.A.; GRAVENA, S.; LEÃO NETO, R. da R. & TOZATTl, G., 1986. Efeito de abamectin, cyflythrin e fenpropathrin sobre algumas pragas e artrópodos benéficos no algodoeiro. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-Rj, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 307.
  • JACOBS, R.J.; KOUSKOLEKAS, CA. & GROSS JR., H.R., 1984. Responses of Trichogramma pretiosum (Hymenoptera: Trichogrammatidae) to residues of permethrin and endosulfan. Env. Entornol. 13(2): 355-8.
  • LEÃO NETO, R. da R.; GRAVENA, S.; MORETTI, F.C. & TOZATTl, G., 1986. Eficiência de inseticidas sobre Selenaspidus articulatus (Morgan) (Homoptera, Diaspididae) e efeito sobre inimigos naturais em pomar cítrico. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-RJ, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 321.
  • MENEZES NETO, J.; RAMALHO, F.S. & JESUS, F.M.M., 1986. Eficiência do avermectin (MK-936 1,8 CE) no controle do pulgão do algodoeiro. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-Rj, 1986. Resumos .. Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil p. 319.
  • MORAES, G.W.G.; BRUN, G. & SOARES, L.A., 1983. Insetos x Insetos: nova alternativa para o controle de pragas. Ciência Hoje. 1 (6): 70-77.
  • NAKANO, O.; FORNASIER, M.J. & SANCHES, G.A., 1983. Avaliação de dano e controle das cigarrinhas das pastagens com novo grupo de inseticidas. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 8, Brasília-DF, 1983. Resumos ... Brasília, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 98.
  • NAKANO, O., 1986. Avanços na prática do controle de pragas. Informe Agropecuário. 12(140): 55-9.
  • OLIVEIRA, C.A.L. de, 1986. Controle dos ácaros da ferrufem Phyllocoptruta oleivora (Ashmead, 1836) e da leprose Brevipalpus phoenicis (Geijskes, 1939) com avermectin em citros. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-Rj, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 264.
  • OMOTO, C.; MYASATO, A. & NAKANO, O., 1986. Efeito de diversos produtos químicos no controle da mosca minadora - Liriomyza huidobrensis (Diptera, Agromyzidae) nas culturas de batata e de tomate. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-RJ, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 303.
  • PARRA, J.R.P & ZUCCHl, R.A., 1986. Uso de Trichogramma no controle de pragas. In: NAKANO, O.; SILVEIRA NETO, S; PARRA, J.R.P. & ZUCCHl, R.A., orgs. "Atualização sobre os métodos de controle de pragas". Piracicaba, ESALQ/USP, p. 54-75.
  • RAMALHO, F.S.; JESUS, F.M.M. & MENEZES NETO, J. 1986a. Controle de Tetranychus urticae, ácaro rajado do algodoeiro. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-RJ, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 288.
  • RAMALHO, F. S.; JESUS, F.M.M. & MENEZES NETO, J. 1986b. Efeitos de inseticidas sobre C. sanguinea e P. clavatus, predadores do pulgão do algodoeiro. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-RJ, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 315.
  • RIBEIRO, M.J.; CARVALHO, C.F. & MATIOLI, J.C. 1986. Efeitos da avermectina-B1 sobre o desenvolvimento de larvas de Shrysopa sp. (Neuroptera,  Chrysopidae). In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-RJ, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 312.
  • SALGADO, L.O. & ALVES, A.D., 1986. Determinação da eficácia de avermectina (MK- 936 1,8% EC) no controle do ácaro da falsa ferrugem Phyllocoptruta oleivora (Ashmead, 1879) (Acari; Eriophyidae), em citros. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro- RJ, 1986. Resumos ... Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 327.
  • SILVA, A.G. da; GONÇALVES, C.R.; GALVÃO, D.M.; GONÇALVES, A.J.L.; GOMES, J.; SILVA, M. do N. & SIMONI, L. de 1968. Quarto catálogo dos insetos que vivem nas plantas do Brasil; seus parasitos e predadores. Rio de Janeiro-RJ, Ministério da Agricultura, 4 T.
  • SILVA, V.L.B.; RAMALHO, F.S.; JESUS, F.M.M. & MENEZES NETO, J., 1986. Efeito residual de inseticidas sobre Trichogramma pretiosum. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 10, Rio de Janeiro-RJ, 1986. Resumos .. Rio de Janeiro, Sociedade Entomológica do Brasil, p. 308.
  • UNDURRAGA, J.M.; YAMASHITA, J. & DYBAS, R.A., 1983. Avermectina-B1 = MK-936 un nuevo acaricida/ inseticida de microorganismos del suelo. In: Encuentro Nacional Citricola de Ingenieros Agrónomos, 1, Salto, 1983. Resumenes ... Salto, Asociación de Ingenieros Agrónomos del Uruguay. 3p.
  • UNDURRAGA, J.M. & DYBAS, R.A., 1984. Avermectina-B1 ( MK-936): uma nova classe de acaricida/inseticida agrícola. In: Congresso Brasileiro de Entomologia, 9, Londrina-PR, 1984. Resumos ... Londrina, Sociedade Entológica do Brasil, p. 275.
  • VAUGHAN, R.M., 1975. El parasito Tricograma: revision monografica. Managua, Banco Nacional de Nicaragua, 23p.
  • YU, D.S.K.; HAGLEY, E.A.C. & LAING, J.E., 1984. Biology of Trichogramma minutum Riley collected from apples in Southern Ontario. Env. Entomol. 13(5): 1324-9.

  • *
    Entregue para publicação em: 30/04/87.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    20 Ago 2010
  • Data do Fascículo
    1987
Universidade de São Paulo, Escola Superior de Agricultura Av.Páduas Dias, 11, C.P 9 / Piracicaba - São Paulo, Brasil, tel. (019)3429-4486, (019)3429-4401 - Piracicaba - SP - Brazil
E-mail: scientia@esalq.usp.br