Correlação entre marcadores de virulência de Helicobacter pylori na cavidade oral e em biópsias gástricas

Myriam Lucrecia MEDINA Marcelo Gabriel MEDINA Luis Antonio MERINO Sobre os autores

RESUMO

CONTEXTO:

O resultado clínico da infecção por Helicobacter pylori tem sido associado com fatores de virulência. A presença desses fatores como marcadores moleculares é útil na identificação do risco elevado para o desenvolvimento de graves patologias gástricas.

OBJETIVOS:

Correlacionar a presença de marcadores de virulência cagA e bab2A do H. pylori em amostras de biópsias gástricas e orais.

MÉTODOS:

Um estudo observacional, prospectivo, descritivo e transversal foi realizado entre setembro de 2011 e setembro de 2012. Foram incluídos pacientes com sintomas de dispepsia com indicação de endoscopia gastrointestinal que compareceram ao Serviço de Gastroenterologia do Hospital Dr. Julio C. Perrando . Investigação epidemiológica foi concluída. Para detectar a bactéria e seus genes de virulência, amostras de saliva, placa dentária e biópsia gástrica foram tomadas e processadas pelo PCR.

RESULTADOS:

Sessenta e um pacientes foram selecionados para este estudo (30 mulheres e 31 homens). H. pylori foi detectado em 31 biópsias gástricas e 31 amostras orais. Foi encontrada diferença significativa entre as amostras orais e gástricas no genótipo cagA . A ocorrência simultânea entre genótipos orais e gástricos do mesmo paciente foi encontrada em 38,7% das amostras.

CONCLUSÃO:

Este é o primeiro estudo a fornecer informações sobre os genótipos das cepas do H. pylori no Nordeste Argentino. Apesar da alta prevalência da infecção pelo H. pylori , a maioria dos pacientes tinha genótipos menos virulentos na cavidade oral e tecido gástrico. A combinação cagA / babA2 não foi frequente nas amostras estudadas. Não houve correlação estatística entre os genes de virulência e doenças gastroduodenais ou orais. Embora em alguns pacientes o mesmo genótipo tenha sido encontrado tanto nas amostras orais quanto gástricas, não se pode garantir que correspondam à mesma variação, pois um sequenciamento de DNA não foi realizado.

DESCRITORES:
Helicobacter pylori, genética; Infecções por Helicobacter, diagnóstico; Mucosa gástrica, microbiologia;; Saliva, microbiologia

Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia e Outras Especialidades - IBEPEGE. Rua Dr. Seng, 320, 01331-020 São Paulo - SP Brasil, Tel./Fax: +55 11 3147-6227 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: secretariaarqgastr@hospitaligesp.com.br
Accessibility / Report Error