Accessibility / Report Error

Deficiência de cobre e magnésio em pacientes com Síndrome do Intestino Curto sob nutrição parenteral ou alimentação por via oral

Camila Bitu Moreno BRAGA Iahel Manon de Lima FERREIRA Júlio Sérgio MARCHINI Selma Freire de Carvalho da CUNHA Sobre os autores

Contexto

Ressecções intestinais extensas resultam em perda de fluídos e eletrólitos.

Objetivo

Avaliar os níveis séricos de minerais e eletrólitos em pacientes com síndrome do intestino curto, dependentes ou não de nutrição parenteral.

Métodos

O estudo incluiu 22 adultos com síndrome de intestino curto, sendo 11 dependentes de nutrição parenteral (Grupo NP) e 11 sujeitos que recebiam todo aporte nutricional por via oral (Grupo VO). Foram incluídos 14 voluntários saudáveis, pareados para a idade e o gênero (Grupo Controle). A avaliação da ingestão alimentar, antropometria, níveis sanguíneos de sódio, potássio, fósforo, magnésio, cálcio, zinco, ferro e cobre foram documentados em todos os voluntários.

Resultados

Os níveis sanguíneos de sódio, potássio, fósforo, cálcio e zinco foram similares entre os grupos de estudo. Os níveis séricos de magnésio foram menores no Grupo NP (1,0±0,4 mEq/L) em relação aos demais grupos. Além disso, a concentração desse eletrólito foi menor no Grupo VO (1,4±0,3 mEq/L) em relação ao Grupo Controle (1,8±0,1 mEq/L). Foram documentados menores valores cobre (69±24 vs 73±26 vs 109±16 µg/dL) nos grupos NP e VO quando comparados com o Grupo Controle, respectivamente.

Conclusão

Hipomagnesemia e hipocupremia são distúrbios eletrolíticos comumente observados na síndrome de intestino curto. Os pacientes com ressecção intestinal extensa requerem monitorização e suplementação de magnésio e cobre a fim de prevenir deficiências.

DESCRITORES
Deficiência de minerais; Eletrólitos; Nutrição parenteral; Síndrome do intestino curto


Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia e Outras Especialidades - IBEPEGE. Rua Dr. Seng, 320, 01331-020 São Paulo - SP Brasil, Tel./Fax: +55 11 3147-6227 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: secretariaarqgastr@hospitaligesp.com.br