Arquivos de Gastroenterologia, Volume: 40, Issue: 2, Published: 2003
  • A transição faringoesofágica e seus mistérios Editorial

    Macedo-Filho, Evaldo Dacheux de
  • Análise estrutural da laringofaringe e suas implicações na miotomia do cricofaríngeo, na injeção de toxina botulínica e na dilatação por balão Artigos Originais

    Costa, Milton Melciades Barbosa

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: O músculo cricofaríngeo é de tipo estriado esquelético, por conseguinte, incapaz de manter contração continuada por longos períodos. Apesar disto, tem sido considerado como o responsável pela zona de alta pressão registrada manometricamente na transição faringoesofágica. Em razão desta crença, tem sido alvo de terapêuticas cruentas que visam, por ruptura de sua integridade, franquear a comunicação entre a faringe e o esôfago. OBJETIVO: Dar as bases anatômicas que definam os limites de participação do músculo cricofaríngeo na função da transição faringoesofágica; considerar alternativa morfofuncional para explicar a zona de alta pressão desta transição e as implicações das miotomias sobre ela, uso de toxina botulínica e das dilatações pneumáticas. MATERIAL E MÉTODOS: O total de 24 peças obtidas de cadáveres de adultos de ambos os sexos fixados em formaldeído a 10%, teve a laringofaringe estudada quanto as suas características morfológicas e relações. RESULTADOS: O músculo cricofaríngeo apresenta suas inserções ântero-laterais nas bordas póstero-laterais da cartilagem cricóide, configurando morfologia em meia calha ou de uma letra C que não permite, quando de sua contração, a geração de pressão com predomínio anterior e posterior, como a encontrada na transição faringoesofágica. Este tipo de distribuição pressórica tem sustentação na relação de pinça exercida, por um lado, pela rigidez oferecida pelos corpos vertebrais, por outro, pelo contorno posterior da cartilagem cricóide. CONCLUSÕES: A organização muscular da laringofaringe permite afiançar que a miotomia alargada da transição faringoesofágica, aquela que se estende além do fascículo transverso do cricofaríngeo, lesa musculatura ejetora e em área cuja a já maior dimensão luminar dispensaria a secção parietal. Miotomia que tome somente o fascículo transverso do cricofaríngeo poderá contribuir positivamente para a melhoria do fluxo faringoesofágico por diminuição da resistência local. A eficiência deste procedimento será dependente da existência de alguma força de ejeção e elevação hiolaríngea. O fascículo transverso do músculo cricofaríngeo é fitado, de pequena espessura, para ser infiltrado por via transcutânea com a toxina botulínica. Talvez por via endoscópica, à semelhança das miotomias, o indicado seria desnervar somente o fascículo transverso do músculo cricofaríngeo. Neste contexto dose, diluição e pontos de infiltração assumem importante papel no uso terapêutico desta neurotoxina em nível do cricofaríngeo. A dilatação por balão pneumático da transição faringoesofágica não parece ser procedimento adequado para região que não apresente estenose fibrótica a ser rompida. Em razão das características anatômicas da transição faringoesofágica, a pressão média de repouso, como registrada pelo método manométrico, não avalia adequadamente a ineficiência ou efetividade da miotomia, da desnervação ou do resultado da dilatação por balão pneumático.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: The cricopharyngeal muscle is of the skeletal type and, in this way, unable to sustain continuous contraction for long periods. Despite of this it has been considered as the responsible by the high pressure area, registered by manometry into the pharyngoesophageal transition. For this reason, it has been the object of therapeutics that promote the rupture of its integrity. AIMS: To give the anatomical bases to define the limits of participation of the cricopharyngeal muscle in the pharyngoesophageal transition function. To consider a morphological and functional alternative to explain the high pressure area on pharyngoesophageal transition and the implications of the myotomy, use of the botulinum toxin and balloon dilatation on pharyngoesophageal transition function. MATERIAL AND METHOD: Study of the laryngopharyngeal region in their morphologic characteristics and relationships on 24 pieces obtained from adults' corpses of both sexes fixed in 10% formaldehyde solution. RESULTS: The cricopharyngeal muscle presenting its anterior-lateral insertion, with a C-shaped outline, on the posterior-lateral edge of the cricoid cartilage. This kind of morphology blocks the possibility to generate a predominant anterior and posterior high pressure during its contraction like that we find at the pharyngoesophageal transition. The observation of this kind of pressure has its explanation in a tweezers-like relationship exerted on one side by the vertebral body and on the other side by the posterior contour of the cricoid cartilage. CONCLUSIONS: The muscular organization of the laryngopharyngeal segment allowed us to sustain that a large myotomy of the pharyngoesophageal transition, that takes more than just the cricopharyngeal transversal fasciculus, hinders the ejection function in a region where the dimension do not need any parietal sectioning. Myotomy that encompasses only the transversal fasciculus can contribute to improve the pharyngoesophageal flux by a decrease of the local resistance. The efficiency of this myotomy depends mostly on some residual pharyngeal ejection force and also on a slight hyolaryngeal displacement. The transversal fasciculus of the cricopharyngeal muscle is a narrow strip of muscular mass to be injected by percutaneous way with solution of botulinum toxin; maybe endoscopically. For this reason, dose, dilution and injection sites have an important meaning in the cricopharyngeal therapeutics using botulinum toxin. The efficiency of this procedure, like myotomy, depends on some residual pharyngeal ejection force and on, at least, some hyolaryngeal displacement. The dilation of the pharyngoesophageal transition with pneumatic balloon does not seem to be an adequate procedure for a region that does not present a narrow lumen determined by fibrosis. For anatomical characteristics of the TFE region, mean pressure as registered by the manometric method does not evaluate either the effectiveness or inadequacy of surgical myotomy, denervation or dilation using pneumatic balloon.
  • Insulinomas do pâncreas: diagnóstico e tratamento Artigos Originais

    Apodaca-Torrez, Franz Robert; Triviño, Tarcisio; Lobo, Edson José; Goldenberg, Alberto; Figueira, Antônio

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: O insulinoma é uma neoplasia que pertence ao grupo de tumores neuroendócrinos do pâncreas; embora raro, é o mais freqüente entre eles. OBJETIVO: Avaliar os resultados clínico e imunohistoquímico de doentes com insulinoma de pâncreas submetidos a tratamento cirúrgico. PACIENTES E MÉTODOS: Foram detalhados o quadro clínico, exames laboratoriais e de imagem, dando ênfase aos aspectos cirúrgicos, complicações e acompanhamento, a médio e longo prazos, de 12 doentes portadores de insulinoma. A cirurgia foi indicada para todos, com base nas evidências clínicas e laboratoriais de hipoglicemia e hiperinsulinemia. RESULTADOS: Em sete doentes conseguiu-se a localização prévia da lesão; em cinco, sua localização foi identificada durante a cirurgia mediante palpação e através do ultra-som intra-operatório. O procedimento mais freqüentemente utilizado foi a ressecção pancreática em oito doentes. A complicação cirúrgica mais freqüente foi a fístula pancreática, observada em sete doentes. Dois apresentaram tardiamente diabetes mellitus. Não houve mortes na presente casuística. CONCLUSÃO: Na totalidade dos doentes obteve-se a reversão clínica dos sintomas, caracterizada pelo desaparecimento da tríade de Whipple, além de normalização ou aumento dos níveis de glicemia, quando comparados aos valores do pré-operatório.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Despite its rarity, the insulinoma is the most common pancreatic neuroendocrine tumor. OBJECTIVE: Analyze clinical and immunohistochemical data from surgical resection of the pancreas insulinoma. METHOD: Twelve cases are described, concerning surgical aspects, complications and medium-long term outcome of patients. They underwent surgical treatment due to clinical suspicion and biochemical diagnosis of hypoglycemia and hyperinsulinism. RESULTS: The insulinoma was identified preoperatively in seven patients, while intraoperative ultrasonography and palpation were necessary for diagnosis in the other cases. Eight patients underwent pancreatic resection and pancreatic leak was observed in seven cases. Two patients developed diabetes mellitus and no mortality occurred in the current series. CONCLUSION: All patients presented satisfactory outcome and remained asymptomatic with normal glicemia levels.
  • Transjugular liver biopsy: histological diagnosis success comparing the trucut to the modified aspiration Ross needle Original Articles

    Maciel, Antonio Carlos; Marchiori, Edson; Barros, Sérgio Gabriel Silva de; Cerski, Carlos Thadeu S.; Tarasconi, Dorvaldo Paulo; Ilha, Darcy de Oliveira

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: A biopsia hepática transjugular é um procedimento alternativo para pacientes que apresentam contra-indicações ao procedimento padrão (percutâneo). OBJETIVO: Comparar o índice de diagnóstico obtido por meio da biopsia hepática transjugular utilizando uma agulha automatizada trucut e uma agulha Ross modificada. MÉTODOS: Oitenta e cinco pacientes com suspeita de doenças hepáticas crônicas e apresentando contra-indicações para biopsia hepática percutânea (coagulopatia, ascite maciça, obesidade mórbida ou problemas renais crônicos) foram submetidos a 89 biopsias hepáticas transjugulares entre março de 1994 e abril de 2001 no Hospital São José, Irmandade da Santa Casa de Misercórdia de Porto Alegre, RS, Brasil. Trinta e cinco pacientes foram submetidos a 36 biopsias com uma agulha trucut automatizada, e 50 a 53 biopsias com uma agulha Ross modificada. RESULTADOS: Diagnóstico histológico foi obtido em 32/35 pacientes submetidos a biopsia hepática transjugular com a agulha trucut (91%) e em 35/50 (70%) dos com a agulha Ross modificada. Os espécimes obtidos com a agulha trucut eram significativamente maiores e menos fragmentados do que aqueles obtidos com a agulha Ross. CONCLUSÃO: A biopsia hepática transjugular com a agulha trucut automatizada apresentou maior índice de diagnóstico histológico quando comparada com a agulha Ross modificada em pacientes com suspeita de doença hepática crônica.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Transjugular liver biopsy is an alternative procedure for patients who present contraindications to standard percutaneous procedure. AIM: To compare the rate of histological diagnosis obtained on transjugular liver biopsy with an automated trucut needle and with a modified Ross needle. PATIENTS / METHOD: Eighty-five patients with suspicion of chronic liver diseases and presenting contraindications for percutaneous liver biopsy (coagulopathy, massive ascites, morbid obesity, or chronic renal problems) were submitted to 89 transjugular liver biopsies between March 1994 and April 2001 at ''Hospital São José, Irmandade da Santa Casa de Misercórdia'', Porto Alegre, RS, Brazil. Thirty-five patients underwent 36 biopsies with an automated trucut needle, and 50 patients underwent 53 biopsies with a modified Ross needle. RESULTS: Histological diagnosis was reached in 32/35 subjects submitted to transjugular liver biopsy with the trucut needle (91%) and in 35/50 (70%) submitted to biopsy with the modified Ross needle. Specimens obtained with the trucut needle were significantly larger and less fragmented than those obtained with the Ross needle. CONCLUSION: Transjugular liver biopsy with the automated trucut needle allowed a higher rate of histological diagnosis when compared to the modified Ross needle in patients with suspicion of chronic liver diseases.
  • Estado nutricional e avaliação dietética de pacientes gastrectomizados Artigos Originais

    Kamiji, Mayra Mayumi; Oliveira, Ricardo Brandt de

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: O aspecto nutricional é crucial na cirurgia de gastrectomia e a reconstrução mais adequada do canal alimentar deve ser considerada para se reduzir o risco de desnutrição. A causa da desnutrição pós-gastrectomia não é bem determinada, mas os mecanismos que levam à desnutrição são evidentemente multifatoriais. OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional de pacientes submetidos a diferentes tipos de reconstrução cirúrgica após gastrectomia total ou subtotal. PACIENTES E MÉTODOS: Foram avaliados 50 pacientes submetidos a gastrectomia 0,5-39 anos antes, 7 com reconstrução a Billroth I, 26 a Billroth II, 3 a Henley e 14 a Y-de-Roux, e indicação cirúrgica de câncer em 21 dos pacientes. Foram utilizadas avaliação nutricional subjetiva e antropométrica, e avaliação dietética pelo recordatório alimentar. RESULTADOS: Segundo a avaliação nutricional subjetiva, 6 dos 50 pacientes eram desnutridos moderados. O índice de massa corporal médio dos pacientes foi de 22 ± 4,75 kg/m2, a ingestão média diária de 1624 ± 477 quilocalorias. Entre os pacientes operados por câncer, os submetidos a gastrectomia subtotal e Y-de-Roux apresentaram os maiores índices de massa corporal. Não houve relação do tempo decorrido desde a cirurgia com o índice de massa corporal ou com a ingestão calórica. CONCLUSÕES: Entre os pacientes operados por câncer, gastrectomia subtotal com reconstrução Y-de-Roux se associa com melhor estado nutricional. Outros fatores, que não a baixa ingestão de calorias, causam a perda de peso nos pacientes submetidos a gastrectomia.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Nutrition is a crucial factor in gastric resection surgery and the most suitable alimentary canal reconstruction method must be considered in order to reduce the risk of malnutrition. The cause of postgastrectomy malnutrition has not been clearly determined, but the mechanisms behind malnutrition are evidently multifactorial. AIM: To evaluate the nutritional status of patients who underwent different reconstructive procedures after total or subtotal gastrectomy. PATIENTS AND METHODS: Fifty patients who have undergone gastrectomy for 0.5-39 years were assessed. The surgical procedures used were Billroth I in 7, Billroth II in 26, Henley in 3 and Roux-en-Y in 14 of the patients. Twenty one of them have followed gastrectomy for cancer. The nutritional status was evaluated by subjective global assessment, dietary recall and anthropometry. RESULTS: According to subjective global assessment, 6 of 50 patients were mild malnourished. The mean body mass index was 22 ± 4.75 kg/m2, the average daily calorie intake was 1624 ± 477 Kcal. Of the patients operated for cancer, those who underwent subtotal gastrectomy followed by Roux-en-Y presented higher body mass index. No relationship between the period of time since surgery with body mass index or with calorie intake was found. CONCLUSIONS: Among patients operated for cancer, subtotal gastrectomy with Roux-en-Y reconstruction is associated with better nutritional status. Factors other than low calorie intake are the cause of weight loss in patients with gastrectomy.
  • Manifestações extracolônicas da polipose adenomatosa familiar: incidência e impacto na evolução da doença Artigos Originais

    Campos, Fábio Guilherme; Habr-Gama, Angelita; Kiss, Desidério Roberto; Atuí, Fábio César; Katayama, Fábio; Gama-Rodrigues, Joaquim

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: A polipose adenomatosa familiar é doença hereditária de caráter autossômico dominante, que freqüentemente se associa a numerosas manifestações extracolônicas. OBJETIVOS: Relatar a incidência de manifestações extracolônicas em nosso meio e analisar seu impacto na evolução da doença. PACIENTES E MÉTODOS: Revisão dos prontuários de pacientes com polipose adenomatosa familiar tratados no período de 1977 a 2001, relatando as manifestações extracolônicas associadas e suas complicações. RESULTADOS: Dos 59 pacientes com polipose adenomatosa familiar, 23 (38,9%) apresentaram alguma manifestação extracolônica por ocasião do diagnóstico ou no seguimento. Foram registradas 37 diferentes manifestações (1,6 por paciente). As mais comuns foram osteomas e alterações na pigmentação da retina, diagnosticadas em 25% e 20% dos pacientes pesquisados, respectivamente. Outras manifestações extracolônicas achadas foram adenomas do trato digestivo superior, cistos epidermóides, tumores desmóides (sete cada), câncer gástrico (três) e câncer de tireóide (dois). Complicações importantes diretamente relacionadas aos tumores desmóides foram reportadas em seis pacientes, sendo obstrução intestinal em quatro e hidronefrose em dois. Registraram-se óbitos em dois pacientes (28,5%). CONCLUSÕES: A incidência de manifestações extracolônicas é alta (40%), podendo afetar a evolução da doença e a qualidade de vida dos pacientes. Por esses motivos, torna-se de fundamental importância a pesquisa, a prevenção e o tratamento adequado dessas manifestações na polipose adenomatosa familiar.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Familial adenomatous polyposis is a hereditary disease with autossomic and dominant features, frequently associated to many extracolonic manifestations. AIM: To report extracolonic manifestations incidence and to analyze its impact on the disease's outcome. PATIENTS AND METHODS: Revision of patient charts treated from 1977 to 2001, relating associated extracolonic manifestations and its complications. RESULTS: Among 59 familial adenomatous polyposis patients, 23 (38,9%) presented some extracolonic manifestations at diagnosis or during follow-up. There were registered 37 different extracolonic manifestations (1.6 per patient). The most common manifestations were osteomas and congenital hypertrophy of the retinal pigment epithelium, diagnosed in 25% and 20% of the investigated patients, respectively. Other extracolonic manifestations were represented by upper digestive adenomas, epidermoid cysts, desmoid tumor (seven each), gastric cancer (three) and tireoid cancer (two). Desmoid-associated complications were reported in six patients, being intestinal obstruction in four and hidronephrosis in two; two deaths (28,5%) were registered. CONCLUSIONS: Extracolonic manifestations incidence is high (40%) and may affect disease's outcome and patient's quality of life. For these reasons, the research, prevention and adequate treatment of extracolonic manifestations turn into vital importance in familial adenomatous polyposis patients.
  • Colonoscopia de alta resolução com cromoscopia no diagnóstico diferencial dos pólipos neoplásicos e não-neoplásicos Artigos Originais

    Averbach, Marcelo; Zanoni, Esdras Camargo A.; Corrêa, Paulo A. F. P.; Rossini, Giulio; Paccos, José Luiz; Alencar, Marília L.; Câmara-Lopes, Luiz Heraldo; Cutait, Raul

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: Com o advento da colonoscopia com magnificação de imagem, tem se mostrado possível a identificação da natureza histopatológica das lesões colorretais através de suas características da forma que as glândulas se abrem na superfície da mucosa (PITS). Apesar de ser método com alto índice de acurácia para o diagnóstico diferencial entre lesões neoplásicas e não-neoplásicas, trata-se de equipamento especializado, de custos elevados, não disponível na grande maioria dos centros médicos. Diante dessa realidade, a colonoscopia convencional com cromoscopia vem adquirindo espaço, pois acredita-se que pode reproduzir grande parte das informações obtidas até então pela colonoscopia com magnificação de imagem. OBJETIVO: Determinar o papel da colonoscopia de alta resolução com cromoscopia no diagnóstico diferencial entre pólipos neoplásicos e não-neoplásicos através dos seguintes índices estatísticos: acurácia, sensibilidade, especificidade, valores preditivos positivo e negativo. PACIENTES E MÉTODO: Realizou-se estudo prospectivo, onde foram avaliadas 74 lesões polipóides colorretais em 54 pacientes. Foi utilizado o colonoscópio Olympus Exera CFQ 160L de alta resolução. Após identificadas, as lesões foram coradas com índigo carmim 0,2% e analisadas conforme classificação descrita por Kudo, por um único examinador. Após ressecados, os pólipos foram encaminhados para estudo anatomopatológico. RESULTADOS: Os achados endoscópicos foram comparados com os resultados histopatológicos. A acurácia do método foi de 79,7%, sensibilidade de 88,8%, especificidade de 55%, valor preditivo positivo de 84,2% e valor preditivo negativo de 64,7%. CONCLUSÃO: Pode-se concluir que se deve ter cautela na aplicação clínica da colonoscopia de alta resolução com cromoscopia, pois lesões adenomatosas podem ser interpretadas como não-neoplásicas.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Magnifying colonoscopy brought the possibility of precise histologic diagnosis of colorectal lesions through their surface appearance. Despite the high accuracy of magnifying colonoscopy it is a specialized and expensive equipment not available in most medical centers. Due to these reasons the use of conventional colonoscopy with chromoscopy has been raised because this produce can reproduce most of the information previously obtained by magnifying colonoscopy. AIM: To determine the role of high resolution colonoscopy and indigo carmine chromoscopy for differential diagnosis between neoplastic and non-neoplastic colorectal lesions through measurements of accuracy, sensitivity, specificity, positive and negative predictive values. PATIENTS / METHODS: It was performed a prospective study. Seventy-four colorectal polyps were evaluated in 54 patients. A high resolution Olympus Exera CFQ 160L colonoscope was used. After the identification of the lesions, they were dyed with indigo carmine 0,2% and classified according to Kudo's classification by a single observer. After resection, the polyps were submitted to histopathological examination. RESULTS: The endoscopic findings were compared to histopathologic results. The accuracy of the method was 79,7%, sensibility of 88,8%, specificity of 55%, positive predictive value of 84,2% and a negative predictive value of 64,7%. CONCLUSION: We can conclude that we must be careful to apply high resolution colonoscopy and chromoscopy because adenomatous lesions can be misdiagnosed as non-neoplastic.
  • The effect of bacterial lipopolysaccharide on the gastric emptying of rats: a pretreatment evaluation using dexamethasone and methylene blue Gastroenterologia Experimental

    Collares, Edgard Ferro; Vinagre, Adriana Mendes

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: O óxido nítrico pode estar envolvido no retardo do esvaziamento gástrico produzido pelo lipopolissacarídio bacteriano. OBJETIVO: Avaliar o efeito do pré-tratamento com a dexametasona, bloqueadora da indução do óxido nítrico-sintetase induzida e com o azul de metileno, que bloqueia a guanilato-ciclase, inibe as óxido nítrico-sintetases e inativa o óxido nítrico, sobre o retardo do esvaziamento gástrico determinado pelo lipopolissacarídio em ratos. MATERIAL E MÉTODOS: Foram utilizados ratos Wistar, machos, ''specific patogen free'', após 24 horas de jejum alimentar. No pré-tratamento foram empregadas, via intravenosa, soluções de dexametasona (3 e 6 mg/kg), azul de metileno (2 mg/kg) e veículo estéril. O tratamento constou da administração, via intravenosa, de lipopolissacarídio (50 mig/kg) e veículo. O intervalo entre o pré-tratamento e o tratamento foi de 10 minutos, exceto no estudo com dexametasona 6 mg/kg, que foi de 1 hora. O intervalo entre a administração do lipopolissacarídio e a avaliação do esvaziamento gástrico foi de 1 hora, exceto nos dois estudos com dexametasona 3 mg/kg que foram de 2 e 8 horas. O esvaziamento gástrico foi avaliado, indiretamente, através da determinação da percentagem de retenção gástrica de solução salina marcada com fenol vermelho. RESULTADOS: Os valores de retenção gástrica, nos animais pré-tratados com dexametasona ou azul de metileno e tratados com veículo, não diferiram significativamente dos observados nos que receberam veículo nos dois momentos. Os animais pré-tratados com veículo e tratados com lipopolissacarídio apresentaram valores de retenção gástrica significativamente mais elevados que nos controles. O pré-tratamento com dexametasona não interferiu no aumento da retenção gástrica determinado pelo lipopolissacarídio, nas primeiras 2 horas após administração da endotoxina. Oito horas após a administração da endotoxina, foi observada diminuição significativa da retenção gástrica nos animais pré-tratados com dexametasona e tratados com lipopolissacarídio em relação aos que receberam veículo + lipopolissacarídio. O mesmo fenômeno foi observado nos animais pré-tratados com azul de metileno e tratados com lipopolissacarídio. CONCLUSÃO: Os resultados sugerem o envolvimento do óxido nítrico no efeito do lipopolissacarídio sobre o esvaziamento gástrico em ratos.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: The nitric oxide might be a putative mediator of the decrease in gastric emptying induced by bacterial lipopolysaccharide in rats. AIM: For that, we evaluated the effect of the pretreatment intravenous with dexamethasone and methylene blue in the retardation process of gastric emptying induced by intravenous application of lipopolysaccharide in rats. Dexamethasone has been shown to inhibit the induction of NOS II (induced NO-synthase) while the methylene blue, that blocks the soluble guanylyl cyclase, inhibits nitric oxide synthases and, in addition, inactivates nitric oxide directly. MATERIAL AND METHODS: Male Wistar rats, specific patogenic free, were used after a 24 hour fast and 1 hour-water withdrawn. The pretreatment was performed using dexamethasone solutions (3 and 6 mg/kg), methylene blue (2 mg/kg) or sterile vehicle. The treatment consisted in the application of lipopolysaccharide (50 mug/kg) or vehicle. The time period between the pretreatment and treatment was 10 minutes, excluding the study with dexamethasone 6 mg/kg that was 1 hour. The gastric emptying was evaluated 1 hour after the lipopolysaccharide application, except for two studies with dexamethasone 3 mg/kg in which the time periods were 2 and 8 hours. A saline solution containing phenol red was used as the test meal. The gastric emptying was determined by measuring gastric retention 10 minutes after the orogastric infusion of the test meal. RESULTS: The pretreatment with dexamethasone or methylene blue and treatment with vehicle did not have effect in the gastric emptying comparing to the control group. We found that pretreatment with dexamethasone in the studies for 1 hour and 2 hours did not interfere in the retardation of the gastric emptying produced by endotoxin. Nevertheless, in the eighth period study with this drug there was a significant reduction of gastric retention in the endotoxin-treated animals in relation to the unpretreated ones. Meanwhile, the pretreatment with the methylene blue completely blocked the action of endotoxin on the gastric emptying in rats. CONCLUSION: These results suggest a possible involvement of nitric oxide on the effect of lipopolysaccharide in rat gastric emptying.
  • Magnifying endoscopy of the duodenum with dye scattering method in a case with celiac disease Case Reports

    Morishita, Tetsuo; Kamiya, Toshiaki; Ishii, Hiromasa

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: Ampliar os achados na mucosa intestinal com o uso da endoscopia com magnificação e coloração ao vivo e verificar a eficácia de ambos os métodos. PACIENTE E MÉTODOS: Paciente de 54 anos, do sexo feminino, com doença celíaca. Observou-se a mucosa duodenal mais distal possível com endoscópio com magnificação (Olympus GIF HM), antes e depois da dispersão por jato de índigo carmim a 0,1%. RESULTADOS: A endoscopia acentuou a atrofia e o edema dos vilos, e a dispersão do corante revelou vilos longos, remanescentes em ilhas, em meio a vilos encontrados. CONCLUSÃO: A combinação da endoscopia com magnificação e a coloração por dispersão mostrou-se método útil para observação próxima da mucosa intestinal na doença celíaca.

    Abstract in English:

    AIM: To know the more detailed findings of the small intestinal mucosa with the use of a magnifying endoscope and a vital dye, and the efficacy of the both tools. PATIENT AND METHODS: A 54-year old female patient with celiac disease. The duodenal mucosa downward as far as the descending portion was observed with a magnifying endoscope (Olympus GIF HM) before and after spraying the mucosa with 0.1% indigo carmine. RESULTS: The endoscopy clarified the atrophy and edema of each villus, and scattering of the dye revealed shorter villi with the relatively longer villi remaining in islands. CONCLUSION: The combination of magnifying endoscopy and the dye scattering method is useful for closer observation of the intestinal mucosa in celiac diseases.
  • Familial gastric cancer Case Reports

    Bresciani, Cláudio; Perez, Rodrigo Oliva; Gama-Rodrigues, Joaquim

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: A agregação familiar do câncer gástrico é um dos indícios do envolvimento de fatores genéticos e da hereditariedade na gênese desta doença. Os pacientes com câncer gástrico difuso são freqüentemente mais jovens e o tumor apresenta característica infiltrativa local. A observação de familiar com alta incidência de câncer gástrico permitiu identificar o gene CDH1/E-caderina com envolvido na gênese da doença. O câncer gástrico familiar do tipo difuso é definido como a família que apresente dois parentes de primeiro grau com câncer gástrico difuso e um deles com menos de 50 anos de idade ou pelo menos três parentes de primeiro grau independentemente da idade. DESCRIÇÃO DO CASO: A família apresentada não se enquadra na classificação proposta, entretanto a precisa identificação destas famílias pode necessitar de outros parâmetros clínicos e moleculares. O caso aqui apresentado é um exemplo de família acometida por provável forma hereditária de câncer gástrico não totalmente compreendido. CONCLUSÃO: É provável que em breve haja modificações nos critérios possivelmente incluindo as características genéticas e moleculares em sua definição.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Familial aggregation of gastric cancer has pointed out to a possible hereditary and genetic factor involved in the carcinogenesis of this disease. The diffuse type gastric cancer patients are frequently younger and the tumor has locally infiltrative growth pattern early in its development. Observation of families with frequent early onset gastric cancer has led to the identification of a novel gene implicated in gastric cancer susceptibility: CDH1/E-cadherin. Diffuse familiar gastric cancer is defined as any family presenting: two first-degree relatives with diffuse gastric cancer, one of them with age under 50 years or at least 3 first-degree relatives irrespective age of onset. CASE REPORT: The family reported by us does not fit in any of the classification proposed. The precise identification of these families by clinical and molecular tools is of great importance. The case reported is an example of a family that probably is a form of hereditary gastric cancer not yet fully understood. CONCLUSION: Soon there will be new criteria, possibly including genetic and molecular characteristics.
  • Small intestine transplantation Revisão

    Galvão, Flávio Henrique Ferreira; Waitzberg, Dan Linetzky; Bacchella, Telesforo; Gama-Rodrigues, Joaquim; Machado, Marcel Cerqueira Cesar

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: Avanços da biotecnologia e o desenvolvimento de novas drogas imunossupressoras melhoraram os resultados do transplante de intestino delgado. Esse transplante é atualmente indicado para casos especiais da falência intestinal. OBJETIVO: A presente revisão realça os recentes desenvolvimentos na área do transplante de intestino delgado. MATERIAL E MÉTODO: Mais de 600 publicações de transplante de intestino delgado foram revisadas. O desenvolvimento da pesquisa, novas estratégias de imunossupressão, monitorização do enxerto e do receptor, e avanços na técnica cirúrgica são discutidos. RESULTADOS: Realizaram-se cerca de 700 transplante de intestino delgado em 55 centros: 44% intestino-fígado, 41% enxerto intestinal isolado e 15% transplante multivisceral. Rejeição e infecção são as principais limitações desse transplante. Sobrevida de 5 anos na experiência internacional é de 46% para o transplante de intestino isolado, 43% para o intestino-fígado e de cerca de 30% para o transplante multivisceral. Sobrevidas prolongadas são mais freqüentes nos centros com maior experiência. Em série de 165 transplantes intestinais na Universidade de Pittsburgh, PA, EUA, foi relatada sobrevida do paciente maior do que 75% no primeiro ano, 54% em 5 anos e 42% em 10 anos. Mais de 90% desses pacientes assumem dieta oral irrestrita. CONCLUSÃO: O transplante de intestino delgado evoluiu de estratégia experimental para uma alternativa viável no tratamento da falência intestinal permanente. Promover o refinamento da terapia imunossupressora, do manejo e prevenção de infecções, da técnica cirúrgica e da indicação e seleção adequada dos pacientes é crucial para melhorar a sobrevida desse transplante.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Significant progress has been made in clinical small bowel transplantation over the last decade mainly due advances in biotechnology and new immunosuppressive regiments. This transplantation has now been indicated to treat special cases of intestinal failure. AIM: This review highlights recent developments in the area of small bowel transplantation. MATERIAL AND METHODS: Over 600 reports on clinical and experimental small bowel transplantation were reviewed. Aspects concerning research development, different immunosuppressive strategies, patient and graft monitoring, and improvements in surgical techniques are discussed. RESULTS: About 700 small bowel transplantation were performed in 55 transplant centers, 44% intestine-liver, 41% isolated intestinal graft and 15% multivisceral transplantation. Rejection and infection are the main limitation of this procedure. Actual 5 years post transplantation graft survival of the total international experience is 46% for isolated intestinal graft, 43% for combined intestine-liver and nearly 30% for multivisceral transplantation. Higher graft and patient survival are seen at the more experienced centers. In a series of 165 intestinal transplantation at University of Pittsburgh, PA, USA, actuarial patient survival was reported to be over 75% at one year, 54% at 5 years and 42% at 10 years. Over 90% patients from Pittsburgh program resume an unrestricted oral diet. CONCLUSION: Small bowel transplantation has advanced from an experimental strategy to a feasible alternative for patients with permanent intestinal failure. Further refinements in graft acceptance, immunosuppressive regiments, infection management and prophylaxis, surgical techniques as well as appropriated patient referral and selection are crucial to improve outcomes.
  • Comparison between idiopathic achalasia and achalasia caused by Chagas' disease: a review about the pathophysiology of the diseases Revisão

    Dantas, Roberto Oliveira

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: Embora acalásia idiopática e acalásia conseqüente à doença de Chagas tenham manifestações clínicas semelhantes, mesmo tratamento e ambas comprometerem o plexo mientérico do esôfago, é possível que as alterações motoras do esôfago provocadas pelas duas doenças não sejam iguais, conseqüência da diferente intensidade da destruição dos neurônios inibitórios e excitatórios do esôfago. OBJETIVOS: Revisar os trabalhos que estudaram a fisiopatologia e as alterações motoras do esôfago na acalásia idiopática e na doença de Chagas. DADOS E FONTES DE REFERÊNCIAS: Foram revistos trabalhos que definiram as características da acalásia idiopática e aquela provocada pela doença de Chagas. SÍNTESE DOS DADOS: Está demonstrado o comprometimento da inervação inibitória do esôfago nas duas doenças. Em relação à inervação excitatória, os resultados dos estudos dos efeitos do edrofônio, da atropina e da toxina botulínica sugerem que ela está mais comprometida na doença de Chagas do que na acalásia idiopática, o que justificaria a maior pressão do esfíncter inferior do esôfago observada na acalásia idiopática. Os pacientes com doença de Chagas têm mais falhas de contrações e maior freqüência de anticorpos contra os receptores muscarínicos M2 da acetilcolina. A duração da contração em corpo esofágico é maior nos pacientes com acalásia idiopática. CONCLUSÕES: Os diferentes trabalhos que estudaram as duas doenças sugerem que existem diferenças entre o comprometimento do esôfago na acalásia idiopática e na doença de Chagas, principalmente no comprometimento da inervação excitatória, mais intenso na doença de Chagas.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Although idiopathic achalasia and achalasia caused by Chagas' disease have the same clinical manifestations and treatment, both with destruction of the esophageal myenteric plexus, it is possible that there are differences in the alterations of esophageal motility between the two diseases, caused by different grades of impairment of the excitatory and inhibitory esophageal neurons. AIMS: We performed a review of papers with results about the pathophysiology and esophageal motility alterations in idiopathic achalasia and Chagas' disease. DATE SOUCERS: We reviewed papers which included data about the characteristics of idiopathic achalasia and Chagas' disease. DATA SYNTHESIS: Impairment of inhibitory esophageal neurons was shown in the two diseases. The results of the studies of the effects of atropine, edrophonium and botulin toxin suggested that the excitatory innervation is more intensely impaired in Chagas' disease than in idiopathic achalasia, explaining the increase in the lower esophageal sphincter pressure found in achalasia. The patients with Chagas' disease have more circulating muscarinic cholinergic receptor M2 autoantibodies than patient with idiopathic achalasia. The duration of the contractions in the esophageal body is longer in idiophatic achalasia than in Chagas' disease. CONCLUSIONS: The papers that studied Chagas' disease and idiopathic achalasia, mainly those which studied both diseases with the same methods, suggested that there are different grades of esophageal involvement by the two diseases, mainly the most important involvement of excitatory innervation in Chagas' disease than in idiopathic achalasia.
  • The main indications and techniques for vascular exclusion of the liver

    Chaib, Eleazar; Saad, William Abrão; Fujimura, Ikurou; Saad Jr., Willian Abrão; Gama-Rodrigues, Joaquim

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: O clampeamento vascular hepático durante as hepatectomias tem como meta reduzir o sangramento e suas complicações. OBJETIVO: Mostrar passo a passo as principais técnicas cirúrgicas para exclusão vascular do fígado e suas indicações. MÉTODO: São descritas as seguintes técnicas: clampeamento do hilo hepático, manobra de ''Pringle''; clampeamento intermitente do pedículo hepático; exclusão vascular intermitente do fígado, sem clampeamento da veia cava inferior e a exclusão vascular hepática com clampeamento da veia cava inferior. Discutem-se, também, as conseqüências hemodinâmicas e metabólicas, bem como as falhas técnicas de cada uma destas manobras. CONCLUSÃO: A escolha da técnica de exclusão vascular durante a hepatectomia depende da avaliação do cirurgião. Atitudes dogmáticas e sistemáticas são prejudiciais para o paciente e os cirurgiões de fígado devem estar habituados a usar qualquer uma das manobras.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: The purpose of vascular clamping during the course of liver resection is to reduce bleeding and subsequent complications. AIM: To show both step-by-step surgical techniques for vascular exclusion of the liver and their indications. METHODS: It is described the following techniques: clamping of the hepatic pedicle, ''Pringle'' maneuver; intermittent clamping of the hepatic pedicle; intermittent vascular exclusion of the liver, without vena cava clamping, and hepatic vascular exclusion with vena cava clamping. Also metabolic and homodynamic consequences as well as the technical failure of the application of each of them are discussed. CONCLUSIONS: The choice of technique to use for clamping during hepatectomy depends on the surgeon's judgment. Dogmatic or systematic attitude, is prejudiciable for the patient and liver surgeon must be able to use all kinds of clamping.
Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia e Outras Especialidades - IBEPEGE. Rua Dr. Seng, 320, 01331-020 São Paulo - SP Brasil, Tel./Fax: +55 11 3147-6227 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: secretariaarqgastr@hospitaligesp.com.br