O gozo da insatisfação na relação sexual

RESUMO:

O gozo feminino é considerado por Lacan como Outro em relação ao do homem. Em todo caso, este gozo é difícil de ser discernido, ainda mais que ele pode, como nos mostra a clínica, ser facilmente simulado por uma mulher. Mas por que uma mulher se coloca na posição de simular um orgasmo? O que está em jogo para ela nessa prática? Tentaremos mostrar que a simulação não é apenas sinônimo de frigidez. Não que ela não o possa ser, mas a simulação é também fonte de prazer para uma mulher e, de forma pardoxal, algo capaz de favorecer o "encontro" com o outro.

Palavras-chave:
Gozo; orgasmo; simulação; frigidez; fantasma; sintoma; masturbação; falo; castração.

Programa de Pós-graduação em Teoria Psicanalítica do Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ Instituto de Psicologia UFRJ, Campus Praia Vermelha, Av. Pasteur, 250 - Pavilhão Nilton Campos - Urca, 22290-240 Rio de Janeiro RJ - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: revistaagoraufrj@gmail.com