A PESQUISA PSICANALÍTICA E SUAS RELAÇÕES COM A UNIVERSIDADE 1 1 Este trabalho é parte da tese de doutorado da primeira autora, orientada pelos dois coautores, intitulada Psicanálise e universidade: uma análise da produção acadêmica no Brasil, defendida em 2015 no Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal da Bahia em cotutela com a Université Paris Diderot - Paris 7 (França).

PSYCHOANALYTIC RESEARCH AND ITS RELATIONS WITH THE UNIVERSITY

Camila Santos Lima Fonteles Denise Maria Barreto Coutinho Christian Hoffmann Sobre os autores

Resumo:

Este artigo tem como objetivo discutir o lugar da pesquisa em psicanálise no campo psicanalítico bem como na universidade. A psicanálise se constitui na dimensão de pesquisa, reformulando-se continuamente como atesta o legado de Freud. Uma parte das produções psicanalíticas na universidade brasileira (teses) foi analisada em seus métodos e referenciais teóricos para discutirmos a interface pesquisa, psicanálise e universidade. A diversidade de métodos, temas, autores e de articulações aos saberes diversos, aliada ao caráter de inacabamento, constitutivo do referencial psicanalítico, permite dizer que, na universidade, lócus tradicional da pesquisa, a psicanálise pode ser formulada e também reinventada.

Palavras-chave:
pesquisa psicanalítica; universidade brasileira; teses

Programa de Pós-graduação em Teoria Psicanalítica do Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ Instituto de Psicologia UFRJ, Campus Praia Vermelha, Av. Pasteur, 250 - Pavilhão Nilton Campos - Urca, 22290-240 Rio de Janeiro RJ - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: revistaagoraufrj@gmail.com