Accessibility / Report Error

NOMEAÇÃO E PECADO ORIGINAL EM LACAN: UM RECORTE A PARTIR DOS TESTEMUNHOS DE DESCENDENTES DE NAZISTAS NOTÓRIOS

NOMINATION AND ORIGINAL SIN IN LACAN: A READING FROM THE TESTIMONIES OF DESCENDANTS OF NOTORIOUS NAZIS.

RESUMO:

O artigo investiga a relação entre nomeação e herança a partir da constatação lacaniana de que o sobrenome é símbolo do quinhão ao qual o sujeito tem acesso: o pecado dos pais tal como Kierkegaard o designa. Ao examinar a nomeação e o pecado herdado em Kierkegaard à luz da psicanálise, observamos aproximações entre esses elementos que podem atravessar o engajamento do sujeito com a sua história e o modo como se autoriza a ser chamado filho de.

Palavras-chave:
nomeação; herança; psicanálise; pecado original; descendentes de nazistas

Programa de Pós-graduação em Teoria Psicanalítica do Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ Instituto de Psicologia UFRJ, Campus Praia Vermelha, Av. Pasteur, 250 - Pavilhão Nilton Campos - Urca, 22290-240 Rio de Janeiro RJ - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: revistaagoraufrj@gmail.com