Determinação do nível de controle econômico de Enneothrips flavens Moulton, 1941 (Thysanoptera: Thripidae) em cultivar de amendoim de porte ereto

Determination of the level of economic control of Enneothrips flavens Moulton, 1941 (Thysanoptera: Thripidae) in the upright peanut crop

Resumos

O objetivo do presente trabalho foi avaliar diferentes níveis de controle econômico de Enneothrips flavens, na cultura do amendoim ereto, nas épocas de cultivo "das águas" e "da seca ". O estudo foi realizado na área experimental do Departamento de Fitossanidade da FCAV/UNESP - Campus de Jaboticabal, SP, em 2007/2008. Para a avaliação, foram realizadas amostragens a partir dos 17 dias após a emergência das plantas (DAE), coletando-se dez folíolos fechados por parcela. Determinaram-se a produção de grãos em casca e a massa seca de 100 sementes. Determinadas a produção e o número de aplicações de thiametoxam + lambda-cialotrina, foram obtidos o ganho de produção e a variação no rendimento líquido. Concluiu-se no estudo que as plantas de amendoim foram mais infestadas dos 17 aos 30 e dos 47 aos 74 (DAE) para o plantio na época "da seca" e dos 32 aos 53 (DAE) na época "das águas"; o tratamento controle total obteve as maiores produções e variação no rendimento líquido em relação à testemunha com 26,43 sacas. ha-1 e R$ 585,66 para o plantio realizado na época "da seca", e com 53,88 sacas. ha-1 e R$ 1354,26 para o plantio realizado na época "das águas". O controle de E. flavens com 20% dos folíolos atacados para os cultivos rea-lizados foi o mais próximo do controle total na produção (sacas.ha-1) e variação do rendimento líquido; o inseticida thiametoxam + lambda-cialotrina mostrou-se eficiente no controle da praga resultando em acréscimo na produção de amendoim nas duas épocas de cultivo.

Tripes; Arachis hypogaea L.; manejo integrado de pragas


The present work was aimed to evaluate different economic control levels of Enneothrips flavens in upright peanut plants, during the "dry" and "wet" seasons. The experiments were carried out at the Departamento de Fitossanidade, FCAV/UNESP - Jaboticabal, SP, Brazil, in 2007/2008. To evaluate the different E. flavens infestation levels, samplings were carried out at 17 days after plant emergence (DAE), collecting 10 closed leaflets per parcel. Peeled grain production (kg ha-1), and 100-seed dry mass (g) were also determined. Once the production and thiamethoxam + lambda-cyhalothrin spraying times were determined, the production gain (25 kg bags and kg.ha-1) and net profit variation were obtained. It was concluded that the peanut plants were more infested from 17 to 30 DAE and from 47 to 74 DAE for the "dry" cultivation and 32 to 53 DAE for the "wet" cultivation; the total-control treatment presented higher production and net profit variation as compared to the control plot with 26.43 bags.ha-1 and R$ 585.66 for the planting season held in "drought," and 53.88 bags.ha-1 and R$ 1,354.26 for the planting done during the "wet" time; E. flavens control with 20% of leaflets attacked in both seasons was the closest to total control in the production (bags.ha-1) and net profit variation; the insecticide thiamethoxam + lambda-cyhalothrin was effective to control the pest, resulting in increased the peanut production in both cultivation seasons.

Thrips; Arachis hypogaea L.; integrated pest management


  • AGRIANUAL: anuário da agricultura brasileira São Paulo: FNP Consultoria & Agroinformativo, 2011. 482 p.
  • BOIÇA JUNIOR, A.L.; SANTOS, T.M.S.; CENTURION, M.A.P.C.; JORGE, J.M. Resistência de genótipos de amendoim Arachis hypogaea L. a Enneothrips flavens Moulton, 1941 (Thysanoptera:Tripidae). Bioscience Journal, v.20, n.1, p.75-80, 2004.
  • CALCAGNOLO, G.; LEITE, F.M.; GALLO J.R. Efeitos da infestação do tripes nos folíolos do amendoinzeiro Enneothrips (Enneothripiella) flavens Moulton, 1941, no desenvolvimento das plantas, na qualidade da produção de uma cultura "da seca". O Biológico, São Paulo, v.40, n.8, p.239-240, 1974a.
  • CALCAGNOLO, G.; LEITE, F.M.; GALLO, J.R. Efeitos da infestação do tripes nos folíolos do amendoinzeiro Enneothrips (Enneothripiella) flavens Moulton, 1941, no desenvolvimento das plantas, na qualidade da produção de uma cultura "das águas". O Biológico, São Paulo, v.40, n.8, p.241-242, 1974b.
  • CHAGAS FILHO, N.R.; BOIÇA JUNIOR, A.L.; GODOY, I.J.; LOURENÇÃO, A.L.; RIBEIRO, Z.A. Resistência de cultivares de amendoim de hábito de crescimento ereto a Enneothrips flavens Moulton (Thysanoptera: Thripidae). Arquivos do Instituto Biológico, São Paulo, v.75, n.2, p.149-156, 2008.
  • CONAB - Companhia Nacional de Abastecimento. Brasil. Acompanhamento de safra Brasileira: grãos. Brasília, 2012. 37p. (Publicação mensal). Disponível em: <http://www.conab.gov.br/OlalaCMS/uploads/arquivos/12_04_11_15_04_18_boletim_abril_2012.pdf>. Acesso em: 25 abr. 2012.
  • FREDDI, O.S.; CAMPOS, A.R.; LEONEL, C.L.; FREDDI, T.S.; BARBOSA, G.F. Período de suscetibilidade do amendoinzeiro cv. Tégua ao tripes do prateamento e seu reflexo na produtividade. Acta Scientiarum Agronomy, v.29, n.2, p.277-282, 2007.
  • GALLO, D.; NAKANO, O.; SILVEIRA NETO, S.; CARVALHO, R.P.L.; BATISTA, G.C.; BERTI FILHO, E.; PARRA, J.R.P.; ALVES, S.B.; VENDRAMIM, J.D.; MARCHINI, L.C.; LOPES, J.R.S.; OMOTO, C. Entomolo gia agrícola Piracicaba: FEALQ, 2002. 920p.
  • GODOY, I. J. Cultivares IAC de amendoim. O Agronômico, v. 55, n.1, p.26-29. 2003.
  • LASCA, D.H.C. Amendoim (Arachis hypogaea). São Paulo: CATI, 1986. p.64-80. (Manual CATI, n. 8).
  • LASCA, D.H.C.; V. NEVES; M.C.S. MARCELINO; BUSOLI, A.C; FERNANDES, O.A.; BARBOSA, J.C. Manejo Integrado de pragas (MIP) - Amendoim Campinas: CATI, 1997. 6p. (Manual Técnico CATI, n.74).
  • LEWIS, T. Thrips; their biology, ecology and economic importance London: Academic Press, 1973. 349p.
  • LIMA, M.G.A.; MARTINELLI, N.M.; MONTEIRO, R.C. Plantas hospedeiras de tripes no período da entressafra do amendoim. Revista de Agricultura, v.75, n.1, p.129-135, 2000.
  • LOURENÇÃO, A.L.; MORAES, A. R. A.; GODOY, I.J; AMBROSANO, G.M.B. Efeito da infestação de Enneothrips flavens Moulton sobre o desenvolvimento de cultivares de amendoim. Bragantia, v.66, n.4, p.623-636, 2007.
  • MORAES, A.R.A.; LOURENÇÃO, A.L.; GODOY, I.J.; TEIXEIRA, G.C. Infestation by Enneothrips flavens Moulton and yield of peanut cultivars. Scientia Agricola, v.62, n.5, p.469-472, 2005.
  • SANTOS, R. C.; GODOY, J. I.; FÁVERO, A. P. Melhoramento do amendoim. Capitulo IV. In: SANTOS, R.C. (Ed.). O agronegócio do amendoim no Brasil Campina Grande, PB: Embrapa Algodão, 2005. 451p.
  • SUASSUNA, T.M.F.; SANTOS, R.C; GONDIN, T.M.S. Cultivo do amendoim Embrapa Algodão. Sistemas de Produção, n.7, 2006. Disponível em: <http://sistemasdeproducao.cnptia.embrapa.br/FontesHTML/Amendoim/CultivodoAmendoim/index.html>. Acesso em: 18 nov. 2009.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    08 Set 2014
  • Data do Fascículo
    Jun 2012

Histórico

  • Recebido
    27 Jan 2011
  • Aceito
    07 Maio 2012
Instituto Biológico Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 1252 - Vila Mariana - São Paulo - SP, 04014-002 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: arquivos@biologico.sp.gov.br