Avaliação de resistência de cultivares de amendoim de hábito de crescimento rasteiro a Enneothrips flavens Moulton (Thysanoptera: Thripidae)

Evaluation of peanut cultivars with runner growing habit for resistance to Enneothrips flavens, Moulton (Thysanoptera: Thripidae)

Resumos

Devido a sua ampla distribuição e aos danos acarretados, Enneothrips flavens Moulton destaca-se como a principal praga do amendoim no Brasil. O objetivo do presente trabalho foi avaliar, em condições de campo, o comportamento de quatro cultivares de amendoim de hábito de crescimento rasteiro sob infestação natural de E. flavens. Os experimentos foram desenvolvidos na área experimental do Departamento de Fitossanidade da FCAV/UNESP - Campus de Jaboticabal, SP. O delineamento experimental utilizado foi em blocos ao acaso, com quatro tratamentos em seis repetições. Foram utilizadas os cultivares IAC Caiapó, IAC 125, IAC 147 e IAC Runner-886. Foram avaliados o número de ninfas e adultos de E. flavens, porcentagem de folíolos atacados, sintomas de intensidade de ataque, número de brotos apicais por planta, massa seca das plantas, produção de grãos em casca (kg ha-1) e a massa seca de 100 sementes (g). Os cultivares não diferiram quanto ao nível de infestação de ninfas e adultos de E. flavens. O período de maior infestação de ninfas ocorreu entre 15 e 41 DAE, e de adultos entre 15 e 48 DAE. Analisando-se a produção, o cultivar IAC Caiapó comportou-se como portador de resistência do tipo tolerância ao ataque de E. flavens.

Tripes; Arachis hypogaea; resistência de plantas a insetos


Due to its widespread distribution and known damages, Enneothrips flavens Moulton is considered the major pest of the peanut crop in Brazil. The objective of the present study was to evaluate the behavior of four runner peanut cultivars under natural field infestation of this insect. The experiments were carried out in the experimental area of FCAV/UNESP, Jaboticabal, state of São Paulo, Brazil, using a completely randomized block design with 4 treatments and 6 replications. The cultivars studied were IAC Caiapó, IAC 125, IAC 147 and Runner IAC 886. Insect infestation and damage, as well as plant behavior were evaluated as to the number of nymphae and adults, percentage of attacked leaflets, symptoms of attack intensity, number of apical buds/plant, plant dry weight, yield of unshelled pods/plant and 100 kernel weight. No significant difference was noted between cultivars regarding the level of E. flavens (adult and nymphae) infestation. The largest nymphae infestation was recorded at the 15-41 DAE (days after emergency) period. As for the adults, the largest infestation occurred between 15 and 48 days after emergence. The evaluation of yield performance under thrips (E. flavens) infestation suggested that the cultivar IAC Caiapó behaved as tolerant to the attack of this insect.

Thrips; Arachis hypogaea; host plant resistance


  • ALMEIDA, P.R.; ARRUDA, H.V. Controle de tripes causador do prateamento das folhas do amendoim por meio de inseticidas. Bragantia, v.21, n.38, p.679-687, 1962.
  • CAMPOS, A.R. Tripes do prateamento Enneothrips flavens Moulton, 1941 (Thysanoptera: Thripidae) em amendoinzeiro: resistência de genótipos, avaliação de danos, integração de genótipos e inseticida e período de proteção ao ataque dos tripes e seus reflexos na produção 2001. 133f. Tese (Livre Docente) - Faculdade de Engenharia do Campus de Ilha Solteira/Universidade Estasual Paulista, Ilha Solteira. 2001.
  • CAMPOS, A.R.; LARA, F.M.; LAZARINI, E.; JOLVINO, A.L; SOUZA, R.S. Resistência de genótipos de amendoim (Arachis hypogaea L.) ao tripes do prateamento Enneothrips flavens Moulton, 1941 (Thysanoptera: Thripidae) na região de Ilha Solteira. In. CONGRESSO BRASILEIRO DE ENTOMOLOGIA, 17., 1998, Rio de Janeiro. Resumos Rio de Janeiro: SEB, 1998. p.638.
  • CHAGAS FILHO, N.R.; BOIÇA JUNIOR, A.L.; GODOY, I.J.; LOURENÇÃO, A.L.; RIBEIRO, Z.A. Resistência de cultivares de amendoim de hábito de crescimento ereto a Enneothrips flavens Moulton (Thysanoptera: Thripidae). Arquivos do Instituto Biológico, São Paulo, v.75, n.2, p.149-156, 2008.
  • COMPANHIA NACIONAL DE ABASTECIMENTO. (Brasil). Acompanhamento de Safra Brasileira: grãos. Brasília: CONAB, 2010. 42p. (Publicação mensal).
  • GABRIEL, D.; NOVO, J.P.S.; GODOY, I.J.; BARBOZA, J.P. Flutuação populacional de Enneothrips flavens Moulton em cultivares de amendoim. Bragantia, v.55, n.2, p.253-257, 1996.
  • GALLO, D.; NAKANO, O.; SILVEIRA NETO, S.; CARVALHO, R.P.L.; BATISTA, G.C.; BERTI FILHO, E.; PARRA, J.R.P.; ALVES, S.B.; VENDRAMIM, J.D.; MARCHINI, L.C.; LOPES, J.R.S.; OMOTO, C. Entomologia agrícola Piracicaba: FEALQ, 2002. 920p.
  • GODOY, I.J.; MORAES, S.A.; ZANOTTO, M.; SANTOS, R.C. Melhoramento do Amendoim. In: BORÉM A. (Ed.). Melhoramento de espécies cultivadas Viçosa: Universidade Federal de Viçosa, 1999. v.1, p.51-94.
  • LARA, F.M. Princípios de resistência de plantas a insetos São Paulo: Ícone, 1991. 336p.
  • LASCA, D.H.C. Amendoim (Arachis hypogaea). Campinas: CATI, 1986. p. 64-80. (Manual CATI, n. 8).
  • MORAES, A.R.A. Efeito da infestação de Enneothrips flavens Moulton no desenvolvimento e produtividade de seis cultivares de amendoim, em condição de campo 2005. 104f. Dissertação (Mestrado em Tecnologia da Produção Agrícola) - Instituto Agronômico de Campinas, Campinas, 2005.
  • MORAES, A.R.A.; LOURENÇÃO, A.L.; GODOY, I.J.; TEIXEIRA, G.C. Infestation by Enneothrips flavens Moulton and yield of peanut cultivars. Scientia Agricola, v.62, n.5, p.469-472, 2005.
  • RAIJ, B.; CANTARELLA, H.; QUAGGIO, J.A.; FURLANI, A.M.C. Recomendações de adubação e calagem para o estado de São Paulo Campinas: Instituto Agronômico - Fundação IAC, 1997. 285p. (Boletim Técnico 100).

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    10 Set 2014
  • Data do Fascículo
    Mar 2012

Histórico

  • Recebido
    24 Nov 2010
  • Aceito
    02 Fev 2012
Instituto Biológico Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 1252 - Vila Mariana - São Paulo - SP, 04014-002 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: arquivos@biologico.sp.gov.br