Ocorrência e perfil de resistencia antimicrobiana de sorotipos de Salmonella spp. isolados de aviários do Paraná, Brasil

Occurrence and antimicrobial resistance profile of Salmonella spp. serotypes isolated from poultry farms in Paraná, Brazil

Jessica Angela Pandini Fabiana Gisele da Silva Pinto Jessica Maronezzi Muller Laís Dayane Weber Alexandre Carvalho de Moura Sobre os autores

O presente estudo foi conduzido para verificar o perfil de resistência de diferentes sorotipos de Salmonella spp. isolados em aviários de frango de corte frente a agentes antimicrobianos. Foram processados 342 suabes de arrasto provenientes de granjas avícolas do oeste do Paraná, no período de janeiro de 2010 a janeiro de 2011, sendo isoladas 39 amostras de Salmonella spp. Os sorotipos mais frequentes foram: S. Heidelberg, S. Mbandaka, S. Newport, S. Schwarzengrund, S. Enteritidis, S. Livingstone, S. Orion, S. Give e S. Infantis. A determinação do perfil de resistência para os 19 sorotipos de Salmonella identificados foi realizada em relação a 12 antimicrobianos comerciais. Os resultados indicam que 51% dos sorotipos de Salmonella apresentaram resistência a um ou mais antimicrobianos, com 12 diferentes padrões de resistência. O maior percentual de resistência foi verificado à tetraciclina (30,8%), e o menor à gentamicina e cloranfenicol (2,6%). Os níveis de resistência indicam que os antimicrobianos devem ser utilizados nos aviários de forma mais prudente, buscando, assim, minimizar a disseminação de cepas resistentes.

suscetibilidade antimicrobiana; produção avícola; salmonelose aviária; frango de corte


Instituto Biológico Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 1252 - Vila Mariana - São Paulo - SP, 04014-002 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: arquivos@biologico.sp.gov.br