Atividade de óleos e extratos vegetais sobre germinação carpogênica e crescimento micelial de Sclerotinia sclerotiorum

Activity of plant extracts on the carpogenic germination and mycelial growth of Sclerotinia sclerotiorum

Cláudia de Souza Zanella Walber Luiz Gavassoni Lilian Maria Arruda Bacchi Anelise Samara Nazari Formagio Sobre os autores

A germinação carpogênica e o crescimento micelial de Sclerotinia sclerotiorum foram avaliados sob extratos metanólicos de Annona cacans, A. coriacea, A. crassiflora, A. dioica, A. sylvatica, Geophila repens, Guettarda viburnoides, Palicourea crocea, Schinus terebinthifolius e Trichilia silvatica, e sob as frações hexânica, hidrometanólica, clorofórmica e acetato de etila de A. cacans e óleo essencial de S. terebinthifolius. A concentração utilizada foi de 1.000 ppm para os extratos e de 100 ppm para as frações. Os extratos vegetais e as frações foram incorporados em meio ágar-água, que foi vertido em caixas gerbox com 20 escleródios. O crescimento micelial foi avaliado em óleo essencial de S. terebinthifolius, nas concentrações de 0, 100 e 1.000 ppm, incorporado ao meio BDA (Batata-Dextrose-Ágar). A germinação carpogênica apresentou-se menor sob os extratos de G. repens, P. crocea e S. terebinthifolius e sob as frações acetato de etila e clorofórmica de A. cacans. O número de apotécios formados por gerbox foi menor com o extrato de A. cacans. O crescimento micelial apresentou 10% de inibição na maior concentração do óleo essencial de S. terebinthifolius.

escleródio; apotécio; mofo branco


Instituto Biológico Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 1252 - Vila Mariana - São Paulo - SP, 04014-002 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: arquivos@biologico.sp.gov.br