Accessibility / Report Error

EFEITO DE BACILLUS THURINGIENSIS E INSETICIDAS QUÍMICOS NO CONTROLE DE ARGYROTAENIA SPHALEROPA (MEYRICK, 1909) (LEPIDOPTERA: TORTRICIDAE) EM VIDEIRA* * Parte de dissertação apresentada pelo primeiro autor ao Programa de Pós-Graduação em Fitossanidade/Entomologia, Faculdade de Agronomia “Eliseu Maciel” (FAEM), Universidade Federal de Pelotas (UFPel).

EFFECT OF BACILLUS THURINGIENSIS AND CHEMICAL INSECTICIDES FOR THE CONTROL OF ARGYROTAENIA SPHALEROPA (MEYRICK, 1909) (LEPIDOPTERA: TORTRICIDAE) IN VINEYARDS

RESUMO

O efeito de Bacillus thuringiensis e inseticidas químicos (fenitrotion e triclorfon) para o controle de Argyrotaenia sphaleropa (Meyrick, 1909) (Lepidoptera: Tortricidae) foi avaliado em laboratório e vinhedo comercial. Em laboratório, a 26 ± 1º C, UR 70 ± 10% e fotofase de 14 horas, utilizando discos de folhas de videira com lagartas de terceiro e quarto ínstar, observou-se que os inseticidas B. thuringiensis var. kurstaki (Dipel DF®, 50, 75 e 100 g/100L), fenitrothion (Sumithion® 500 CE, 150 mL/100L) e triclorfon (Dipterex® 500, 300 mL/100L) foram eficientes no controle de A. sphaleropa, reduzindo a população em níveis superiores a 90%. Em vinhedo comercial, observou-se a presença constante de adultos de A. sphaleropa em armadilhas de feromônio sexual durante todo o experimento (dezembro de 2003 a março de 2004), constatando-se um pico populacional no início de fevereiro. Na colheita, todos os inseticidas e concentrações avaliadas reduziram significativamente o dano da lagarta-das-fruteiras nos cachos em níveis entre 83,3 a 94,4%, sendo que as três concentrações de B. thuringiensis foram equivalentes ao controle obtido com os inseticidas fosforados fenitrothion e triclorfon.

PALAVRAS-CHAVE
Lagarta-das-fruteiras; Argyrotaenia sphaleropa ; uva; Bacillus thuringiensis ; alternativa de controle

Instituto Biológico Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 1252 - Vila Mariana - São Paulo - SP, 04014-002 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: arquivos@biologico.sp.gov.br