Produtividade primária em um lago tropical raso brasileiro: experimentos no lago e em mesocosmos

OBJETIVO: Para avaliar a produtividade primária do fitoplâncton e os fatores que influenciam suas flutuações foram feitos experimentos no Lago Monte Alegre e em mesocosmos; MÉTODOS: Foram feitos experimentos mensais de produtividade primária (PP), usando o método do 14C, no lago, durante um ano, e em dois experimentos em mesocosmos, um no inverno e outro no verão. Outros fatores medidos foram temperatura, oxigênio dissolvido, pH, condutividade elétrica, clorofila-a, alcalinidade, nutrientes e limitação de nitrogênio. Foram testadas hipóteses sobre a influência do consumo e excreção do zooplâncton e peixes sobre o fitoplâncton em dois experimentos realizados em mesocosmos; RESULTADOS: Maior PP na coluna de água do lago ocorreu nos períodos de transição, quando a estratificação é instável, e menor PP na estação fria (circulação freqüente) e no meio do verão (estratificação mais estável). O fator limitante na estação fria parece ser principalmente a temperatura e no meio do verão as intensidades luminosas mais baixas, devido a maior pluviosidade e tempo nublado, limitação de nitrogênio e perturbações físicas causadas por tempestades. PP não foi influenciada pelo zooplâncton no experimento I, apesar do efeito do consumo sobre outros atributos do fitoplâncton. A excreção pelo peixe fitoplanctófago (adultos de Tilapia rendalli) causou o aumento da PP no experimento II, superando o consumo do fitoplâncton; CONCLUSÕES: Nós supomos que os fatores preponderantes que afetam a produtividade primária no lago são físicos e químicos, tendo os fatores bióticos um papel secundário. O comportamento térmico do lago, que é polimíctico descontínuo quente, controla a perda e liberação de nutrientes, influenciando a produtividade primária além de outros fatores relacionados às estações do ano.

produtividade primária; taxas de assimilação; clorofila-a; comportamento térmico; controle ascendente ou descendente


Associação Brasileira de Limnologia Av. 24 A, 1515, 13506-900 Rio Claro-SP/Brasil, Tel.:(55 19)3526 4227 - Rio Claro - SP - Brazil
E-mail: actalimno@gmail.com