Alfa: Revista de Linguística (São José do Rio Preto), Volume: 56, Issue: 3, Published: 2012
  • Apresentando retratos socialinguísticos e dialetológicos do Brasil

    Gonçalves, Sebastião Carlos Leite; Bentes, Anna Christina
  • Cumprindo uma pauta de trabalho: contribuições recentes do PEUL

    Paiva, Maria da Conceição de; Silva, Vera Lúcia Paredes

    Abstract in Portuguese:

    O grupo PEUL (Programa de Estudos sobre o Uso da Língua) constituiu-se nos anos 80 do século passado, em torno de uma meta comum: a de desvendar a sistematicidade da variação e mudança atestadas na variedade carioca. Inicialmente, mais concentrados na modalidade falada, os estudos ganharam novo fôlego, particularmente do ponto de vista da mudança, com a volta à comunidade de fala cerca de 20 anos mais tarde, o que permitiu a realização de análises da mudança em tempo real de curta duração. Posteriormente, os estudos foram estendidos à escrita monitorada, representada por diversos gêneros do domínio jornalístico. Esta ampliação do corpus permitiu comparar os princípios que regem a variação nas duas modalidades e testar hipóteses relativas à migração/incorporação de mudanças em curso na fala para a escrita. Neste artigo, mostramos de que forma os trabalhos realizados pelos pesquisadores ligados ao grupo contribuíram para alimentar e aprofundar discussões acerca de aspectos relevantes, como a sistematicidade de princípios subjacentes ao uso de formas variáveis, e desvendar o caminho trilhado pelas variantes linguísticas em tempo real e sua incorporação na escrita. Destacamos, ainda, a forma como a colocação contínua de novas questões abriu o espaço para trabalhos na interface com outras áreas do conhecimento.

    Abstract in English:

    PEUL (Program for the Study of Language Use) is composed of a group of researchers whose main initial purpose is to investigate patterns of variation and change in Brazilian Portuguese as spoken in Rio de Janeiro (the "carioca" variety). At first, in the 1980's, only spoken language was studied. A new sample of the same community of speakers collected about 20 years later facilitated comparison of the behavior of the community (trend study) and the individuals (panel study). These studies gave rise to the analysis of linguistic change in real time. Recently, investigation of written language, focusing specifically on newspaper genres, has been undertaken. This expansion of both aims and corpora was motivated by comparison of principles correlated to variable phenomena in the modalities under investigation. It also allowed verification of hypotheses related to the migration of change-in-process from spoken to written language. In this article we intend to show how the analysis developed by members of the group has contributed to deepen several relevant theoretical points. The systematicity of principles underlying the variable use of distinct phenomena, the way linguistic change penetrates written genres, or is rejected by them, are some of the issues presented. The constant examination of new questions has expanded research to the interface with other areas of knowledge.
  • Projeto PortVix: a fala de Vitória/ES em cena

    Yacovenco, Lilian Coutinho; Scherre, Maria Marta Pereira; Tesch, Leila Maria; Bragança, Marcela Langa L; Evangelista, Elaine Meireles; Mendonça, Alexandre Kronemberger de; Calmon, Elba Nusa; Campos Júnior, Heitor da Silva; Barbosa, Astrid Franco; Basílio, Jucilene Oliveira Sousa; Deoclécio, Carlos Eduardo; Silva, Janaína Biancardi da; Berbert, Aline Tomaz Fonseca; Benfica, Samine de Almeida

    Abstract in Portuguese:

    Os objetivos centrais do presente artigo são (1) apresentar à comunidade científica o projeto PortVix, que trata da fala da cidade de Vitória, capital do Espírito Santo; (2) sintetizar os trabalhos desenvolvidos e em desenvolvimento, com base nos dados deste projeto; e (3) tecer considerações sobre o alinhamento da fala de Vitória ao cenário nacional e sobre traços que a caracterizam. A Teoria da Variação e de Mudança Linguística norteia a organização da amostra e, de forma geral, a análise de diversos fenômenos variáveis, a saber, alternância entre futuro do pretérito e pretérito imperfeito; a expressão variável do futuro do presente; usos do gerúndio; variação sintática das orações adverbiais finais; alternância nós/a gente; a expressão do objeto direto anafórico; concordância nominal; concordância verbal; expressão gramatical do imperativo; alternância indicativo/subjuntivo; alternância você/cê/ocê; ausência/presença de artigo diante de antropônimos e de possessivos. Observações do senso comum e resultados das análises permitem evidenciar que, ao lado de aspectos que alinham a fala de Vitória-ES ao cenário nacional, corroborando a generalidade de diversos fenômenos, há outros aspectos que permitem inferir a caracterização da fala capixaba face aos três estados com os quais o Espírito Santo estabelece fronteiras: Rio de Janeiro, Bahia e, especialmente, Minas Gerais.

    Abstract in English:

    The main objectives of this paper are (1) to show the academic community the PortVix, a project which deals with the speech of the city of Vitória, capital of Espírito Santo; (2) to summarize the works concluded and in development, based on data from this project, and (3) to speak about the alignment of Vitória's speech with the national setting and about characteristics that individualize it. The Theory of Language Variation and Change guides the organization of the sample and, in general, the analysis of several variable phenomena, namely the variation between verb forms of conditional and of imperfect indicative; variable expression of the future tense; use of the gerund; variation of final adverbial clauses; alternation between the expressions nós/a gente (we); expression of anaphoric direct object; nominal agreement; verbal agreement; grammatical expression of imperative form; alternation of indicative/subjunctive form; variation of second pronouns, specially among você/cê/ocê; presence or absence of definitive article in front anthroponyms and possessive pronouns. Common sense observations and test results evidenced that there are aspects that align the speech of Vitória-ES with the national setting, confirming the generality of some phenomena, but there are other characteristics that allow individualization of the capixaba speech (speech from the state of Espírito Santo) against the three states with which Espírito Santo establishes boundaries: Rio de Janeiro, Bahia, and especially Minas Gerais.
  • Projeto de variação linguística no Centro-Oeste (VALCO)

    Dettoni, Rachel do Valle; Pacheco, Cíntia da Silva; Andrade, Carolina Queiroz; Scherre, Maria Marta Pereira

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste artigo é apresentar o Projeto Variação Linguística no Centro-Oeste (VALCO) e sintetizar resultados de pesquisa sociolinguística em áreas geográficas distintas da região Centro-Oeste e em temáticas também distintas. Quatro pesquisas foram realizadas com dados da grande Brasília ou Distrito Federal e analisam os pronomes de segunda pessoa tu/você/cê/ocê. Nestas pesquisas, apresenta-se a ideia central de que a variedade brasiliense em formação está introduzindo a variante tu em seu repertório linguístico, com focalização de um traço marcado no português brasileiro. Duas outras pesquisas foram realizadas com dados da Baixada Cuiabana, Estado do Mato Grosso, e analisam a variação de gênero no plano discursivo e sintagmático. Nestas duas pesquisas, diferentemente, apresentam-se traços linguísticos de natureza semicategórica, em provável situação de extinção, mas evidencia-se que a variação de gênero nos dados analisados é linguisticamente encaixada no sistema da língua portuguesa. Sendo assim, o presente artigo, que se orienta pela Teoria da Variação e da Mudança Linguística, apresenta para a comunidade científica um pouco mais da riqueza da língua portuguesa em terras brasileiras, mais especificamente, no Brasil central tradicional e no Brasil central expandido.

    Abstract in English:

    The aim of our article is to present Valco Project (Linguistic Variation of Brazil´s Midwest Region) and summarize the results of some researches in sociolinguistics from different geographical areas (in the Midwest) and different themes. Four researches were developed with data from Brasilia and theyh analyze the second person pronouns: Tu/Você/Ocê/Cê. In these studies, we present a central idea that the variety from Brasilia is currently introducingthe new variant TU in its linguistic repertoire, focusing on a trend in Brazilian Portuguese. Two other researches were developed with data from the BaixadaCuiabana region, in MatoGrosso, and they analyzed the gender variation present on the discourse and syntagmatic plans. Unlike the previous researches mentioned here, those two studies present linguistic features of semi categorical nature, which are probably in an extinction situation. But it is evident that gender variance in the analyzed data is linguistically embedded in the system of Portuguese language. Thus, the present article, which is based on Language Variation and Change Theory, brings to the scientific community a wider knowledge of Portuguese language in Brazilian lands, more specifically, in traditional Central Brazil and in expanded Central Brazil.
  • Banco de Dados VARSUL: a relevância de suas características e a abrangência de seus resultados

    Collischonn, Gisela; Monaretto, Valéria de Oliveira

    Abstract in Portuguese:

    O Banco de Dados VARSUL (Variação Linguística Urbana do Sul do País) reúne dados de fala de localidades sócio e culturalmente significativas de três Estados do Sul do Brasil. Este artigo apresenta uma reflexão sobre a utilização dos dados de coletâneas de entrevistas levantadas segundo metodologia laboviana, tanto na área de variação linguística quanto em diversas outras áreas de pesquisas, especialmente no que diz respeito a pesquisas fonológicas. A importância e as vantagens obtidas por análises em corpora de língua falada espontânea são abordadas. Discutimos também a possibilidade que levantamentos feitos em moldes de entrevistas sociolinguísticas oferecem para a interface com outras áreas de pesquisa. Algumas características da constituição do Banco VARSUL são apresentadas, tais como a metodologia de obtenção de dados, critérios de seleção dos informantes, modelo de transcrição, facilidades de buscas, entre outras. Ao final, apresentamos um breve levantamento de pesquisas realizadas com esses dados e que tiveram, como objeto de análise, fenômenos fonético-fonológicos variáveis a fim de ilustrar a abrangência de fenômenos já estudados e de mostrar a possibilidade de generalização de resultados.

    Abstract in English:

    The VARSUL Database (Urban Language Variation in the South of the Country) assembles speech data from social and culturally significant locations of the three southern states of Brazil. This article presents some considerations on the use, -both in the field of language variation and in several other fields of research, especially as regards to phonological phenomena - of data collections gathered according to the Labovian approach. The importance and advantages obtained by corpora analyses of spontaneous spoken language are addressed. We also discuss the possibilities that collections of sociolinguistic interviews provide for interface with other areas of research. Some features of the constitution of the VARSUL Database are presented, such as data collection methodology, criteria for informants selection, transcription protocols, as well as search devices developed for this Database. Finally, a survey of researches conducted on these data involving phonetic-phonological variables is presented to illustrate the scope of phenomena that have been studied and to show the possibility of generalization of results.
  • Projeto Atlas Linguístico do Brasil: antecedentes e estágio atual

    Cardoso, Suzana Alice; Mota, Jacyra Andrade

    Abstract in Portuguese:

    Neste artigo, trata-se do Projeto Atlas Linguístico do Brasil, destacando-se os antecedentes que, na história da Geolinguística brasileira, explicam o seu surgimento, em 1996, por ocasião do Seminário Caminhos e Perspectivas para a Geolinguística Brasileira, realizado na Universidade Federal da Bahia, com a participação de pesquisadores da área, particularmente de autores de atlas publicados e de atlas em andamento. Apresentam-se informações sobre a sua estrutura, seus objetivos, como vem se desenvolvendo a pesquisa de campo, o estágio em que se encontra, atualmente - com 92,8% de localidades pesquisadas -, e resultados que as análises preliminares têm revelado. Destacam-se dois aspectos da sua organização: a realização de reuniões sistemáticas do Comitê Nacional que coordena o Projeto (a última das quais, a de número XXXIV, se realizou em fevereiro de 2012) e workshops para discussão, acompanhamento do trabalho e formação de inquiridores e de pesquisadores auxiliares. Do ponto de vista metodológico, o projeto se insere na geolinguística pluridimensional contemporânea, priorizando não só a variação diatópica, mas também a variação diageracional, diagenérica e diastrática.

    Abstract in English:

    This article deals with the Project Linguistic Atlas of Brazil, paying special attention to its antecedents which, in the history of Brazilian Geolinguistics, explain its appearance in 1996, by the time of the Ways and Perspectives for Brazilian Geolinguistics Seminar, held at the Federal University of Bahia, that counted on the participation of researchers of this field of knowledge, mainly authors of published and yet to be published atlases. The article presents information about the Project, its goals, how the field research has been done, the stage it is at, presently with 92,8% of localities already researched, and the results that preliminary analyses have shown. Two aspects of its organization are evident: the regular meetings of the National Committee that coordinates the Project (the last one, numbered XXXIV, took place in February, 2012) and workshops for discussion, work assistance and the formation of inquirers and assistant researchers. From the methodological point of view, the Project belongs to the contemporary pluridimensional geolinguistics, and it prioritizes not only the diatopic variation, but also the diagenerational, diageneric and diastratic variation.
  • Para um Atlas pluridimensional: pesquisas e pesquisadores

    Aguilera, Vanderci de Andrade; Altino, Fabiane Cristina

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo propõe apresentar à comunidade científica um balanço das atividades do Projeto Atlas Linguístico do Brasil (ALiB) no que tange à formação de novos pesquisadores e, ao mesmo tempo, demonstrar o que a equipe do Comitê Central produziu na década deste início de século. Para isso, dividiu-se o texto em quatro seções: (i) a constituição da equipe de investigadores que trata da composição do Comitê Nacional e das atribuições de cada um de seus componentes; (ii) a produção discente em projetos de Iniciação Científica, desenvolvidos nas várias regionais do ALiB; (iii) a produção dos discentes da pós-graduação lato e stricto sensu sob a orientação dos diretores científicos e (iv) a produção dos coordenadores e diretores científicos. Os resultados apontam para a diversidade de enfoques teórico-metodológicos na abordagem de fenômenos de variação no nível da fonética, do léxico e da morfologia, entre outros, e indicam a possibilidade de associar alguns aspectos da variação linguística registrada pelo ALiB à proposta de Nascentes (1953).

    Abstract in English:

    This article aims at presenting to the scientific community a report on the activities of the Project Atlas Linguístico do Brasil (ALiB- Lingusitic Atlas of Brazil) concerning the constitution of new researchers and, at the same time, to demonstrate what the Central Committee team has produced since the beginning of this century. We divided the text into four sections: (i) the constitution of the team of investigators that deals with the formation of the National Committee and the attributions of each of its members; (ii) students´ production in Scientific Initiation Projects developed in the several ALiB branches; (iii) the post-graduation students´ production tutored by the scientific directors; and (iv) the production of the coordinators and scientific directors. The results indicate the diversity of theoretical-methodological perspectives in the approach of phenomena related to phonetic, lexical and morphological variation, among others, and also indicate the possibility of associating some aspects of linguistic variation found by ALiB to the proposal by Nascentes (1953).
  • Discutindo a dimensão sociolinguística do projeto ALiB: uma reflexão a partir do perfil dos informantes

    Isquerdo, Aparecida Negri; Romano, Valter Pereira

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho centra-se na discussão da dimensão pluridimensional dos estudos dialetológicos e tem como objetivos: i) discutir aspectos da dimensão sociolinguística do projeto ALiB (Atlas Linguístico do Brasil), com base no perfil estabelecido para a seleção dos informantes e ii) apresentar um panorama das características dos 200 informantes do ALiB entrevistados em 25 capitais brasileiras, discutindo tendências evidenciadas nesse universo de falantes da língua portuguesa contemporânea, especialmente em termos de nível de escolaridade, de contatos com os meios de comunicação - televisão e rádio -; de hábitos de leitura de jornal e de hábitos de diversões - cinema e teatro. Para tanto, recupera dados historiográficos relativos à disciplina Dialetologia, destacando aspectos que apontam, desde os seus primórdios, para a necessidade de se considerar, além da horizontalidade, aspectos relacionados à dimensão vertical dos estudos linguísticos, adotando-se também variáveis sociais como parâmetro para a descrição e análise da fala de grupos sociais fixados em zonas geográficas previamente delimitadas.

    Abstract in English:

    This paper focuses on the discussion of the multidimensional dimension of dialectology studies and it aims to: i) discuss aspects of sociolinguistics dimension of the ALiB project (Linguistic Atlas of Brazil), based on the profile established for the selection of informants and ii) present an overview of the characteristics of 200 informants of ALiB who were interviewed in 25 Brazilian capitals, discussing highlighted trends in this universe of speakers of contemporary Portuguese language, especially in terms of education level, contacts with the media - television and radio; newspaper reading habits and entertainment: cinema and theater. In order to do so, it retrieves historiographical data related to the Dialectology subject, highlighting aspects that show, since its inception, the necessity to consider, in addition to horizontality, the vertical dimension aspects of linguistic studies, also taking social variables as parameters for the description and analysis of the speech of social groups fixed in geographical areas that were previously delimited.
  • Bancos de dados sociolinguísticos do português brasileiro e os estudos de terceira onda: potencialidades e limitações

    Freitag, Raquel Meister Ko.; Martins, Marco Antonio; Tavares, Maria Alice

    Abstract in Portuguese:

    Bancos de dados linguísticos de fala - especialmente aqueles elaborados para a pesquisa de orientação sociolinguística variacionista - têm sido fonte privilegiada para a descrição do português brasileiro. Neste texto, discutimos procedimentos metodológicos que deveriam ser adotados para a organização de novos bancos de dados. Fazemos um breve retrospecto dos bancos de dados já constituídos e sugerimos a coleta e expansão de corpora de diferentes comunidades de fala - e de diferentes comunidades de prática. De acordo com proposta defendida por Eckert (2012), os estudos sociolinguísticos podem ser distinguidos em três ondas de análise que refletem modos distintos de abordagem à variação linguística. Sugerimos estratégias para padronizar os procedimentos de organização de bancos de dados sociolinguísticos que levem em conta as três diferentes ondas da pesquisa sociolinguística, e destacamos a terceira onda, ainda incipiente no Brasil. A padronização dos bancos de dados sociolinguísticos facilitaria a realização de investigações contrastivas de diferentes dialetos brasileiros, contribuindo, dessa forma, para o estabelecimento e refinamento de generalizações e princípios de variação e mudança universais.

    Abstract in English:

    Spoken linguistic databases - especially those designed for research with a Variationist Sociolinguistics approach - has been a privileged source for the description of Brazilian Portuguese. In this paper, we discuss methodological procedures that should be adopted in the development of new databases. We trace a short retrospect on already established databases and propose the collection and expansion of corpora from different speech communities - and from different communities of practice. Eckert (2012) describes the three analytical practices most commonly embraced by sociolinguistics studies. Each one of these "three waves" (in Eckert´s terms) reflects distinct ways of approaching linguistic variation. We suggest strategies to standardize procedures in the development of databases taking into account the three waves of sociolinguistic inquiry, and we shed additional light on the third wave, still incipient in Brazil. The standardization of sociolinguistics databases would make contrastive investigations of different Brazilian dialects easier, contributing, in this way, to the proposition and refinement of generalizations and universal principles of variation and change.
  • Vogais na amazônia paraense

    Cruz, Regina

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo trata essencialmente de uma apresentação das ações do projeto institucional Norte Vogais vinculado ao Diretório Nacional PROBRAVO. O artigo fornece uma ideia precisa de como a equipe da UFPA vinculada ao PROBRAVO está conduzindo suas investigações sobre a variedade do português falada no Pará. O projeto Norte Vogais conta com amostras de fala de trezentos e dezoito informantes nativos do Pará no seu banco de dados. As descrições sociolinguísticas empreendidas pela equipe da UFPA priorizaram a investigação de três aspectos fonéticos em particular: a) a variação das vogais médias pretônicas; b) a variação das vogais médias postônicas mediais e; c) a nasalidade alofônica. Os resultados obtidos reforçam a hipótese de Silva Neto (1957) de que o Pará compreenderia uma ilha dialetal na classificação de Antenor Nascente entre os dialetos do Norte do Brasil. Com o objetivo de refinar as descrições sociolingüísticas, duas novas ações se impuseram: a) o mapeamento da situação sociolinguística das áreas de contato interdialetal no Pará e; b) a análise acústica do sistema vocálico do português falado na Amazônia Paraense.

    Abstract in English:

    This work deals with a presentation of Norte Vogais project's actions linked to the PROBRAVO team. This paper gives a clear idea of how the UFPA team has been conducting its research about Brazilian Portuguese spoken in Amazon. The Norte Vogais project database has samples of 318 native speakers from Pará. The sociolinguistic descriptions prioritized the research of three phonetic aspects: a) unstressed mid vowels variation in pretonic position; b) unstressed mid vowels variation in post-tonic position and; c) allophonic nasalization. The results reinforce Silva Neto's hypothesis (1957) that Pará is a dialectal island in Antenor Nascente's classification in relation to North dialects. In order to precise the sociolinguistic descriptions, two new actions were necessary: a) sociolinguistic situation map of inter dialectal contact areas in Pará and; b) acoustic analysis of the vowel system of Brazilian Portuguese spoken in the Amazon region of Pará.
  • O paulistano no mapa sociolinguístico brasileiro

    Mendes, Ronald Beline; Oushiro, Livia

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo traz notícia acerca dos trabalhos que vêm sendo desenvolvidos pelo Grupo de Estudos e Pesquisa em Sociolinguística da USP (GESOL-USP). Com o intuito de tornar a cidade de São Paulo e o paulistano mais presentes no mapa da sociolinguística brasileira, esses trabalhos organizam-se, sobretudo, em torno da construção de uma nova amostra da fala paulistana, que permita responder às seguintes perguntas centrais: "o que significa falar como paulistano?" e "quais são as variáveis e variantes linguísticas que o identificam?". Essa nova amostra (SP2010) será disponibilizada (áudio e transcrições) para acesso público e para fins de pesquisa em página própria na Internet. Além de discutir os critérios que definem a construção de tal amostra, bem como os desafios nela envolvidos, esse artigo também faz um panorama dos trabalhos que se têm desenvolvido a partir dos dados que foram coletados durante a fase de preparação e de treinamento de jovens pesquisadores que nela trabalhariam (Amostra SP-Piloto). Finalmente, também delineia caminhos para trabalhos futuros dentro da agenda de pesquisa do grupo.

    Abstract in English:

    This paper reports on the activities developed by the Study and Research Group on Sociolinguistics at the University of São Paulo. Aiming at positioning the city of São Paulo and its inhabitants, the Paulistanos (born and raised in this city), in the map of Brazilian Sociolinguistics, the group's works revolve mainly around the ongoing construction of a representative sample of Paulistano speech, which main goal is to answer the questions: "what does it mean to sound like a Paulistano?" and "which variables and variants characterize the Paulistano speech?". This new sample (SP2010) is to be made available (audio and transcriptions) on the Internet to the linguists' community. In addition to discussing the criteria that define such sample, this paper also addresses the challenges involved in its constitution. Moreover, it offers an overview of the researches that have been developed by utilizing the data (SP-Pilot) that was gathered in the preparation and training of the young sociolinguists that would work in the group. Finally, this paper also outlines paths for future work.
  • A fala do interior paulista no cenário da sociolinguística brasileira: panorama da concordância verbal e da alternância pronominal

    Rubio, Cássio Florêncio; Gonçalves, Sebastião Carlos Leite

    Abstract in Portuguese:

    Como parte das pesquisas sociolinguísticas desenvolvidas no interior do projeto ALIP (Amostra Linguística do Interior), privilegiamos, neste artigo, a apresentação de resultados gerais decorrentes da investigação de três fenômenos variáveis na fala do interior paulista: (i) a concordância verbal de primeira pessoa do plural; (ii) a concordância verbal de terceira pessoa do plural; (iii) a alternância pronominal entre as formas de codificação da primeira pessoa do discurso do plural nós e a gente. Assumindo os preceitos teórico-metodológicos da Sociolinguística laboviana, mostramos, por meio de comparações interdialetais, como tais fenômenos variáveis se inserem no cenário mais amplo da pesquisa sociolinguística sobre o português brasileiro. Os resultados permitem constatar aproximações e distanciamentos entre a fala do interior paulista e de outras variedades do português brasileiro, o que põe à mostra a importância da descrição de mais essa variedade, ainda pouco conhecida no cenário sociolinguístico brasileiro.

    Abstract in English:

    As part of sociolinguistic researches developed by ALIP (speech samples from the countryside region of São Paulo) Project, in this paper we present general results for three variable phenomena of speech from countryside region of São Paulo State: (i) verbal agreement of first person plural; (ii) verbal agreement of third person plural; (iii) pronominal alternation between the forms of first person plural of discourse "nós" (we) and "a gente". Based on principles of Labovian Sociolinguistics, whereby interdialectal comparison, we show how these variable phenomena are inserted in the Brazilian Sociolinguistics panorama. The results allow us to find similarities and differences among the speech from countryside region of São Paulo State and other varieties from Brazilian Portuguese, highlighting the relevance of the description of this variety still little known in the Brazilian Sociolinguistics panorama.
  • Concordância nominal e verbal: contribuições para o debate sobre o estatuto da variação em três variedades urbanas do português

    Brandão, Silvia Figueiredo; Vieira, Silvia Rodrigues

    Abstract in Portuguese:

    Focalizam-se a concordância nominal de número e a concordância verbal de terceira pessoa do plural em variedades urbanas do Português Europeu, do Português do Brasil e do Português de São Tomé, com base na fala de indivíduos de níveis fundamental, médio e superior de instrução, distribuídos, ainda, por três faixas etárias e sexo. Com o objetivo de descrever as referidas variedades, o trabalho avalia as motivações de natureza estrutural e social segundo os pressupostos da Teoria da Variação e Mudança (WEINREICH; LABOV; HERZOG, 1968). Os resultados das diferentes análises, desenvolvidas no âmbito do Projeto Estudo comparado dos padrões de concordância em variedades africanas, brasileiras e europeias do Português, sugerem que, embora as três variedades manifestem tendência à adoção da regra de concordância tanto no Sintagma Nominal quanto no Sintagma Verbal, a concordância apresenta estatuto diferenciado. No Português Europeu, os dados revelam um comportamento que não pode ser considerado efetivamente variável - trata-se, nos termos de Labov (2003), de uma regra categórica no âmbito da concordância nominal e semicategórica no âmbito da verbal; no Português do Brasil e no Português de São Tomé, ambas as regras são variáveis.

    Abstract in English:

    We focus on nominal agreement and on verbal agreement in the third person plural in urban varieties of European Portuguese, Brazilian Portuguese and Portuguese of Sao Tome, based on the speech of individuals with primary, secondary and university education level, distributed, yet, in three age groups and sex. In order to describe these varieties, structural and social motivations have been evaluated in the light of the assumptions of the Theory of Variation and Change (WEINREICH; LABOV; HERZOG, 1968). Results from different analyzes, developed under the Project Comparative Study of Patterns of Agreement in African, Brazilian and European varieties of Portuguese, suggest that, although the three varieties tend to adopt plural marks in both the Noun Phrase and the Verbal Phrase, agreement presents distinct status in each case. In European Portuguese, linguistic data cannot be described as effectively variable - it is, according to Labov (2003), a categorical rule within the nominal agreement and semi-categorical rule within the verbal one. In BrazilianPortuguese and in Portuguese of Sao Tome, both rules are variable.
  • Motivações em competição na variação sociolinguística: o plural dos predicativos na variedade de São José de Rio Preto

    Camacho, Roberto Gomes; Salomão, Mircia Hermenegildo

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste trabalho é o de submeter a um tratamento variacionista, de base quantitativa, dados de marcação variável de plural no SN e no SA em contexto de predicativo, obtidos em córpus coletado na região de São José do Rio Preto. O trabalho procura examinar se a marcação de pluralidade nos predicativos pode ser explicada com base em motivações exclusivamente formais, ou exclusivamente funcionais, ou ainda, com base na interação entre ambas, que consistiriam, assim, em motivações em competição. Os resultados indicam que nem as motivações funcionais, nem as motivações formais regem solitariamente o fenômeno, que aparece fortemente condicionado por uma restrição externa específica, o grau de escolaridade. Por essa razão, a explicação mais plausível para a marcação de pluralidade nos predicativos é a de que há motivações em competição, nos termos de Du Bois (1985), e é a marcação de pluralidade o "bem limitado", pelo qual forças múltiplas, as motivações formais ou internas e funcionais ou externas, competem entre si.

    Abstract in English:

    The main purpose of this paper is to subject to a sociolinguistic quantitative-based treatment some data of variable plural marking in predicate NPs and APs extracted from a sample of spoken language collected in the region of São José do Rio Preto. A more specific aim is to examine whether the best explanation for variable marking of plural can be based on either exclusively formal or exclusively functional constraints, or perhaps based on the interaction between both of them, which would consist in truly competing motivations (DU BOIS, 1985). The results show that neither functional nor formal motivations alone rule the phenomenon, which happens to be strongly constrained by a specific external factor: education level. That is why the most likely explanation for plural marking in predicates is that there are competing motivations, which is a term used by Du Bois (1985), and plural markings are the "limited means", for which multiple forces, the formal or internal and the functional or external motivations, compete among themselves.
  • Da fala para a leitura: análise variacionista

    Hora, Dermeval da; Aquino, Maria de Fátima S.

    Abstract in Portuguese:

    Os estudos variacionistas no Brasil têm focalizado, em sua maioria, os níveis linguísticos fonológico e sintático. Os vários projetos que se pautam em dados coletados em diferentes comunidades (VARSUL, PEUL etc.) procuram abordar seus resultados, utilizando todo o aparato teórico-metodológico que a Sociolinguística Variacionista tem colocado à disposição. Com base em resultados obtidos ao longo da implementação do Projeto Variação Linguística no Estado da Paraíba - VALPB (HORA, 1993), que tem seu corpus estratificado segundo o sexo, a faixa etária e os anos de escolarização, e buscando lançar um olhar para um novo conjunto de dados, dessa vez voltados para a leitura, este artigo contempla a variação linguística na leitura oral de alunos da primeira fase do ensino fundamental, tendo como processos de análise: ditongação, monotongação e apagamento do "d" no grupo -ndo. Os dados analisados apontam uma forte influência da variante dialetal do aluno na leitura oral. É essa relação entre o que o aluno fala e o que o aluno lê que motiva a busca por propostas de análise que vão além daquilo que a escola preconiza.

    Abstract in English:

    Variation studies in Brazil have focused mostly on the phonological and syntactic linguistic levels. The various projects which are based on data collected in different communities (VARSUL, PEUL, IBORUNA, VALPB etc.) seek to address their findings by using all the theoretical apparatus that Variation Sociolinguistics has made available. Based on the results of the implementation of Projeto Variação Linguística no Estado da Paraíba (Linguistic Variation in the State of Paraiba Project) - VALPB (HORA, 1993), which corpus is stratified by gender, age and education level, and attempting to cast an eye on a new corpus, this paper considers the linguistic variation in oral reading done by students of the first phase of elementary school. The analyzed data indicate a strong influence of the dialectal variant of the student in oral reading. Of the various processes involved in the original project, three were selected, namely: monophthongization, diphthongization and the deletion of 'd' in the group -ndo. This relation between what the student speaks and what he/she reads motivates the search for analysis proposals that go beyond what the school recommends.
  • Palatalização das plosivas alveolares em Flores da Cunha (RS): variação linguìstica e práticas sociais

    Battisti, Elisa; Dornelles Filho, Adalberto Ayjara

    Abstract in Portuguese:

    A palatalização variável das plosivas alveolares no português brasileiro falado em Flores da Cunha é moderada, o que contribui para caracterizar o falar local. A análise de regra variável (LABOV, 1972, 1994, 2001) de dados de 48 entrevistas sociolinguísticas de Flores da Cunha do BDSer revela uma proporção total de aplicação de 29%. Os condicionamentos são tanto linguísticos quanto sociais e a palatalização progride na comunidade: jovens, vogal alta fonológica, habitantes de zona urbana e consoante-alvo desvozeada favorecem a palatalização. Na análise da variação como prática social (ECKERT, 2000), o estudo da rede social dos informantes mostra que a alta densidade da rede, nucleada por informantes de grupos etários mais velhos, refreia a palatalização. O estudo etnográfico revela que os habitantes de Flores da Cunha, em especial os jovens, realizam práticas sociais inovadoras ao lado de práticas tradicionais, introduzindo a palatalização na comunidade. O emprego das formas palatalizadas é valorado como não local e é relativamente prestigiado.

    Abstract in English:

    The variable palatalization of dental stops in Brazilian Portuguese in the speech community of Flores da Cunha is moderate and contributes to the characterization of the local speech. The variable rule analysis (LABOV, 1972, 1994, 2001, 2010) of data collected from 48 sociolinguistic interviews of the corpus BDSer reveals that the total rate of rule application is 29%. The palatalization is conditioned by both linguistic and social variables and the process progresses in the community: underived high front vowel, voiceless target consonant, young people, inhabitants of the urban area condition palatalization. In the analysis of variation as social practice (ECKERT, 2000), the informants network analysis shows that its high density and the centrality of old subjects refrain palatalization. The ethnographic study reveals that people in Flores da Cunha, especially the young ones, engage in both innovative and traditional social practices and introduce palatalization in the speech community. The palatalization is valued as a non-local practice and a relatively prestigious one.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho Rua Quirino de Andrade, 215, 01049-010 São Paulo - SP, Tel. (55 11) 5627-0233 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: alfa@unesp.br