IMIGRAÇÃO INTERNACIONAL E CONTRATOS DE TRABALHO NO IMPÉRIO DO BRASIL: COLONOS EUROPEUS NA CONSTRUÇÃO DE ESTRADAS NA DÉCADA DE 1830

INTERNATIONAL IMMIGRATION AND LABOR CONTRACTS IN THE BRAZILIAN EMPIRE: EUROPEAN SETTLERS IN THE CONSTRUCTION OF ROADS IN THE 1830s

Télio Anísio Cravo Pedro Conterno Rodrigues Marcelo Magalhães Godoy Sobre os autores

Resumo

Este artigo analisa as formas jurídicas de controle de trabalhadores livres no Brasil durante a década de 1830. Esta pesquisa explora o modo de contratação de imigrantes internacionais destinados para construir uma estrada em Minas Gerais em direção à capital do Império. Os arranjos de trabalho foram estabelecidos com intermediação direta de empresa privada de colonização, especializada no recrutamento e imigração de trabalhadores estrangeiros. Com apoio financeiro e político do governo, oito colonos artífices foram engajados no serviço de obras públicas, tendo como base os instrumentos coercitivos previstos na Lei de Locação de Serviços de 1837. O artigo enfatiza os interesses e conflitos envoltos na experiência de imigrantes livres na conjuntura de incerteza de continuidade do tráfico negreiro nos anos de 1830.

Palavras-chave:
Trabalho sob contrato; século XIX; escravidão; imigração; colonos europeus

Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP Estrada do Caminho Velho, 333 - Jardim Nova Cidade , CEP. 07252-312 - Guarulhos - SP - Brazil
E-mail: revista.almanack@gmail.com