Pesquisa de fatores de virulência em Pseudomonas aeruginosa isoladas de águas minerais naturais

Assessment of virulence factors of Pseudomonas aeruginosa isolated from natural mineral water

Aline Pereira Pedrosa Marcelo Luiz Lima Brandão Valéria de Mello Medeiros Carla de Oliveira Rosas Silvia Maria Lopes Bricio Antônio Eugênio Castro Cardoso Almeida Sobre os autores

O objetivo deste estudo foi avaliar a formação de biofilme e o perfil de susceptibilidade a antimicrobianos de Pseudomonas aeruginosa isoladas na avaliação da qualidade microbiológica de 80 amostras de águas minerais naturais comercializadas em garrafões de 20 L. Foi realizada a quantificação de P. aeruginosa e enterococos; a pesquisa de coliformes totais, coliformes termotolerantes e de clostrídios sulfito redutores (CSR). A produção de biofilme de P. aeruginosa foi avaliada em caldo infusão cérebro-coração (BHI) e em água mineral natural estéril nas temperaturas de 25 e 35ºC por 24 e 48 h. A avaliação da susceptibilidade a antimicrobianos foi realizada pelo teste de difusão em ágar (Kirby-Bauer). De 80 amostras analisadas, 40 (50%) apresentaram qualidade microbiológica insatisfatória segundo a RDC nº275/05. Trinta e oito (47,5%) amostras apresentaram P. aeruginosa, nove (11,2%) coliformes totais, quatro (5,0%) CSR e uma (1,2%) coliformes termotolerantes. Nenhuma amostra apresentou contaminação por enterococos. Dezesseis cepas (51,6%) de P. aeruginosa foram classificadas como não aderentes ou fracamente aderentes, tanto no BHI quanto na água mineral. Contudo, cinco cepas (16,1%) apresentaram-se fortemente aderentes nas duas matrizes, principalmente no caldo BHI e na temperatura de 25ºC. Cepas resistentes ou com resistência intermediária a antibióticos da classe dos aminoglicosídeos e/ou β-lactâmicos foram isoladas neste estudo. Concluiu-se que os isolados de P. aeruginosa foram capazes de produzir biofilme nas matrizes estudadas e apresentaram resistência a antimicrobianos. Metade das amostras apresentou qualidade microbiológica insatisfatória, principalmente devido à contaminação por P. aeruginosa (47,5%).

clostrídios sulfito redutores; coliformes; águas engarrafadas; biofilme; antimicrobianos


Instituto de Pesquisas Ambientais em Bacias Hidrográficas Instituto de Pesquisas Ambientais em Bacias Hidrográficas (IPABHi), Estrada Mun. Dr. José Luis Cembranelli, 5000, Taubaté, SP, Brasil, CEP 12081-010 - Taubaté - SP - Brazil
E-mail: ambi.agua@gmail.com