Uniformes da Guarda Nacional (1831-1852): a indumentária na organização e funcionamento de uma associação armada

Uniforms of the National Guard; 1831-1852: the clothes in the organization and functionality of a military force

Resumos

O objetivo desta pesquisa sobre uniformes da Guarda Nacional foi examinar a utilização de indumentária na organização e funcionamento de uma associação armada. Um passo inicial para estudarmos o vestuário como um vetor material da produção e reprodução social. Não se trata, portanto, do estudo de um artefato, mas de suas funções, pragmáticas, diacríticas e simbólicas, meios para análise de problemas mais amplos relativos à organização, desenvolvimento e mudança de sociedades.

Uniformes Militares; Vestuário; Guarda Nacional; Cultura Material


The aim of this research about the National Guard uniforms was to examine the use of this apparel in the organization and functioning of a military force. An initial step in order to study the apparel as a material vector of the social production and reproduction. It is not, therefore, from the study of an artefact, but from its functions, pragmatic, diacritical and symbolic, means to analyse bigger problems regarding organization, development and change in the societies.

Military Uniforms; Apparel; National Guard; Material Culture


ESTUDOS DE CULTURA MATERIAL

Uniformes da Guarda Nacional (1831-1852): a indumentária na organização e funcionamento de uma associação armada* * Este artigo é versão reduzida de minha dissertação de mestrado de mesmo título, desenvolvida sob a orientação do Prof. Dr. Ulpiano Toledo Bezerra de Meneses e defendida em 8/3/1999, na Área de História Social da FFLCH/USP.

Uniforms of the National Guard; 1831-1852. The clothes in the organization and functionality of a military force

Adilson José de Almeida

Museu Paulista da USP

RESUMO

O objetivo desta pesquisa sobre uniformes da Guarda Nacional foi examinar a utilização de indumentária na organização e funcionamento de uma associação armada. Um passo inicial para estudarmos o vestuário como um vetor material da produção e reprodução social. Não se trata, portanto, do estudo de um artefato, mas de suas funções, pragmáticas, diacríticas e simbólicas, meios para análise de problemas mais amplos relativos à organização, desenvolvimento e mudança de sociedades.

Palavras-chave: Uniformes Militares. Vestuário. Guarda Nacional. Cultura Material.

ABSTRACT

The aim of this research about the National Guard uniforms was to examine the use of this apparel in the organization and functioning of a military force. An initial step in order to study the apparel as a material vector of the social production and reproduction. It is not, therefore, from the study of an artefact, but from its functions, pragmatic, diacritical and symbolic, means to analyse bigger problems regarding organization, development and change in the societies.

Keywords: Military Uniforms. Apparel. National Guard. Material Culture.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

Artigo apresentado em 8/2003. Aprovado em 9/2003.

Agradeço mais uma vez o apoio dado pelo Museu Paulista para a realização da pesquisa.

  • BARROSO, Gustavo Dodt. História militar do Brasil São Paulo: Cia Editora Nacional, 1935. 341p.
  • BARROSO, Gustavo Dodt; RODRIGUES, José Wasth. Uniformes do Exército Brasileiro Rio de Janeiro, 1922. [v. 1] 223 estampas, [v. 2] 110 p.
  • BOSI, Alfredo. História concisa da literatura brasileira 33. ed. São Paulo: Cultrix, 1994. 528 p.
  • BOUDON, Raymond; BOURRICAUD, François. Dicionário crítico de sociologia Tradução Maria L G Alcoforado. São Paulo: Ática, 1993. 653 p.
  • BRUHN, Wolfgang; TILKE, Max. Historia del traje en imágenes: Enciclopedia del vestido de todos los tiempos y pueblos, que compreende el traje popular en Europa y fuera de ella. Barcelona: Gustavo Gili, 1962. 94 p., 200 p. il.
  • CÂNDIDO, Antonio. Formação da literatura brasileira (momentos decisivos) 7. ed. Belo Horizonte: Itatiaia, 1993. [1959], 2 v.
  • CASTRO, Jeanne Berrance. A milícia cidadã: A Guarda Nacional de 1831 a 1850. 2. ed. São Paulo: Ed. Nacional, 1979. 260 p.
  • DESLANDRES, Yvonne. El uniforme militar In: EL TRAJE: imagen del hombre. Barcelona: Tusquets Editores, 1985. p. 232-241.
  • FAORO, Raymundo. Os donos do poder; formação do patronato político brasileiro 5. ed. Porto Alegre: Globo, 1979. v. 1, 397 p.
  • GRBASIC, Z.; VUKSIC, V. History of cavalry New York: Facts on File, 1989. 280 p.
  • MARTINS PENA, Luiz Carlos; SANTOS, Darci Damasceno dos. Teatro de Martins Pena: I, comédias.Rio de Janeiro: Instituto Nacional do Livro, 1956. 628 p.
  • MENESES, Ulpiano Toledo Bezerra de. Fontes materiais na pesquisa histórica Disciplina de pósgraduação em História Social ministrada no Departamento de História da FFLCH/USP, 1ş semestre de 1994.
  • MOISÉS, Massaud. História da literatura brasileira 3. ed. São Paulo: Cultrix, 1989. 2 v.
  • MORAES SILVA, Antonio de. Diccionario da lingua portugueza 7. ed. Lisboa: Typographia de Joaquim Germano de Souza Neves, 1877. v. I e II.
  • RACINET, Albert. The historical encyclopedia of costumes New York: Facts on File, 1992. 320 p.
  • ROCHE, Daniel. La discipline des apparences: le prestige de l'uniforme. In: LA CULTURE des apparences: une histoire du vêtement (XVIIe-XVIIIe sičcles). Paris: Fayard, 1989. p. 211-244.
  • URICOECHEA, Fernando. O minotauro imperial; a burocratização do Estado patrimonial brasileiro no século XIX Rio de Janeiro: Difel, 1978. 322 p.

  • *
    Este artigo é versão reduzida de minha dissertação de mestrado de mesmo título, desenvolvida sob a orientação do Prof. Dr. Ulpiano Toledo Bezerra de Meneses e defendida em 8/3/1999, na Área de História Social da FFLCH/USP.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    24 Ago 2009
  • Data do Fascículo
    2001

Histórico

  • Aceito
    Set 2003
  • Recebido
    Ago 2003
Museu Paulista, Universidade de São Paulo Rua Brigadeiro Jordão, 149 - Ipiranga, CEP 04210-000, São Paulo - SP/Brasil, Tel.: (55 11) 2065-6641 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: anaismp@usp.br