Accessibility / Report Error

Mortalidade em crianças com epilepsia severa: 10 anos de seguimento

Epilepsia é uma das condições neurológicas mais comuns em crianças e adolescentes. Infelizmente, pacientes com epilepsias refratárias ao tratamento medicamentoso estão mais susceptíveis a complicações clínicas e óbito. Neste trabalho reportamos, em uma análise prospectiva, um cohort de crianças acompanhadas por aproximadamente dez anos. Cinquenta e três de 1012 pacientes foram a óbito. Quarenta e dois pacientes morreram em decorrência da epilepsia ou de suas complicações clínicas; as principais causas foram pneumonia (16 casos), sepse (9 casos) e estado de mal epiléptico (8 casos). Em 11 pacientes a causa da morte foi SUDEP. A presença de retardo mental foi significantemente associada a mortalidade em crianças e adolescentes com epilepsia.

epilepsia; mortalidade; morte súbita; crianças


Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO R. Vergueiro, 1353 sl.1404 - Ed. Top Towers Offices Torre Norte, 04101-000 São Paulo SP Brazil, Tel.: +55 11 5084-9463 | +55 11 5083-3876 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revista.arquivos@abneuro.org