Análise da qualidade de vida dos pacientes do grupo de quadril adulto operados com enxerto ósseo

Analysis of the quality of life of patients of the adult hip group operated with bone graft

O Banco de Tecidos do IOT-HCFMUSP tem o objetivo de captar e processar tecido ósseo, cartilagem e ligamentos, com a finalidade de beneficiar o maior número possível de pacientes. Constituído por médicos, enfermeiros e assistente social, o programa visa ainda propiciar aos receptores a reabilitação física e social com a perspectiva de lhes oferecer uma melhor qualidade de vida. Realizou-se um estudo objetivando conhecer os benefícios e mudanças ocorridas com o tratamento cirúrgico e analisar se a expectativa bem como a melhoria na qualidade de vida dos pacientes foram atingidas. Os dados apontam que 37,5% da população pertence à classe C, 37,5% classe D e 25% classe E. O suporte familiar foi satisfatório para 81,25% da população, sendo que 37,5% apresentaram rendimento mensal regular ou insatisfatório para o tratamento. Das dificuldades apresentadas anterior à cirurgia 93,75% dos pacientes apresentaram dor, o que causava limitações físicas e dificuldades de locomoção nas Atividades da Vida Diária. 100% dos pacientes consideraram que a cirurgia trouxe benefícios para sua qualidade de vida e destes 56,25% aboliram os equipamentos ortopédicos que faziam uso, relatando ausência de dor. Concluímos que o tratamento proporcionado pela equipe tem trazido benefícios e resultados significativos para a melhoria da qualidade de vida dos pacientes.

Transplante ósseo; Qualidade de vida


ATHA EDITORA Rua: Machado Bittencourt, 190, 4º andar - Vila Mariana - São Paulo Capital - CEP 04044-000, Telefone: 55-11-5087-9502 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: actaortopedicabrasileira@uol.com.br