Accessibility / Report Error

Percepções e expectativas dos enfermeiros sobre sua atuação profissional

OBJETIVO: Conhecer como os enfermeiros percebem sua atuação profissional e quais suas expectativas sobre o desenvolvimento das gestões do cuidado integral. MÉTODOS: Pesquisa qualitativa com abordagem da fenomenologia social de Alfred Schütz. Os sujeitos foram nove enfermeiras que trabalhavam em hospitais públicos e privados de Montevideo, Uruguai. RESULTADOS: Os enfermeiros vivenciam a distância entre a teoria e a prática, a sobrecarga administrativa, a insegurança para assumir a gestão de cuidado e a busca de conhecimento formal e informal; mostram desejos de definições específicas, autonomia e identidade profissional, valorização da profissão. CONCLUSÃO: Os enfermeiros percebem a sua atuação profissional como distante entre a teoria e a prática, sobrecarga administrativa, insegurança para assumir a gestão do atendimento e a busca do conhecimento formal e informal, com expectativas e desejos de recuperação e de definições de funções específicas, autonomia e identidade profissional.

Cuidados de enfermagem; Gestão em saúde; Pesquisa qualitativa; Legislação de enfermagem; Carga de trabalho


Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo R. Napoleão de Barros, 754, 04024-002 São Paulo - SP/Brasil, Tel./Fax: (55 11) 5576 4430 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: actapaulista@unifesp.br