É proibido não participar. Artistas sul-americanos na Europa e a difusão do cinetismo (1950-1960)

It is forbidden not to participate. South American Artists in Europe and the diffusion of kinetic art (1950/60)

Maria de Fátima Morethy Couto Sobre o autor

RESUMO

Este artigo tem por objetivo discutir, no cenário londrino e parisiense dos anos 1960, a recepção do trabalho de quatro artistas sul-americanos (Sérgio Camargo, Lygia Clark, Jesús Rafael Soto e Julio Le Parc), que residiram na Europa no período, e cuja obra, então relacionada ao cinetismo, era exposta e comentada nos mesmos espaços. Para tanto, discorrerei sobre a atuação de determinados agentes culturais que serviram de interlocutores desses artistas em um meio plural e cosmopolita. Abordarei também como se deu a circulação e o impacto de seus trabalhos a partir da análise de publicações de época, em especial de revistas especializadas. O artigo se relaciona à pesquisa desenvolvida, no ano de 2015, em estágio de pós-doutorado, na University of the Arts, Londres, com bolsa FAPESP, e como pesquisadora convidada do Institut National de l'Histoire de l'Art (INHA, Paris).

palavras-chave:
arte cinética; participação do espectador; circuito de arte europeu

Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo Depto. De Artes Plásticas / ARS, Av. Prof. Lúcio Martins Rodrigues, 443, 05508-900 - São Paulo - SP, Tel. (11) 3091-4430 / Fax. (11) 3091-4323 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: ars@usp.br