Desempenho do modelo de simulação de secagem de Michigan com o novo conceito de taxa de secagem

Nova formulação do modelo de secagem de Michigan é apresentada, com base na equação de secagem em camadas finas proposta por Page. Esta equação foi derivada e a nova taxa de secagem foi usada para definir a umidade absoluta do ar, assim como para completar a definição da variação da temperatura do produto. O uso dessa nova definição de taxa de secagem resultou em um sistema de equações sem nenhuma derivada nas definições das variáveis, o que resultou em menos equações derivadas aproximadas numericamente. Esse novo modelo de Michigan leva a resultados precisos, com grande flexibilidade em incrementos de tempo e de espaço quando resolvido por métodos numéricos, levando a soluções em menos tempo, pelo menor número de equações derivadas que precisaram ser aproximadas.

formulação coerente do modelo; resultados coerentes; resultados precisos


Editora da Universidade Estadual de Maringá - EDUEM Av. Colombo, 5790, bloco 40, 87020-900 - Maringá PR/ Brasil, Tel.: (55 44) 3011-4253, Fax: (55 44) 3011-1392 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: actaagron@uem.br