Produtividade e teores foliares de nutrientes do feijoeiro sob diferentes palhadas e doses de nitrogênio em semeadura direta

Bean yield and nutrient contents under no-tillage with different nitrogen fertilization levels and cover crop residues

Resumos

O objetivo foi avaliar a interação entre palhadas e doses de nitrogênio, na nutrição e rendimento de grãos do feijoeiro, sob plantio direto. O delineamento foi de blocos casualizados, com quatro repetições, em esquema de parcelas subdivididas. As palhadas influenciaram o teor de Fe e as doses de N os teores de N, Ca, Mg e Mn. Houve interação entre palhadas e doses para os teores de P, K e S. O maior teor foliar de Fe ocorreu sob palhada de guandu-anão e de N na dose de 62 kg ha-1 do nutriente. Para os teores de Ca, Mg e Mn, houve respostas lineares, sendo negativa para o Ca e positivas para os dois últimos. Para o P, houve pequena redução, com posterior acréscimo nas palhadas de milheto e milheto+feijão-de-porco. Os teores de K aumentaram até próximo de 50 kg ha-1 de N, com posterior redução sob as palhadas de milheto consorciado com as leguminosas. Nas palhadas de milheto e guandu-anão, houve redução a partir de pequenas doses de N. Os teores de S aumentaram de forma quadrática nas palhadas com milheto. O maior rendimento foi obtido sob milheto+feijão-de-porco na maior dose de N.

no-till; cover plants; green manure; nitrogen fertilization; Pennisetum typhoides; Canavalia ensiformes; Cajanus cajan


The object was to evaluate the dry bean nutrient contents and grain yield in no-till. The study was carried out in a randomized block design, and four replications, with a split-plot arrangement. The dry bean macro and micronutrients contents and grain yield were determined. The straws significantly influenced Fe content, while nitrogen fertilization levels influenced N, Ca, Mg and Mn contents. There were significant interactions between straws and the rate of N for P, K and S contents. The greatest dry bean Fe foliar content was observed under dwarfguandu straw. N contents increased until the rate of 62 kg ha-1 N, and experienced reduction after that level. The N rates provided linear effects in Ca, Mg and Mn contents, being negative for Ca and positive for the others. P contents had little reduction with increases in millet and millet+jack-bean straws. K contents increased until rates near 50 kg ha-1, with reduction after that level under all the straws with millet presence. Under millet and dwarf-guandu straws, the reduction occurred starting at small N rates. S contents increased quadratically, only under straws where millet was present. The best grain yield was obtained under millet+jack bean in the largest N rate.

no-till; cover plants; green manure; nitrogen fertilization; Pennisetum typhoides; Canavalia ensiformes; Cajanus cajan


PRODUÇÃO VEGETAL

Produtividade e teores foliares de nutrientes do feijoeiro sob diferentes palhadas e doses de nitrogênio em semeadura direta

Bean yield and nutrient contents under no-tillage with different nitrogen fertilization levels and cover crop residues

Cícero Monti TeixeiraI,* * Autor para correspondência. E-mail: cicero.monti@ufla.br ; Gabriel José de CarvalhoI; Antônio Eduardo Furtini NetoII; Messias José Bastos de AndradeI; Anastacia FontanettiIII

IDepartamento de Agricultura, Universidade Federal de Lavras, Cx. Postal 37, 37200-000, Lavras, Minas Gerais, Brasil

IIDepartamento de Ciência do Solo, Universidade Federal de Lavras, Lavras, Minas Gerais, Brasil

IIIDepartamento de Fitotecnia, Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, Minas Gerais, Brasil

RESUMO

O objetivo foi avaliar a interação entre palhadas e doses de nitrogênio, na nutrição e rendimento de grãos do feijoeiro, sob plantio direto. O delineamento foi de blocos casualizados, com quatro repetições, em esquema de parcelas subdivididas. As palhadas influenciaram o teor de Fe e as doses de N os teores de N, Ca, Mg e Mn. Houve interação entre palhadas e doses para os teores de P, K e S. O maior teor foliar de Fe ocorreu sob palhada de guandu-anão e de N na dose de 62 kg ha-1 do nutriente. Para os teores de Ca, Mg e Mn, houve respostas lineares, sendo negativa para o Ca e positivas para os dois últimos. Para o P, houve pequena redução, com posterior acréscimo nas palhadas de milheto e milheto+feijão-de-porco. Os teores de K aumentaram até próximo de 50 kg ha-1 de N, com posterior redução sob as palhadas de milheto consorciado com as leguminosas. Nas palhadas de milheto e guandu-anão, houve redução a partir de pequenas doses de N. Os teores de S aumentaram de forma quadrática nas palhadas com milheto. O maior rendimento foi obtido sob milheto+feijão-de-porco na maior dose de N.

Palavras-chave: plantio direto, plantas de cobertura, adubação verde, adubação nitrogenada, Pennisetum typhoides, Canavalia ensiformes, Cajanus cajan.

ABSTRACT

The object was to evaluate the dry bean nutrient contents and grain yield in no-till. The study was carried out in a randomized block design, and four replications, with a split-plot arrangement. The dry bean macro and micronutrients contents and grain yield were determined. The straws significantly influenced Fe content, while nitrogen fertilization levels influenced N, Ca, Mg and Mn contents. There were significant interactions between straws and the rate of N for P, K and S contents. The greatest dry bean Fe foliar content was observed under dwarfguandu straw. N contents increased until the rate of 62 kg ha-1 N, and experienced reduction after that level. The N rates provided linear effects in Ca, Mg and Mn contents, being negative for Ca and positive for the others. P contents had little reduction with increases in millet and millet+jack-bean straws. K contents increased until rates near 50 kg ha-1, with reduction after that level under all the straws with millet presence. Under millet and dwarf-guandu straws, the reduction occurred starting at small N rates. S contents increased quadratically, only under straws where millet was present. The best grain yield was obtained under millet+jack bean in the largest N rate.

Key words: no-till, cover plants, green manure, nitrogen fertilization, Pennisetum typhoides, Canavalia ensiformes, Cajanus cajan.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

Received on June 26, 2006.

Accepted on July 12, 2007.

  • ABEAS-Associação Brasileira de Educação Agrícola Superior. Secagem de sementes Brasília: Abeas, 1987.
  • ALVAREZ VENEGAS, V.H. et al Interpretação dos resultados das análises de solos. In: RIBEIRO, A.C. et al (Ed.). Recomendações para o uso de corretivos e fertilizantes em Minas Gerais: 5Ş aproximação. Viçosa: CFSEMG/UFV, 1999. cap. 5, p. 25-32.
  • AMADO, T.J.C.; MIELNICZUK, J. Estimativa da adubação nitrogenada para o milho em sistemas de manejo e culturas de cobertura do solo. Rev. Bras. Cienc. Solo, Viçosa, v. 24, p. 553-560, 2000.
  • AMADO, T.J.C. et al Leguminosas e adubação mineral como fontes de nitrogênio para o milho em sistemas de preparo do solo. Rev. Bras. Cienc Solo, Viçosa, v. 24, p. 179-189, 2000.
  • ANDRADE, M.J.B. et al Resposta da cultura do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L) à aplicação foliar de molibdênio e às adubações nitrogenadas de plantio e cobertura. Cienc. Agrotec, Lavras, v. 22, p. 499-508, 1998.
  • BASSO, C.J.; CERETTA, C.A. Manejo do nitrogênio no milho em sucessão a plantas de cobertura de solo sob plantio direto. Rev. Bras. Cienc. Solo, Viçosa, v. 24, p. 905-915, 2000.
  • BORTOLINI, C.G. et al Sistemas consorciados de aveia preta e ervilhaca comum como cobertura de solo e seus efeitos na cultura do milho em sucessão. Rev. Bras. Cienc Solo, Viçosa, v. 24, p. 897-903, 2000.
  • CALEGARI, A. Leguminosas para adubação verde de verão no Paraná Londrina: Iapar, 1995.
  • CALEGARI, A. et al Aspectos gerais da adubação verde. In: CALEGARI, A. et al (Ed.). Adubação verde no sul do Brasil Rio de Janeiro: AS-PTA, 1992. cap. 1, p. 1-55.
  • CARVALHO, M.A.C. Adubação verde e sucessão de culturas em semeadura direta e convencional em Selvíria - MS. 2000. Tese (Doutorado em Produção Vegetal)-Universidade Estadual Paulista, Jaboticabal, 2000.
  • CARVALHO, M.A.C. et al Doses e épocas de aplicação de nitrogênio e teores foliares deste nutriente e de clorofila em feijoeiro. Rev. Bras. Cienc. Solo, Viçosa, v. 27, p. 445-450, 2003.
  • CULTIVAR de feijão Talismã Sete Lagoas: Ufla, 2002. Folder. EMBRAPA-Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Sistema brasileiro de classificação de solos. 2. ed. Brasília: Embrapa, 2000.
  • GIACOMINI, S.J. et al Matéria seca, relação C/N e acúmulo de nitrogênio, fósforo e potássio em misturas de plantas de cobertura de solo. Rev. Bras. Cienc. Solo, Viçosa, v. 27, p. 325-334, 2003.
  • GOMES, F.P. Curso de estatística experimental. 14. ed. Piracicaba: Esalq/USP, 2000.
  • HEINRICHS, R. et al Cultivo consorciado de aveia e ervilhaca: relação C/N da fitomassa e produtividade do milho na sucessão. Rev. Bras. Cienc. Solo, Viçosa, v. 25, p. 331-340, 2001.
  • MALAVOLTA, E. et al. Avaliação do estado nutricional das plantas: princípios e aplicações. Piracicaba: Potafós, 1997.
  • MARTINEZ, H.E.P. et al Diagnose foliar. In: RIBEIRO, A.C. et al (Ed.). Recomendações para o uso de corretivos e fertilizantes em Minas Gerais: 5Ş aproximação. Viçosa: CFSEMG/UFV, 1999. cap. 17, p. 143-168.
  • MORAES, R.N.S. Decomposição de palhadas de sorgo e milheto, mineralização de nutrientes e seus efeitos no solo e na cultura do milho em plantio direto 2001. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2001.
  • OLIVEIRA, I.P. et al Nutrição mineral e fixação biológica de nitrogênio. In: ARAÚJO, R.S. (Coord.). Cultura do feijoeiro comum no Brasil Piracicaba: Potafós, 1996. p. 169-221.
  • PÖTTKER, D. Manejo da fertilidade do solo no sistema plantio direto. In: SIMPÓSIO SOBRE FERTILIDADE DO SOLO EM PLANTIO DIRETO, 1., 1997, Dourados. Anais.. Dourados: Embrapa, 1998. p. 37-42.
  • PUPO, N.I.H. Manual de pastagens e forrageiras: formação - conservação - utilização. Campinas: Instituto Campineiro de Ensino Agrícola, 1979.
  • RAIJ, B. van. Fertilidade do solo e adubação São Paulo: Ceres; Potafós, 1991.
  • RODRIGUES, J.R.M. Resposta do feijoeiro (cvs Carioca e Pérola) a doses de nitrogênio e fósforo 2001. Tese (Doutorado em Fitotecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2001.
  • ROSOLEM, C.A. Adubação potássica em semeadura direta. In: SIMPÓSIO SOBRE FERTILIDADE DO SOLO EM PLANTIO DIRETO, 1., 1997, Dourados. Anais.. Dourados: Embrapa, 1998. p. 59-75.
  • SILVA, A.J. Respostas de cultivares de feijão (Phaseolus vulgaris L.) à adubação nitrogenada 1988. Dissertação (Mestrado em Solos e Nutrição de Plantas)-Escola Superior de Agricultura de Lavras, Lavras, 1988.
  • TEIXEIRA, C.M. Diferentes palhadas e doses de nitrogênio no plantio direto do feijoeiro 2004. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2004.
  • TEIXEIRA, I.R. et al Resposta do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L. cv. Pérola) a diferentes densidades de semeadura e doses de nitrogênio. Cienc. Agrotec, Lavras, v. 24, p. 399-408, 2000.
  • VALÉRIO, C.R. Resposta do feijoeiro comum ao nitrogênio no plantio, em cobertura e em diferentes safras 2002. Tese (Doutorado em Fitotecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2002.
  • VIANELLO, R.L.; ALVES, A.R. Meteorologia básica e aplicações Viçosa: UFV, 1991.
  • XAVIER, M.A. Influência da inoculação e do nitrogênio em cobertura em duas cultivares de feijoeiro comum sob sistema de plantio direto 2002. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal)- Universidade Estadual Paulista, Jaboticabal, 2002.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    16 Ago 2013
  • Data do Fascículo
    Mar 2008

Histórico

  • Recebido
    26 Jun 2006
  • Aceito
    12 Jul 2007
Editora da Universidade Estadual de Maringá - EDUEM Av. Colombo, 5790, bloco 40, 87020-900 - Maringá PR/ Brasil, Tel.: (55 44) 3011-4253, Fax: (55 44) 3011-1392 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: actaagron@uem.br