Desempenho agronômico da soja sob diferentes rotações e sucessões de culturas em sistema plantio direto

Agronomic performance of soybean in different rotations and successions of crops in no tillage system

Este trabalho faz parte de um projeto de longa duração que teve início em 1997 e envolve produção de grãos baseada em sistemas de rotação ou sucessão de culturas. O experimento foi desenvolvido no ano agrícola 2005/06, em LATOSSOLO VERMELHO Distroférrico, na Fazenda Experimental de Ciências Agrárias da Universidade Federal da Grande Dourados - UFGD, em Dourados, Estado de Mato Grosso do Sul. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com sete tratamentos e três repetições. Em cada parcela, foram semeadas mecanicamente 26 linhas de soja com 36 m de comprimento, espaçadas entre si por 0,45 m. Os tratamentos consistiram de sete sistemas de rotação ou sucessão, envolvendo espécies semeadas solteiras ou com misturas de espécies antecessoras a soja, constituindo os seguintes tratamentos: Sistema 1: crotalária+ervilhaca/soja; Sistema 2: ervilhaca+aveia+nabo/soja; Sistema 3: girassol/soja; Sistema 4: milheto/soja; Sistema 5: milho/soja; Sistema 6: trigo/soja e Sistema 7: aveia/soja. Foram avaliadas a altura de planta, altura de inserção da primeira vagem, número de ramificações por planta, número de vagens por planta, produtividade da soja, massa de 100 grãos. Concluiu-se que podem ser utilizadas várias espécies em rotação ou sucessão de cultura com a soja no sistema plantio direto consolidado, sem afetar os componentes de produção da leguminosa.

production system; yield; covering plants


Editora da Universidade Estadual de Maringá - EDUEM Av. Colombo, 5790, bloco 40, 87020-900 - Maringá PR/ Brasil, Tel.: (55 44) 3011-4253, Fax: (55 44) 3011-1392 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: actaagron@uem.br