Novas abordagens na avaliação do vigor de sementes de pimentão

Para a avaliação do vigor de sementes podem ser utilizados uma série de testes fisiológicos, os quais, baseados em diferentes conceitos, podem resultar em diferentes interpretações dos resultados obtidos, especialmente quando há comparações de lotes com diferentes níveis de vigor. O objetivo desse trabalho foi comparar diferentes abordagens para avaliação do vigor de sementes de pimentão e verificação da aplicabilidade do programa computacional 'Seed Vigour Imaging System' (SVIS) para este propósito. Dessa forma, em dois períodos de avaliação, avaliou-se quatro lotes de sementes de pimentão por meio dos testes de germinação, emergência de plântulas, envelhecimento acelerado e análise de imagens. O uso do SVIS pode ser considerado uma nova abordagem para avaliação do vigor de sementes de pimentão. Tanto o programa computacional como os testes tradicionais forneceram informação suficiente para a análise de vigor de sementes, permitindo igualmente a segregação dos lotes analisados e, ainda, preenchem requisitos importantes para um teste laboratorial, como padronização, eficiência, rapidez e baixo-custo. Assim, permitem a comparação entre laboratórios e diminuem os riscos da influência humana na interpretação de resultados, podendo ser considerado uma possível opção para ser incluída em programas de controle de qualidade na produção de sementes de pimentão.

análise de sementes; SVIS; análise de imagens; qualidade de sementes


Editora da Universidade Estadual de Maringá - EDUEM Av. Colombo, 5790, bloco 40, 87020-900 - Maringá PR/ Brasil, Tel.: (55 44) 3011-4253, Fax: (55 44) 3011-1392 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: actaagron@uem.br