Aditivo contendo bactérias homo e heteroláticas sobre a qualidade fermentativa da silagem de milho

O presente ensaio experimental avaliou inoculação de aditivo composto por Lactobacillus plantarum, L. brevis e Enterococcus faecium em relação à silagem sem aditivo (Controle). As silagens foram confeccionadas em silos experimentais e armazenadas por 30, 60, 90 ou 120 dias antes da abertura dos silos. Foi avaliada a composição bromatológica da forragem antes e após a ensilagem, e as perdas fermentativas durante o processo. O aditivo avaliado reduziu (p <0,01) a produção de efluente (11,4 kg t-1) em relação à silagem Controle (14,0 kg t-1). A inoculação com aditivo elevou os teores de Fibra em Detergente Neutro (FDN) e Fibra em Detergente Ácido (FDA), de 45,6 e 24,5% para 47,0 e 25,1% para as silagens controle e com aditivo, respectivamente. Os tempos de armazenamento influenciaram (p < 0,01) a produção de efluente, a perda de matéria seca (PMS), os teores de FDN e FDA, e o pH das silagens. As silagens apresentaram bons parâmetros de qualidade e as perdas fermentativas observadas foram bastante reduzidas, dadas as adequadas características da cultura do milho para a ensilagem.

estabilidade aeróbia; efluente; gases; Lactobacillus brevis; Lactobacillus plantarum; perdas


Editora da Universidade Estadual de Maringá - EDUEM Av. Colombo, 5790, bloco 40, CEP 87020-900 , Tel. (55 44) 3011-4253, Fax (55 44) 3011-1392 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: actaanim@uem.br