Silagem de capim Elefante com adição do farelo de crambe conjugado a diferentes massas específicas

Arilson Moraes Cardoso Saulo Alberto do Carmo Araujo Norberto Silva Rocha Felipe Nogueira Domingues Jorge Cardoso de Azevedo Lilian de Araujo Pantoja Sobre os autores

RESUMO.

Objetivou-se avaliar os efeitos da inclusão de concentrações do farelo de crambe (Crambe abyssinica Hochst.), com diferentes massas específicas, na ensilagem de capim-elefante (Penninsetum purpureum Schum.). Para tanto foram determinadas as composições bromatológica e microbiológica das silagens experimentais. Foram utilizados 48 minissilos distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, arranjado em esquema fatorial 4 × 3, sendo quatro concentrações de inclusão do farelo de crambe (0; 10; 20 e 30%) e três massas específicas (400; 500 e 600 kg de MN m-3), com quatro repetições. Após 240 dias de fermentação os silos foram abertos. Foi observado efeito linear para os teores de MS, PB, FDNcp, FDAcp, HEM, LIG, CNF, CT e para a população de bactérias produtoras de ácido lático com a inclusão do farelo de crambe. Houve interação entre os fatores farelo de crambe e massas específicas sobre os valores de pH e N-NH3. Para as variáveis MM e contagem de leveduras houve efeito linear negativo em função da massa específica avaliada. A inclusão do farelo de crambe contribui para incrementar o perfil fermentativo e a composição bromatológica das silagens de capim-elefante estudadas, sendo os melhores resultados obtidos com a adição de 30% deste coproduto, com base na matéria natural.

Palavras-chave:
aditivo; coproduto; Penninsetum purpureum; composição bromatológica; fermentação

Editora da Universidade Estadual de Maringá - EDUEM Av. Colombo, 5790, bloco 40, CEP 87020-900 , Tel. (55 44) 3011-4253, Fax (55 44) 3011-1392 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: actaanim@uem.br