Effect of Fluoride Concentration on Reduction of Enamel Demineralization According to the Cariogenic Challenge

Resumo

O fluoreto presente em dentifrícios de 1,100 µg/g é considerado efetivo no controle de cárie dental. No entanto, sob alto desafio cariogênico devido ao aumento da exposição ao açúcar, maior concentração de fluoreto (5.000 µg/g) poderia ser necessária para compensar o desequilíbrio no processo de cárie. Isso foi testado em um modelo de ciclagens de pH, que avaliou o efeito da concentração do fluoreto, relacionada ao dentifrício, na redução da desmineralização do esmalte dental sob condição de dois níveis de desafio cariogênico. Blocos de esmalte (n=20) foram submetidos a dois regimes de ciclagens de pH, simulando 8 e 16 exposições diárias ao açúcar, e foram tratados com soluções contendo: 0 (sem flúor), 275 ou 1.250 µg F/mL, resultando em 6 grupos de tratamento: 4-h/0-F; 8-h/0-F; 4-h/275-F; 8-h/275-F; 4-h/1.250-F e 8-h/1.250-F. As concentrações de 275 e 1.250 µg F/mL simularam uma diluição salivar na cavidade bucal quando dentifrícios de 1100 e 5000 µg F/g são usados. A desmineralização do esmalte foi avaliada na superfície (%PDS) e dureza em corte. Fluoreto incorporado pelo esmalte também foi determinado. Os dados foram analisados por Análise de Variância e teste de Tukey. O tratamento com 1.250 µg F/mL reduziu significativamente %PDS comparado ao de 275 µg F/mL (p<0,05), independente do nível do desafio cariogênico (comparações 4-h/1,250-F x 4-h/275-F e 8-h/1,250-F x 8-h/275-F, respectivamente). Esses resultados foram suportados pela concentração de fluoreto encontrada no esmalte. Os resultados sugerem que maior concentração de fluoreto pode parcialmente compensar um maior risco de cárie sob um maior desafio cariogênico provocado pelo aumento de exposição ao açúcar.

Fundação Odontológica de Ribeirão Preto Av. do Café, S/N, 14040-904 Ribeirão Preto SP Brasil, Tel.: (55 16) 3602-3982, Fax: (55 16) 3633-0999 - Ribeirão Preto - SP - Brazil
E-mail: bdj@forp.usp.br