Oral Mucositis in Pediatric Oncology Patients: A Nested Case-Control to a Prospective Cohort

Isabella Lima Arrais Ribeiro Ana Carolina Rodrigues de Melo Nayara Pereira Limão Paulo Rogério Ferreti Bonan Eufrásio de Andrade Lima Neto Ana Maria Gondim Valença Sobre os autores

Resumo

Este estudo objetivou avaliar os fatores associados com a ocorrência de mucosite oral grave (SOM) em pacientes pediátricos oncológicos durante o tratamento quimioterápico. Trata-se de um estudo de caso-controle aninhado a uma coorte prospectiva que monitorou 105 pacientes por 10 semanas consecutivas após o início do tratamento quimioterápico. Regressão logística foi utilizada para identificar os fatores associados com a MOG, por grupo de malignidade (tumores hematológicos ou sólidos) (Sig.=5%). Para pacientes com tumores hematológicos foram encontrados fatores associados com a MOG em duas semanas de tratamento: na 6ª semana (aumento na frequência de doses de quimioterapia (OR=3,02)) e na 7ª semana (sexo feminino (OR=21,28); e aumento na frequência de doses de quimioterapia (OR=2,51)); e para pacientes com tumores sólidos foram encontrados fatores associados com MOG em cinco semanas de tratamento: na 1ª semana (sexo feminino (OR=14,43), aumento na idade (OR=1,24)); na 2ª semana (Miscelânea (OR=6,39)); na 5ª semana (Antimetabólitos (OR=17,44); Miscelânea (OR=45,42); e redução de plaquetas (OR=1,12)); na 6ª semana (aumento na creatinina (OR=1,63)); e na 7ª semana (aumento na creatinina (OR=2,39)). Para pacientes com tumores hematológicos, ser do sexo feminino e o aumento na frequência de doses de quimioterapia aumentou o risco para MOG; e, para pacientes com tumors sólidos, ser do sexo feminino, o aumento na idade e nos níveis de concentração sanguínea de creatinina, a redução no número de plaquetas e o uso de quimioterapia com agentes das classes Miscelânea e Antimetabólitos estiveram associados com o aumento no risco para a ocorrência de MOG.

Fundação Odontológica de Ribeirão Preto Av. do Café, S/N, 14040-904 Ribeirão Preto SP Brasil, Tel.: (55 16) 3602-3982, Fax: (55 16) 3633-0999 - Ribeirão Preto - SP - Brazil
E-mail: bdj@forp.usp.br