Preemptive and Postoperative Medication Protocols for Root Coverage Combined with Connective Tissue Graft

Ana Paula Oliveira Giorgetti Rafaela de Matos Renato Corrêa Viana Casarin Suzana Prese Pimentel Fabiano Ribeiro Cirano Fernanda Vieira Ribeiro Sobre os autores

Resumo

Este estudo avaliou o efeito preventivo e pós-operatório de dexametasona e ibuprofeno na prevenção da dor, desconforto, edema e interferência na vida diária, em pacientes submetidos ao recobrimento radicular associado a enxerto de tecido conjuntivo subepitelial (CAF + CTG). Vinte pacientes foram divididos aleatoriamente: Grupo AINES: Ibuprofeno 400 mg 60 min antes da cirurgia + Ibuprofeno 400 mg no período pós-operatório e Grupo AIES: 4 mg de dexametasona 60 min antes da cirurgia + Dexametasona 4mg no pós-operatório. A medicação pós-operatória foi administrada 8 e 16 horas pós-cirurgia. Cada paciente recebeu questionários com base na escala numérica NRS-101 (101 pontos numéricos) e perguntas de múltipla escolha (VRS-4) sobre dor / desconforto no período transoperatório, de hora em hora durante 8 h e uma vez por dia durante três dias após a cirurgia. A Escala Visual Analógica (VAS) para análise de edema e interferência na vida diária também foi respondida no 1º, 2º, 3º e 7º dia após a cirurgia. O grau de ansiedade foi estatisticamente avaliado pelo teste do Qui-quadrado. Mann-Whitney e Friedman foram utilizados para os demais questionários. Para o tempo de cirurgia e o número de analgésicos consumidos, o teste t de Student foi aplicado. Os pacientes que utilizaram dexametasona apresentaram uma tendência para menores níveis de dor quando comparados aos indivíduos que ingeriram ibuprofeno, com diferença significativa observada 3 h após o procedimento cirúrgico (p<0,05). A utilização de dexametasona também promoveu menores níveis de edema até ao segundo dia e menor interferência na vida diária no terceiro dia, quando comparada com o ibuprofeno (p<0,05). Concluiu-se que a utilização de dexametasona como medicamento preventivo e pós-operatório mostra ser mais adequado como protocolo medicamentosos para cirurgias de recobrimento radicular com associação de enxerto de tecido conjuntivo.

Fundação Odontológica de Ribeirão Preto Av. do Café, S/N, 14040-904 Ribeirão Preto SP Brasil, Tel.: (55 16) 3602-3982, Fax: (55 16) 3633-0999 - Ribeirão Preto - SP - Brazil
E-mail: bdj@forp.usp.br