Efeitos do jejum e da variação sazonal sobre as reservas lipídicas de morcegos hematófagos (Chiroptera: Phyllostomidae)

Os efeitos da variação sazonal e do jejum sobre as reservas lipídicas do morcego vampiro comum (Desmodus rotundus) foram investigadas a fim de se estabelecer o padrão do metabolismo de lipídios da espécie e possíveis alterações sazonais. Foram determinadas as concentrações de Ácidos Graxos Livres (AGL) e o conteúdo lipídico no fígado, músculos e na carcaça de animais alimentados (sangue bovino) e jejuados por 24 e 48 h, capturados durante as estações seca e chuvosa. Em geral, os depósitos lipídicos teciduais não apresentaram variações significativas em resposta às diferentes estações. As reservas de gordura diminuíram, no entanto, em resposta ao jejum, apesar de não ter sido observado nenhum aumento simultâneo dos AGL no plasma, aumento que normalmente indica mobilização lipídica. O metabolismo lipídico nestes tecidos parece importante para as necessidades energéticas dos próprios tecidos. Fatores como abundância e facilidade de acesso às presas (bovinos) podem estar contribuindo para a baixa variabilidade sazonal das reservas lipídicas teciduais.

variação sazonal; jejum; metabolismo; lipídios; Desmodus rotundus


Instituto Internacional de Ecologia R. Bento Carlos, 750, 13560-660 São Carlos SP - Brasil, Tel. e Fax: (55 16) 3362-5400 - São Carlos - SP - Brazil
E-mail: bjb@bjb.com.br