Larvas de Chironomidae (Insecta, Diptera) em fitotelmata de Bromeliaceae em um fragmento de Mata Atlântica no Estado do Rio de Janeiro

VM. Sodré O. Rocha MC. Messias Sobre os autores

Um estudo dos Chironomidae presentes em fitotelmata de duas espécies de bromélias com ocorrência em um fragmento de Mata Atlântica de uma área do município de Magé, Pau Grande, uma das áreas metropolitanas do Estado do Rio de Janeiro, por um período de 13 meses, entre setembro de 2006 e setembro de 2007. Foram realizadas 8 coletas a intervalos de aproximadamente 1 ½ mês e analisados o conteúdo dos fitotelmata das espécies Neoregelia concentrica (Vellozo) L.B. Smith, 1934 e Aechmea nudicaulis (Linnaeus) Grisebach, 1864. Realizou-se o estudo taxonômico e a avaliação da abundância das larvas de Chironomidae em 50 exemplares de bromélias, sendo 13 exemplares de N. concentrica e 37 de A. nudicaulis. Três taxons de Chironomidae pertencentes a três subfamílias distintas foram registradas: Polypedilum sp., Orthocladiinae gênero A e Monopelopia sp. No total foram coletados 293 espécimes de Chironomidae, sendo nove indivíduos de Polypedilum sp., 233 de Orthocladiinae gen. A e 51 de Monopelopia sp., este último, o primeiro registro de Monopelopia em fitotelmata para o Estado do Rio de Janeiro. Considerando-se todas as amostragens realizadas, obteve-se um valor médio de 3,32 ± 2,62 de larvas de Chironomidae por fitotelmata. A abundância dos Chironomidae nos fitotelmata das bromélias variou de acordo com a precipitação e volume de água encontrado nas bromélias, não havendo preferência por parte dos Chironomidae estudados quanto ao tipo de bromélia para colonização.

invertebrados; fauna bromelícola; Chironomidae; Floresta Atlântica


Instituto Internacional de Ecologia R. Bento Carlos, 750, 13560-660 São Carlos SP - Brasil, Tel. e Fax: (55 16) 3362-5400 - São Carlos - SP - Brazil
E-mail: bjb@bjb.com.br