Avaliação do girassol mexicano (Helianthus annus l) farinha de folha como ingrediente de ração em frangas marrons shaver.

F. Okedu E.O. Ahaotu P. de los Ríos-Escalante D. Nwabuisi Sobre os autores

Resumo

O uso de fontes nutricionais alternativas é um tópico importante para a produção animal, como a avicultura. Este estudo examinou o efeito da substituição do farelo de soja por farelo de folha de girassol na dieta de frangas marrons barbeadoras poedeiras. Um total de 30 aves poedeiras foram designadas a três tratamentos de 0% (como grupo controle), 10% e 15% de inclusão MSFLM. Quatro ovos por repetição foram retirados aleatoriamente por três dias consecutivos em intervalos de duas semanas por cinco vezes, e indivíduos de 18 semanas foram selecionados após 40 dias do tempo experimental. Parâmetros externos dos ovos (peso do ovo, comprimento do ovo, largura do ovo e índice de forma do ovo, espessura da casca) e parâmetros corporais (peso corporal final, ganho de peso), consumo de ração e produção diária da galinha foram medidos. Para comprimento do ovo, largura do ovo e espessura da casca apresentaram diferença significativa (p <0,05) nas aves controle. Peso corporal final, ganho de peso, consumo de ração e produção de dia de galinha mostraram resultados comparáveis ​​com valores de ovos de aves em dieta controle. O estudo revelou a capacidade das aves de utilizar facilmente os nutrientes das fontes de proteína. A utilização de MSFLM até 15% na dieta das frangas não revelou nenhum efeito prejudicial no desempenho das aves poedeiras e nas qualidades externas dos ovos produzidos.

Palavras-chave:
girassol mexicano; desempenho; produção de dia da galinha; perfil do ovo; características da carcaça

Instituto Internacional de Ecologia R. Bento Carlos, 750, 13560-660 São Carlos SP - Brasil, Tel. e Fax: (55 16) 3362-5400 - São Carlos - SP - Brazil
E-mail: bjb@bjb.com.br