Variação intra-annual na chuva e a sua influência nos adultos de Cyprideis spp (Ostracoda, Crustacea) em um estuário eutrofizado (Guanabara Bay, Rio de Janeiro, Brasil).

L. A. Pessoa P. C. Paiva R. Paranhos M. A. V. Freitas C. A. Echeverría Sobre os autores

Resumo

A distribuição espacial e temporal de duas espécies de ostracodes adultos (Cyprideis sp. e Cyprideis salebrosa) foi estudada em função do padrão pluviométrico na Baía de Guanabara, Rio de Janeiro, Brasil. As amostras foram coletadas em dez estações ao longo de seis campanhas, representando três períodos (Seco, Pré e Pós Chuvoso) por dois anos. As estações foram agrupadas em quatro áreas (Externo, Central, EPA Guapimirim e Impactado). A água do fundo (temperatura, salinidade, oxigênio dissolvido e saturação de oxigênio) foi medida em cada área para caracterizar a influência das variações sazonais pela chuva. Cyprideis sp. e Cyprideis salebrosa mostrou distribuição de padrões para sazonalidade/campanhas (p = 0,002 e p <0,001, respctivamente). A distribuição espacial de Cyprideis sp. foi significativamente diferente das áreas estudadas (p <0,001) indicou áreas bem definidas e distribuição ao longo das campanhas. No entanto, C. salebrosa mostrou distribuição homogênea ao longo das áreas dentro de cada campanha (p <0,001). A Análise de Redundância (RDA) para os dois anos evidenciou a preferência ambiental dos Cyprideis sp. para áreas com condições marinhas (alta influência para o canal central) e C. salebrosa para águas salobras (alta influência dos rios). Essa observação reforça a existência de áreas criadas pela sazonalidade do regime pluviométrico, uma possível dispersão dos adultos de ostracodes e a possibilidade do uso como bioindicadores.

Palavras-chave:
bioindicadores; macrobenthos; mudança climática; sedimentos; fundo não-consolidado; infralitoral

Instituto Internacional de Ecologia R. Bento Carlos, 750, 13560-660 São Carlos SP - Brasil, Tel. e Fax: (55 16) 3362-5400 - São Carlos - SP - Brazil
E-mail: bjb@bjb.com.br